Sobre
Sobre
Como funciona
Como funciona o Quero Bolsa?
Ligue grátis
0800
0800 941 3000
Seg - Sex 8h-22h
Sábado 9h-13h
Aceitamos ligação de celular
Universidades

Alunos da Estácio de Ribeirão Preto visitam penitenciária e conhecem o Direito Penal na prática

por Eduardo Schiavoni em 11/03/19 170 visualizações

“Um aprendizado para a vida”. Assim a estudante Fernanda Lima, estudante do sétimo período do curso de Direito da Universidade Estácio de Sá, em Ribeirão Preto, define a oportunidade de participar de uma visita a uma penitenciária. “Essa visita agregou muito ao meu conhecimento e mudou meu modo de pensar, pois vi e ouvi histórias que me fizeram entender o quanto o sistema prisional é importante para a ressocialização de alguns presos. A gente consegue ver o Direito Penal e Processual Penal de materializando”, conta.

Fernanda, junto com colegas da turma de Direito, participou de uma visita técnica à penitenciária de Jardinópolis em 2018. Depois de passar por todos os procedimentos de segurança, que incluem revista, entrega de aparelhos celulares, entre outros, conheceu algumas alas da prisão e teve contato com detentos. “Claro que a gente sente um pouco de medo, mas foi uma experiência muito enriquecedora”, conta a estudante.

Turma de Direito em visita à Penitenciária de

Para Fernanda, a visita serviu ainda para mostrar que falta eficiência ao sistema Judiciário. “Há presos que cometeram crimes absurdos, foram julgados com pena superior a 100 anos e vão cumprir pena de no máximo 30 anos. Outros, que cometeram delitos menores, foram condenados a duas semanas de reclusão no regime semiaberto, pena que poderia ser convertida em alguma medida de segurança”, explica.

Segundo a professora Perla Muller, coordenadora do curso de Direito da Estácio em Ribeirão, durante as visitas os alunos podem verificar na prática como é a rotina de uma instituição penal de correção. “A experiência proporcionada aos discentes muito enriquece sua formação, É diferente conhecer o que diz o código penal e ver a prática de uma instituição. Certamente, modifica a visão dos alunos”, conta.

O também estudante de Direito, Gabriel Mesquita, também esteve em uma visita técnica e concorda. Para ele, a forma de encarar o sistema carcerário se aprimorou bastante com a visita. “Nós sabemos que, para o preso, nossa presença é uma exceção, e que a rotina dele ali na cadeia é diferente. Mas, nas aulas, quando o professor começou a falar sobre as penas, eu já fazia ideia do que isso significava, já sabia como era uma penitenciária”, conta.

Fernanda concorda. “Penso que, para tornarmos bons profissionais do Direito, temos que passar por experiências como essa, conhecendo todos os ramos que possamos atuar durante nossa carreira”, explica.

Solidariedade

Alunos da Estácio doaram livros para biblioteca da penitenciária

Perla também ressalta que as visitas também possuem característica social. Os alunos são incentivados, por exemplo, a doarem livros, que passam a fazer parte do acervo da biblioteca da penitenciária. “Tivemos uma grande adesão dos alunos. Os livros foram disponibilizados para os detentos, que é uma forma de contribuir com o processo de educação e ressocialização”, afirma.

A professora explica ainda que novas visitas devem ser realizadas a cada semestre. “Também estamos verificando a possibilidade de outras atividades, como a contagem de prazo para a liberdade dos detentos, em um convênio com a Defensoria. São algumas ideias que estamos tentando implementar”, conta.

Mostrando cursos em Veja mais vagas

  • Mensalidades a partir de

    R$ 270,00
    Ver Bolsas

  • {course} {university}

    Mensalidades a partir de R$ 2400/mês

Veja mais cursos

Tags relacionadas:

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Você pode trocar por outro curso ou pedir reembolso em até 30 dias após pagar a pré-matrícula. Se você garantiu sua bolsa antes das matrículas começarem, o prazo é de 30 dias após o início das matrículas na faculdade.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2021 CNPJ: 10.542.212/0001-54