Sobre
Sobre
Como funciona
Como funciona o Quero Bolsa?
Ligue grátis
0800
0800 941 3000
Seg - Sex 8h-22h
Sábado 9h-13h
Aceitamos ligação de celular
77d3618ff415044f19bb19338727d71e69001001 F195eea9d588d50316253182952267046a5964fe
Profissões

MBA em Gestão de Pessoas: professora conta como é o curso na Anhanguera de Jacareí

por Palloma Gabriela em 19/01/18 380 visualizações

Olá galera! Apresento para vocês uma entrevista com a mais nova integrante do corpo docente de pós-graduação da Faculdade Anhanguera de Jacareí.

Bati um papo super bacana com a professora recém-contratada do curso de MBA em Gestão de Pessoas. Cristine Gonçalves de Souza, ela que também é coach, jornalista, empreendedora, mantenedora da editora Roda da Kika e escritora de dois livros, um deles lançado recentemente: Peça-Chave: experiências inéditas de jogos e dinâmicas para processos seletivos e capacitações de pessoas. Falamos sobre o curso, mercado de trabalho, empreendedorismo e muito mais. Se você está escolhendo o curso e instituição para sua pós-graduação, esta entrevista vai te inspirar muito!

Professora Cristine com seus livros publicados

Revista QB: Fale um pouquinho de você, sua formação e profissão atual.

Cristine de Souza: Sou Coach, Educadora Corporativa, Diretora da Editora e Consultoria em Desenvolvimento Humano Roda da Kika. Minha formação é em Comunicação Social - Jornalismo e Pós-Graduada em História, Sociedade e Cultura. Sou Analista Comportamental DISC, especializada em Andragogia, Educação Corporativa e Coaching de Carreira e Empregabilidade.

Revista QB: Você assume um novo desafio, como professora de pós-graduação, agora com novas experiências na bagagem, quais são suas expectativas?

Cristine: As melhores. A turma é excelente o que contribui para o desenvolvimento em sala. Trago na bagagem experiências práticas de uma grande corporação, onde atuei como consultora em desenvolvimento humano com foco em educação corporativa. Paralelamente a isso, eu intermediei a implantação, junto à validação de diretores de dois hospitais da região e fiz a implantação da área de Educação Corporativa. Então, eu já conheço um pouco do perfil dos alunos e sei que poderemos fazer um trabalho bem bacana na Disciplina de Treinamento & Desenvolvimento.

Revista QB: O que os alunos podem esperar das suas aulas?  

Cristine: A prática! Faremos, sim, a parte conceitual, mas eles serão desafiados a colocar em prática e poderão construir algumas capacitações que, ainda estou analisando com a coordenação, mas estamos com o objetivo de reunir um grupo para que eles façam a apresentação de um módulo aos alunos que estão no início das faculdades de RH e Administração. Vamos aprender técnicas de apresentação, amortecimento, articulação em sala, formatação dos formulários de T&D, baseados na norma NBR ISO 10015, Gestão de Qualidade - Diretrizes para Treinamento, da ABNT. Vamos, inclusive, praticar por meio do autoconhecimento, para que possamos atender as expectativas dos próprios alunos, já apresentadas na primeira aula. A ideia é que eles aprendam para aplicar ao outro, mas que aprendam primeiro para aplicar em si próprios. Vamos trabalhar as questões comportamentais também neles.

Encontre cursos de {course} com o Quero Bolsa

Mostrando bolsas em Veja mais bolsas

  • Bolsas de até

    70%

    Mensalidades a partir de R$ 270,00

    Ver Bolsas

  • {course} na {university}

    Bolsas de 75%
    R$ 2400/mês

Veja mais bolsas

 

Revista QB: Inovação e tecnologia fazem parte das suas aulas? E como os professores podem inserir estes recursos em sala de aula?

Cristine: Fazem sim, tanto que o EaD também estará no percurso. Faremos convite aos participantes por meio de ferramentas digitais, vamos usar os recursos que temos para trabalhar as questões de tecnologia, como a aplicação de avaliações e pesquisas.

Revista QB: Qual a importância da pós-graduação para o mercado de trabalho?

Cristine: É a educação continuada. Falei na última semana para duas salas cheias de alunos da graduação e da pós-graduação que o profissional do momento e futuro é aquele que está em constante desenvolvimento. A faculdade é o diferencial para ingressar no mercado, a pós contribui para mantê-lo também mais atualizado e isso é bem visto aos olhos de qualquer gestor das grandes corporações. Faz toda a diferença, fez em minha carreira. Ter feito pós-graduação, inclusive, me abriu portas para dar aulas na primeira faculdade há oito anos. Há outras necessidades também, como idiomas, comportamento e postura profissional.

Revista QB: Atualmente você dá aulas na disciplina de T&D, conte um pouquinho sobre esse mercado.

Cristine: O T&D hoje está muito atrelado às áreas de Desenvolvimento Humano Organizacional ou áreas de Educação Corporativa nas empresas. Entretanto, não é algo que fique nas mãos somente desses departamentos. É algo a ser trabalhado em parceria com os diretores, que abraçam os departamentos e em parceria com os líderes, porque estão na ponta junto aos colaboradores. É uma área que contribui no alinhamento de informações estratégicas da empresa junto aos colaboradores. Desenvolve para que eles possam contribuir com suas potencialidades e serem mais valorizados em seu plano de carreira. É a área que contribui para extrair o melhor do colaborador, mas junto ao líder.

