Sobre
Sobre
Como funciona
Como funciona o Quero Bolsa?
Ligue grátis
0800
0800 941 3000
Seg - Sex 8h-22h
Sábado 9h-13h
Aceitamos ligação de celular
banner image banner image
Vestibular e Enem

9 epidemias que podem cair no Enem

por Giovana Murça em 26/09/19 1,9 mil visualizações

Desde a Antiguidade, doenças assolam comunidades e até países inteiros. Elas fazem parte da história e até interferiram em grandes conflitos, como na Guerra do Peloponeso na Grécia Antiga, na decadência do Império Romano, na colonização da América e até na Primeira Guerra Mundial.

As epidemias são caracterizadas pelo aumento do número de casos de uma doença transmissível acima da média em uma região ou país. Ao se espalhar e atingir outros países e continentes, o surto se transforma em uma pandemia. Fatores como a falta de vacinação, saneamento básico e informação fazem com que essas enfermidades se espalhem ainda mais. 

Se você está se preparando para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), saiba que a prova costuma cobrar conhecimentos sobre as principais epidemias do mundo, suas formas de contágio e prevenção. Para se preparar para a prova, confira 9 epidemias que podem cair no Enem!

Plano de Estudo Enem 2019: Baixe gratuitamente o plano desse mês

Varíola

Os egípcios da Antiguidade foram os primeiros a sofrerem com essa infecção altamente transmissível que matou milhares de pessoas desde então. A doença também estaria relacionada à decadência do Império Romano. Até os espanhóis ao colonizar as terras indígenas nas Américas utilizaram a doença trazidas com eles como forma de dominação dos nativos.

A primeira vacina desenvolvida no mundo foi contra a Varíola, em 1796, pelo médico britânico Edward Jenner. Hoje, a doença é considerada erradicada no mundo desde a década de 1980.

epidemias enem
Criança com Varíola na Índia em 1975 (Domínio Público)

Gripe Espanhola

A Gripe Espanhola é considerada a mãe das pandemias. Ela começou com soldados dos Estados Unidos no fim da Primeira Guerra Mundial e logo desembarcou na Europa junto com os soldados e se espalhou pelo mundo. Foram cerca de 100 milhões de vítimas entre 1918 e 1919, principalmente por conta da guerra de colocava milhares de soldados e civis em condições insalubres. No Brasil, até o presidente da época, Rodrigues Alves, faleceu em decorrência da gripe. Seu vírus, o influenza H1N1, é o mesmo que voltou a aterrorizar o mundo em 2009.

Peste Negra

A Peste Bubônica apavorou a Europa no século XVI e matou entre 80 a 200 milhões de pessoas, sendo uma das mais graves pandemias da história da humanidade. A doença é transmitida pelas pulgas dos ratos, como não havia condições de higiene e saneamento rápido, a bactéria se espalhou rapidamente pela Europa, dizimando um terço da população de lá. Até hoje, a bactéria ainda atinge alguns países.

epidemias enem
Representação da Peste Negra (Wikimedia Commons)

Tuberculose

A Tuberculose é outro desafio à saúde pública brasileira e atinge mais a população pobre e excluída socialmente. Todos os anos, são cerca de 70 mil novos casos e 4,5 mil mortes em decorrência da doença, de acordo com o Ministério da saúde. A doença ataca principalmente os pulmões, é transmitida pelo ar e pode ficar anos incubada. Segundo a Organização Mundial da Saúde, um terço da população mundial esteja infectada com a bactéria, incluindo os casos em que a doença não se desenvolve. A doença tem cura e sua prevenção é feita pela vacina BCG.

epidemias enem
Campanha contra Tuberculose (Divulgação/Ministério da Saúde)

Malária 

A Malária é outra doença transmitida pelo mosquito Anopheles e pode matar se não tratada com rapidez. Em 2010, a Organização Mundial da Saúde estima que mais de 219 milhões de pessoas contraíram a doença e 600 mil deles morreram.

Hoje, mais de metade dos países do mundo já erradicaram a doença, mas outros ainda sofrem com suas consequências, a maioria no continente africano. No Brasil, o número de casos caiu 38% em 2019, 99% dos casos da doença estão na região da Amazônia Legal. Ainda não há vacinas contra a Malária, a erradicação do mosquito e medicação para viajantes de áreas de risco são as formas de prevenção.

Leia também: Movimento Antivacinação: O que você precisa saber sobre o tema para o Enem

Ebola

A Ebola é uma febre hemorrágica altamente transmissível e que mata cerca de 90% de seus infectados. Seu vírus é transmitido por animais encontrados, principalmente, no continente africano, como chimpanzés, gorilas, morcegos e antílopes. Desde 1976, a doença surge de tempos em tempos em diversos países, deixando muitos mortos. O contágio acontece pelo contato com sangue ou fluído corporais de pessoas e animais infectados, até mesmo mortos.

