Sobre
Sobre
Como funciona
Como funciona o Quero Bolsa?
Ligue grátis
0800
0800 941 3000
Seg - Sex 8h-22h
Sábado 9h-13h
Aceitamos ligação de celular
banner image banner image
Vestibular e Enem

Como fazer uma boa redação no Enem: Parte 1 – Critérios de Avaliação

por Adriana Nakamura em 29/03/18 550 mil visualizações

Atualizado em 06/03/2020

O Inep, órgão do governo responsável pela aplicação do Enem, divulga anualmente a Cartilha do Participante para a Redação do Enem.

boa redação no Enem

Mas que mão na roda! Melzinho na chupeta! Mamão com açúcar! É o Enem dizendo pra gente como eles querem que seja a redação e o que eles vão considerar como redação nota 1.000. (Aprendemos, por exemplo, que expressões como “melzinho na chupeta” seriam potenciais desqualificadoras se esta fosse uma redação para o Enem… hehe! – “hehe” também não ia colaborar para uma boa nota.)

Então, se você está se preparando para a prova, acompanhe a série de três matérias sobre Redação do Enem aqui da Revista Quero.

Nesta primeira matéria, destacamos o que será cobrado de você na Redação do Enem, de acordo com a Cartilha do Inep. O material completo pode ser acessado pelo link no fim deste post. Vamos começar?

O que será avaliado na minha redação?

Os corretores vão pegar a sua redação e avaliar como você se saiu em 5 quesitos, denominados “competências”. Veja quais são elas:

COMPETÊNCIA 1

“DEMONSTRAR DOMÍNIO DA MODALIDADE ESCRITA FORMAL DA LÍNGUA PORTUGUESA”

boa redação no Enem

Para mandar bem, seja claro, objetivo e siga as regras da escrita formal da Língua Portuguesa, de acordo com o Novo Acordo Ortográfico.

O texto deve ser escrito no gênero dissertativo-argumentativo e deve apresentar coerência, coesão, informatividade e sequenciação. Além disso, não pode apresentar marcas de oralidade e de registro informal, as palavras devem estar escritas corretamente em letra legível e você tem de obedecer às regras de concordância, regência, pontuação, flexão, colocação pronominal, acentuação gráfica, emprego de letras maiúsculas e minúsculas e divisão silábica na mudança de linha.

COMPETÊNCIA 2

“COMPREENDER A PROPOSTA DE REDAÇÃO E APLICAR CONCEITOS DAS VÁRIAS ÁREAS DE CONHECIMENTO PARA DESENVOLVER O TEMA, DENTRO DOS LIMITES ESTRUTURAIS DO TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO EM PROSA.”

O seu texto, por precisar ser dissertativo-argumentativo, tem de apresentar uma tese sobre o tema proposto pela prova. Ou seja, muito mais do que a simplesmente expor ideias, você precisa defender uma posição, um ponto de vista, com o objetivo de convencer o leitor. 

Para isso, use recursos como: exemplos; comparações entre fatos, situações, épocas ou lugares distintos; dados estatísticos; alusões históricas; pesquisas; pequenas narrativas ilustrativas; fatos comprováveis; e citações ou depoimentos de especialistas. Entre as recomendações da cartilha para a redação, pescamos as seguintes:

- Leia com atenção a proposta e os textos motivadores, para compreender bem o que está sendo solicitado;

- Não copie trechos dos textos motivadores. Lembre-se de que eles foram apresentados apenas para despertar seus conhecimentos sobre o tema;

- Reflita sobre o tema proposto para decidir como abordá-lo, qual será seu ponto de vista e como defendê-lo;

- Examine, com atenção, a introdução e a conclusão para ver se há coerência entre o início e o fim;

- Utilize informações de várias áreas do conhecimento, demonstrando que você está atualizado em relação ao que acontece no mundo.

COMPETÊNCIA 3

“SELECIONAR, RELACIONAR, ORGANIZAR E INTERPRETAR INFORMAÇÕES, FATOS, OPINIÕES E ARGUMENTOS EM DEFESA DE UM PONTO DE VISTA.”

boa redação no Enem

Aqui é avaliada a sua capacidade de organizar o texto para dar clareza às suas ideias. 

