Sobre
Sobre
Como funciona
Como funciona o Quero Bolsa?
Ligue grátis
0800
0800 941 3000
Seg - Sex 8h-22h
Sábado 9h-13h
Aceitamos ligação de celular
09f402074538239e8e26b5644af5c26e28eda0f8 43398cd452dbd3f4341809bc9e07db7b37830a46
Vestibular e Enem

11 coisas que aprendi no Enem

por Natália Plascak Jorge em 12/11/18 350 visualizações

O segundo dia de provas do Enem trouxe ainda mais aprendizado e a conclusão de uma experiência difícil de ser esquecida. Mesmo sem a pressão de conseguir um grande desempenho na prova, aquele nervosismo da época de escola e muito comum quando a gente é testado foi sentido, principalmente porque as questões envolviam assuntos que eu não tinha contato há anos.

O que muita gente pode achar estranho é que eu gostei de participar da prova e viver tudo isso como jornalista. A seguir, você pode conferir algumas impressões e o que eu aprendi no Enem.

11 coisas que aprendi no Enem

  1. Eu usei a folha de rascunho



    Logo que entrei na sala e recebi a folha de rascunho no segundo dia de prova, pensei: acho que eu não vou conseguir usar esse papel. Já faz mais de 15 anos que eu saí do Ensino Médio e não vou me lembrar das fórmulas. Mas, eu me surpreendi porque consegui usar todas as folhas entregues. Pensei também que a minha mãe (professora de Matemática) ia ficar orgulhosa, porque a prova que eu mais consegui resolver foi justamente a de Matemática. Ou seja, é possível se surpreender com o que você sabe.
  2. Regra de três funciona



    Outra coisa que me marcou muito no segundo dia foi que saber regra de três é realmente importante nessa vida. Acho que essa foi a única coisa que eu aprendi muito bem e me ajudou bastante na hora da prova.
  3. O tempo é importante



    Antes de eu começar a resolver as questões, pensei que eu terminaria logo a prova e só teria que esperar o tempo necessário para levar o caderno de questões (sim, eu queria o caderno de questões). Como eu estava meio enferrujada e tentando fazer realmente as questões, eu me perdi um pouco e não tive tempo de resolver as últimas perguntas. O Enem também exige velocidade na resolução. Lembrei bastante das dicas dos especialistas que entrevistei com a recomendação de resolver as provas anteriores do Enem para ajudar no desenvolvimento dessa velocidade e no ganho de tempo. Fica a dica novamente.
  4. A memória teve que trabalhar bastante



    Sabe quando palavras como cátodo, mitocôndria, matriz e log já não fazem mais parte do seu vocabulário? Então, isso aconteceu comigo também. Quando eu li a prova e encontrei esse tipo de coisa escrita, a minha primeira reação foi a de uma risada discreta e, de novo, a sensação de que eu devia ter estudado um pouco.
  5. A  prova mudou bastante



    Diferente de quando a prova começou, em 1998, o Enem exige bastante o conhecimento do conteúdo de seus participantes. É preciso saber a matéria para resolver as questões. Por isso, vivendo isso na pele, vi o quanto estudar para o Enem faz diferença e é necessário. O senso crítico e a interpretação de texto também são muito importantes para os candidatos que prestam a prova.
  6. O calor também pode ser um adversário



    Como a prova é realizada no início de novembro, passar um pouco de calor foi inevitável. Com o aprendizado do primeiro dia, a escolha da roupa foi mais acertada e ajudou para que eu conseguisse ficar mais tempo na sala.
  7. Eu definitivamente não sei chutar


    Se tiver que escolher entre a alternativa certa e a errada, eu vou escolher a errada. O fato foi comprovado mais uma vez na minha vida.
  8. Grifar faz diferença



    Alguns dias antes da prova, estava pesquisando sobre ainda mais dicas. Entre tantas coisas que li, encontrei uma pessoa que disse que tinha grifado algumas palavras-chave nas questões. Percebi que isso realmente funciona.
  9. Os lanches também são fundamentais



    Pude perceber o quanto é importante comer alguma coisa durante a prova. Isso pode fazer diferença naquela hora que você parece não ter mais energia para continuar. Como eu tenho muita fome, já fui preparada. A prova já seria difícil. Imagine sem comida.
  10. Melhor levar poucas coisas



    Para que as coisas não fiquem atrapalhando, é bom levar o mínimo possível. Dar aquela olhada no edital também é essencial para ver os itens que são proibidos e podem ser motivo de eliminação da prova.
  11. Menos pessoas na sala



    Não sei se foram as disciplinas ou o desempenho no primeiro dia de provas, mas achei a sala mais vazia no segundo dia. Depois, fui ler mais sobre o assunto e descobri que realmente a taxa de abstenção é mais alta no segundo dia.

Bom, muita gente pode achar estranho, mas eu gostei muito de participar da prova e viver essa experiência como jornalista. Nunca é tarde para aprender algo ou viver uma coisa nova. É sempre bom testar nossos conhecimentos e ver como eles andam. Esse tipo de desafio sempre traz muita coisa boa e soma na nossa vida.

Veja também
11 pensamentos que tive durante as provas do Enem


09f402074538239e8e26b5644af5c26e28eda0f8 43398cd452dbd3f4341809bc9e07db7b37830a46

O que você achou deste artigo?

ALERTA DE VAGAS i-close
Tá na dúvida? Preencha suas preferências que a gente te ajuda a achar sua vaga ideal.
ALERTA DE VAGAS i-close
Descubra qual profissão mais se encaixa com você.

Não fique na dúvida sobre o seu futuro. Faça o Teste Vocacional do Quero Bolsa.

ALERTA DE VAGAS i-close
Nós podemos te ajudar Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

Aqui no Quero Bolsa você compare vagas com bolsa em mais de 1.000 faculdades

Preencha os campos abaixo para receber avisos de vagas disponíveis em nosso site de acordo com seus interesses.

ALERTA DE VAGAS i-close
Deixe seus contatos Mailbox 3aaacb172f1a1e1ba19b2e93f60f637592c84194967e63e952c08d3cb04fa7a8
ALERTA DE VAGAS i-close
Falta só mais um passo! Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

As nossas melhores vagas chegam de surpresa. Por isso fique ligado.

Com a sua confirmação enviaremos ofertas exclusivas diretamente no seu Whatsapp. Rápido, fácil, prático e na tela do seu celular.

CENTRAL DE AJUDA i-close
Como podemos te ajudar?

Gostaria de saber como o Quero Bolsa funciona e se o site é confiável.

Veja as perguntas frequentes

Quero receber vagas de acordo com meus interesses diretamente em meu e-mail e WhatsApp.

Tá na dúvida? Preencha suas preferências que a gente te ajuda a achar sua vaga ideal.
i-close

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Basta entrar em contato conosco em até 6 meses após o pagamento, informando seus dados e o motivo da devolução.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2019 CNPJ: 10.542.212/0001-54