Info Icon Help Icon Como funciona Ajuda
Whatsapp Icon 0800 123 2222
Envie mensagem ou ligue
Matemática

Estatística

Marcus Vinicius
Publicado por Marcus Vinicius
Última atualização: 7/12/2018

Introdução

estatística é o ramo da ciência que faz o levantamento, a coleta, e a análise de dados. O objetivo, a partir de tal análise, é poder traçar estratégias para alcançar determinado objetivo ou entender melhor o comportamento do que está sendo estudado.

Por exemplo: uma grande rede de lojas deseja analisar o poder de compra do brasileiro com idade entre 20 e 30 anos e que recebe até dois salários mínimos. Para tal, ela faz um levantamento a fim de determinar uma campanha de marketing de modo que alavanque suas vendas de acordo com os hábitos médios de tais compradores.

Porém, fica claro que não é possível analisar o poder de compra de todas as pessoas que se enquadram com tais características. Então, através de ferramentas da estatística, podemos analisar um pequeno grupo de dados que mostram como se relaciona o todo.

Conceitos iniciais

  • População: é o conjunto total de todos os dados que vão ser estudados.
  • Amostra: é um subconjunto da população que nos dá as informações que buscamos sobre ela.

Variáveis

Os dados a serem analisados de uma população são também chamados de variáveis. Uma variável pode ser qualitativa ou quantitativa. 

As variáveis qualitativas são as características dos indivíduos da população que não podem ser representadas por números. Por exemplo: sexo, cor dos olhos, escolaridade, fumante ou não fumante etc.

Podemos ainda classificar as variáveis qualitativas em:

  • Ordinal: quando podemos ordenar tais características, como grau de escolaridade (fundamental, médio, superior), dia da semana observado (domingo, segunda, terça) etc.
  • Nominal: que ocorre quando não existe esse tipo de ordenação, como por exemplo sexo (masculino ou feminino), cor do cabelo etc.

Já as variáveis quantitativas são os dados representados por números. Podemos classificá-las em variáveis quantitativas discretas ou variáveis quantitativas contínuas.

  • Variáveis quantitativas discretas: são representadas por números inteiros. Por exemplo o número de indivíduos em uma família, a quantidade de ingressantes em uma universidade etc. 
  • Variáveis quantitativas contínuas: são representadas por números reais. Temos como exemplo a altura de um indivíduo, o tempo necessário para se deslocar até o trabalho etc.

Medidas de tendência central

As medidas de tendência central, como o próprio nome diz, são valores centrais que nos dão uma representação do conjunto total de dados.

As principais que estudamos são:

  • média aritmética (simples)
  • média ponderada
  • mediana
  • moda

Medidas de variabilidade

As medidas de variabilidade nos mostram o quão dispersos (ou não) estão os dados de uma amostra. Isto é, a partir de uma medida central, a medida de variabilidade nos informa se há uma grande variação dos valores obtidos no levantamento.

As duas principais medidas de variabilidade são:

  • variância
  • desvio padrão

Exercícios

Exercício 1
(Quero Bolsa)

São variáveis quantitativas, exceto:

Ilustração: Rapaz corpulento de camiseta, shorts e tênis acenando

Inscreva-se abaixo e receba novidades sobre o Enem, Sisu, Prouni e Fies:

Carregando...