 Os corretores vão avaliar se o seu texto é coerente, se sua seleção de argumentos faz sentido, se você conseguiu desenvolver o tema em uma ordem lógica, revelando que você planejou o texto, e se o que você diz é adequado ao mundo real.

COMPETÊNCIA 4

“DEMONSTRAR CONHECIMENTO DOS MECANISMOS LINGUÍSTICOS NECESSÁRIOS PARA A CONSTRUÇÃO DA ARGUMENTAÇÃO.”

Significa que os corretores vão verificar se você é capaz de encadear bem as frases e os parágrafos, de forma que a sequenciação das ideias seja coerente. Os recursos que promovem a articulação das ideias são conjunções, preposições, pronomes relativos, advérbios e locuções adverbiais. As ideias não podem aparecer soltas, elas têm de estabelecer uma inter-relação, conduzindo o leitor a concordar com você.

COMPETÊNCIA 5

“ELABORAR PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PARA O PROBLEMA ABORDADO.”

boa redação no Enem

Depois de defender uma tese por meio de argumentos, você precisa apresentar uma proposta de intervenção para o problema, coerente com as ideias que você defendeu em sua argumentação. Essa solução não pode ser genérica e descolada da realidade. É importante detalhar seus impactos e os meios para realizá-la. 

Calma, você não precisa resolver todos os problemas do mundo. Avalie como é possível intervir no problema apresentado e como viabilizar essa proposta. A partir do Enem 2018, mesmo que a proposta viole os Direitos Humanos, a redação não poderá ser anulada, de qualquer forma, é sempre bom respeitá-los.

E aí? Todos preparados para elaborar uma redação no Enem que será avaliada com nota máxima? 😀

Não deixe de ler a Cartilha do Participante para a Redação do Enem na íntegra.

Veja também: 
Como fazer uma boa redação no Enem: Parte 2 – Estrutura do texto
Como fazer uma boa redação no Enem: Parte 3 – O que não fazer

Guia completo: Redação do Enem

Ainda não sabe escrever uma redação para o Enem? Neste guia, você aprende como deve ser o formato da redação, quais são os critérios de avaliação e vê exemplos de redações de sucesso e dicas de quem tirou nota 1.000 e é especialista no assunto.

Baixar Guia de Redação Enem

Publicado em 26/10/2016
Última atualização: 06/03/2020


banner image banner image

O que você achou deste artigo?

ALERTA DE VAGAS i-close
Tá na dúvida? Preencha suas preferências que a gente te ajuda a achar sua vaga ideal.
ALERTA DE VAGAS i-close
Descubra qual profissão mais se encaixa com você.

Não fique na dúvida sobre o seu futuro. Faça o Teste Vocacional do Quero Bolsa.

ALERTA DE VAGAS i-close
Nós podemos te ajudar Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

Aqui no Quero Bolsa você compare vagas com bolsa em mais de 1.000 faculdades

Preencha os campos abaixo para receber avisos de vagas disponíveis em nosso site de acordo com seus interesses.

ALERTA DE VAGAS i-close
Deixe seus contatos Mailbox 3aaacb172f1a1e1ba19b2e93f60f637592c84194967e63e952c08d3cb04fa7a8
ALERTA DE VAGAS i-close
Falta só mais um passo! Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

As nossas melhores vagas chegam de surpresa. Por isso fique ligado.

Com a sua confirmação enviaremos ofertas exclusivas diretamente no seu Whatsapp. Rápido, fácil, prático e na tela do seu celular.

CENTRAL DE AJUDA i-close
Como podemos te ajudar?

Gostaria de saber como o Quero Bolsa funciona e se o site é confiável.

Veja as perguntas frequentes

Quero receber vagas de acordo com meus interesses diretamente em meu e-mail e WhatsApp.

Tá na dúvida? Preencha suas preferências que a gente te ajuda a achar sua vaga ideal.
i-close

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Você pode trocar por outro curso ou pedir reembolso em até 30 dias após pagar a pré-matrícula. Se você garantiu sua bolsa antes das matrículas começarem, o prazo é de 30 dias após o início das matrículas na faculdade.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2020 CNPJ: 10.542.212/0001-54