Por enquanto, as vacinas contra a doença ainda são experimentais. Em 2014, o ebola vitimou mais de 11 mil pessoas nos países da África Ocidental. Hoje a região passa de novo pela epidemia, que já deixou mais de 2 mil vítimas só na República Democrática do Congo.

epidemias enem
Combate a Ebola em Burundi, África (Divulgação)

Dengue

A Dengue é uma das epidemias mais graves e persistentes no Brasil. Segundo o Ministério da Saúde, houve um aumento de 599,5% dos casos em relação ao ano passado. Ela é transmitida pela picada do mosquito Aedes aegypti e sua prevenção consiste em não deixar água parada, evitando a reprodução do transmissor.

Recentemente, outras duas doenças vindas do Aedes também preocupam: os vírus Zika vírus e Chikungunya. Ao atingir mulheres grávidas, o Zika vírus também causou o nascimento de milhares de bebês com microcefalia no Brasil.

Aids

A pandemia que nasceu nos anos 1980 já matou mais de 25 milhões de pessoas nos últimos anos. O vírus da “síndrome da imunodeficiência adquirida” (HIV) era conhecido como uma doença relacionada a homens homossexuais, mas depois começou a atingir todos os públicos.

Sua transmissão acontece por contato com sangue e fluídos corporais da pessoa infectada, principalmente por sexo desprotegido, transfusão de sangue ou da mãe para o bebê durante  a gravidez.

A Aids não tem cura , mas tem tratamento. Com campanhas de prevenção e mais pessoas utilizando camisinha, a transmissão vêm diminuindo no mundo todo. Entretanto, no Brasil o cenário é mais grave. Segundo o Ministro da Saúde, nos últimos 10 anos, o número de infecções entre pessoas de 15 a 24 anos no Brasil saltou 700%.

epidemias enem
Campanha do Ministério da Saúde contra a Aids em 2017 (Divulgação/Ministério da Saúde)

H1N1

O vírus da H1N1, também conhecida como gripe A ou Gripe Suína, foi a primeira pandemia do século XXI. O surto começou em 2009 no México e logo se espalhou pelo mundo. No Brasil foram 600 vítimas só em agosto daquele ano, liderando o número de mortes pela doença no mundo todo. O vírus é altamente contagioso, assim como a Gripe Espanhola e se espalha pelo ar, através das gotículas de saliva.

Hoje, uma das formas de prevenção, além da higiene, é a vacina, disponibilizada pelo governo brasileiro aos grupos de risco, como idosos, crianças, grávidas e doentes crônicos.

banner image banner image

O que você achou deste artigo?

ALERTA DE VAGAS i-close
Tá na dúvida? Preencha suas preferências que a gente te ajuda a achar sua vaga ideal.
ALERTA DE VAGAS i-close
Descubra qual profissão mais se encaixa com você.

Não fique na dúvida sobre o seu futuro. Faça o Teste Vocacional do Quero Bolsa.

ALERTA DE VAGAS i-close
Nós podemos te ajudar Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

Aqui no Quero Bolsa você compare vagas com bolsa em mais de 1.000 faculdades

Preencha os campos abaixo para receber avisos de vagas disponíveis em nosso site de acordo com seus interesses.

ALERTA DE VAGAS i-close
Deixe seus contatos Mailbox 3aaacb172f1a1e1ba19b2e93f60f637592c84194967e63e952c08d3cb04fa7a8
ALERTA DE VAGAS i-close
Falta só mais um passo! Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

As nossas melhores vagas chegam de surpresa. Por isso fique ligado.

Com a sua confirmação enviaremos ofertas exclusivas diretamente no seu Whatsapp. Rápido, fácil, prático e na tela do seu celular.

CENTRAL DE AJUDA i-close
Como podemos te ajudar?

Gostaria de saber como o Quero Bolsa funciona e se o site é confiável.

Veja as perguntas frequentes

Quero receber vagas de acordo com meus interesses diretamente em meu e-mail e WhatsApp.

Tá na dúvida? Preencha suas preferências que a gente te ajuda a achar sua vaga ideal.
i-close

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Você pode trocar por outro curso ou pedir reembolso em até 30 dias após pagar a pré-matrícula. Se você garantiu sua bolsa antes das matrículas começarem, o prazo é de 30 dias após o início das matrículas na faculdade.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2020 CNPJ: 10.542.212/0001-54