Revista QB: Quais competências as empresas esperam que o profissional de T&D tenha?

Cristine: Oratória, relacionamento inter e intrapessoal, comunicação e técnicas de apresentação, conhecimento e aplicabilidade de tudo que já vivenciou, muito estudo constantemente, jogo de cintura em sala, criatividade e inovação em fazer o mais com menos.

Revista QB:  A Anhanguera estimula muito o empreendedorismo, seja em sala de aula, em palestras e até mesmo nos trabalhos. Por qual motivo?

Cristine: A Faculdade Anhanguera acredita que a melhor estratégia é combinar o oferecimento de ensino de qualidade com preparo adequado para o mercado de trabalho. É inserir e/ou recolocar o profissional no mercado ou colaborador para que ele desenvolva o seu próprio mercado, seja gestor de sua carreira, promovendo uma movimentação positiva e ainda, promova o desenvolvimento econômico e social local. Há casos de diversos ex-alunos que atuam como empreendedores e hoje, empregam atuais alunos da instituição.

Revista QB: Na sua visão, qual o motivo do empreendedorismo crescer tanto?

Cristine: Eu participo de alguns grupos de empreendedores na região e vejo que muitas pessoas buscam ser empreendedoras após anos de trabalho dedicados a alguma grande empresa. A rotina é diferente. Trabalha-se tanto quanto, entretanto a flexibilidade profissional é o diferencial. Pelo menos foi para mim. Escolhi trabalhar na minha empresa justamente porque sou mãe e quero acompanhar a criação de meu filho. Como profissional que trabalhava, às vezes, 12 horas ou mais por dia, isso era mais complicado. Foi uma fase maravilhosa e sou eternamente grata a tudo que vivi, porque hoje uso em minha Editora e Consultoria DH.

Também vejo que, do ponto de vista de mercado, muitas pessoas foram dispensadas e optaram por tentar iniciar o próprio negócio, prova disso é que os números mostram o aumento de empreendedorismo até aqui na região. Seja o empreendedor formal como MEI ou mesmo os autônomos e profissionais informais.

Revista QB: Como você prepara seus alunos para os desafios do mercado de trabalho?

Cristine: O mercado de trabalho é a realidade. Levo a realidade em todos os aspectos para os alunos. É preciso preparo constante. Levo o lado romântico e, principalmente, o lado desafiador.

Revista QB: Como pretende impactar a vida dos seus alunos?

Cristine: Por meio da técnica 70:20:10 Framework Explained. Baseado na consultoria que leva este nome, o conceito de educação corporativa acontece 70% do tempo por meio de experiências e prática no trabalho, 20% a partir da exposição e contato com outros colegas e 10% por intermédio de cursos e programas de treinamento, sendo que a junção dos três elementos ilustra o cenário ideal de desenvolvimento para as equipes. Isso significa que é fundamental a parte teórica, entretanto é preciso estar muito bem amarrada com a prática durante a proposta da disciplina, para que saiam, de fato, mais qualificados para o mercado de trabalho.

Tags relacionadas:

77d3618ff415044f19bb19338727d71e69001001 F195eea9d588d50316253182952267046a5964fe

O que você achou deste artigo?

ALERTA DE BOLSAS i-close
Você pretende trabalhar e estudar ao mesmo tempo?
ALERTA DE BOLSAS i-close
Para se dedicar integralmente aos estudos é sempre bom economizar.Money c94fde8014ac9b0d5ad05d244e1821fb246018cdc3570b09f72c25fde99f7b1a

Gostaria de ser avisado sempre que uma bolsa de estudo estiver disponível aqui no site Quero Bolsa?

ALERTA DE BOLSAS i-close
Nós podemos te ajudar Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

Aqui no Quero Bolsa você encontra as melhores bolsas de estudo em diversos turnos, até mesmo ensino a distância.

Preencha os campos abaixo para receber avisos de bolsas de estudo disponíveis em nosso site de acordo com seus interesses.

ALERTA DE BOLSAS i-close
Deixe seus contatos Mailbox 3aaacb172f1a1e1ba19b2e93f60f637592c84194967e63e952c08d3cb04fa7a8
ALERTA DE BOLSAS i-close
Falta só mais um passo! Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

As nossas melhores bolsas de estudo chegam de surpresa. Por isso fique ligado.

Com a sua confirmação enviaremos ofertas exclusivas diretamente no seu Whatsapp. Rápido, fácil, prático e na tela do seu celular.

CENTRAL DE AJUDA i-close
Como podemos te ajudar?

Gostaria de saber como o Quero Bolsa funciona e se o site é confiável.

Veja as perguntas frequentes

Quero receber bolsas de estudo de acordo com meus interesses diretamente em meu e-mail e WhatsApp.

Você pretende trabalhar e estudar ao mesmo tempo?
i-close

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Basta entrar em contato conosco em até 6 meses após o pagamento, informando seus dados e o motivo da devolução.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2019 CNPJ: 10.542.212/0001-54