logo
Lista de faculdades Lista de cursos Lista de profissões Revista Quero Central de ajuda

banner image banner image
Pós-graduação

Pós-Graduação No Exterior: Que Tal?

* Texto escrito pela colaboradora Erica Valério

Estudar no exterior pode ser mais fácil do que você imagina. Basta se dedicar e ter foco.

Morar no exterior, respirar a cultura de outro país, conhecer pessoas novas, descobrir sabores inusitados da gastronomia local e de quebra se especializar na área que você tanto gosta.

Nada mal, não é mesmo? 

Mas saiba que fazer uma pós-graduação no exterior requer um checklist com alguns cuidados adicionais. E é para isso que nós do Quero Bolsa estamos aqui: para te ajudar a entender os passos deste sonho.


Há quem diga que essa é uma tarefa quase impossível. Mas e se a gente disser que hoje em dia existem diversas maneiras de realizar seu curso fora do país? E o melhor, em alguns casos é possível concluir o programa sem pagar mensalidade, com isso o dinheiro que você reservou pode ter outro destino (calma lá!). 

O estudante Eder Goulart sabe muito bem como é essa experiência. Formado em Recursos Humanos pelo Centro Universitário Amparense, ele que é Chef de Cozinha em Dublin, na Irlanda, ingressou no início do ano no Independent College Dublin, para cursar pós-graduação em Administração.

Há três anos no país, Eder conta que o programa não é nada fácil, mas que está cada dia mais animado com os aprendizados. “Eu tenho fluência no inglês, então isso me ajudou muito. As fases de testes e entrevistas foram bem criteriosas, mas nada que fosse de outro mundo. A rotina de estudos é semelhante a que eu tinha no Brasil, a diferença é o idioma e os cases que os professores utilizam para exemplificar algumas matérias”, conta.

Ele disse ainda que o seu planejamento para a ilha da Esmeralda durou cerca de um ano, sem contar as horas de estudo para aperfeiçoar o idioma e a busca pelos documentos necessários. “Puxei o freio de mão para investir em algo que eu sabia que daria frutos no futuro. O mais impressionante é que já estou colhendo os resultados antes do esperado. Em menos de três meses de pós-graduação eu consegui uma posição melhor no restaurante onde trabalho e os planos são alcançar a gerência até o final do primeiro semestre de 2021 estão cada vez mais perto”, explica bem animado.

Show me the money

É preciso planejamento para enfrentar a jornada que virá pela frente. Se organize para juntar o máximo de dinheiro que conseguir para pagar a mensalidade da universidade selecionada e ainda para se manter no país, uma vez que os custos podem ser bem altos.

Se você optar pelo MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts), que já formou mais de 80 prêmios Nobel e é sempre presença garantida no topo dos maiores rankings de qualidade na Educação, saiba que irá desembolsar em torno dos US$ 60 mil por ano - fora os gastos com alimentação e moradia.

Além do diploma você terá ainda a satisfação em dizer que estudou no mesmo lugar em que Kofi Annan, ex-secretário geral das Nações Unidas; Drew Houston, criador do Dropbox; e Buzz Aldrin, astronauta da missão Apollo 11 se formaram (show de bola, hein?).

Free study

Como citamos no início desta matéria, é possível estudar fora do Brasil com o ajuda de uma bolsa de estudos. Neste caso, cada programa conta com seu processo seletivo próprio, mas, em geral, o candidato deve preencher um cadastro que prove sua renda e sua alta performance acadêmica.

Além das instituições privadas, também é possível conquistar a tão sonhada bolsa com o apoio do governo federal - o programa Ciência Sem Fronteiras é um principal caminho para isso.

A iniciativa é uma parceria entre os Ministérios da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e da Educação (MEC), que por meio das Secretarias de Ensino Superior, da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) incentivam os interessados a aprimorarem seus conhecimentos a partir de diversas áreas de interesse.

The book is on the table

Ter fluência na língua nativa do local de estudo também é muito importante para não passar vergonha. Pense bem, se no seu idioma já surgem algumas dificuldades, imagine só em outro país onde você não domina a fala. 

Além dos testes de inglês mais conhecidos, como o TOEFL e o IELTS, países de língua não-inglesa podem pedir testes específicos, como o DELF para o francês, o DELE para o espanhol e o CELI para o italiano.

Todos eles servirão para confirmar que a sua fluência no idioma é satisfatória para ingressar em uma instituição na qual aquela língua é predominante.

Let’s check

Muitos cursos de pós-graduação exigem cartas de recomendação de professores, colegas ou até mesmo do trabalho, portanto, é importante prever. Documentos como o currículo e histórico escolar também fazem parte da lista de exigência. E atenção: as instituições também realizam entrevistas com os futuros estudantes.

Pós no exterior
Estudar no exterior pode ser mais fácil do que você imagina
Ranking das melhores instituições

Publicado pela Quacquarelli Symonds, do Reino Unido, esse ranking leva em conta seis fatores para estabelecer as instituições de destaque. Entre eles estão: reputação acadêmica e junto aos empregadores, proporção entre o número de alunos e professores, citações por docente, proporção de professores estrangeiros e de alunos do exterior.  Ainda segundo o levantamento de 2020, estas são as melhores universidades do mundo:

  1. MIT (Instituto de Tecnologia de Massachussets)
  2. Universidade de Stanford
  3. Universidade de Harvard
  4. Caltech (Instituto de Tecnologia da California)
  5. Universidade de Oxford

Não é surpresa que a classificação traga na liderança instituições de renome como MIT e Stanford. São universidades com muita fama e reputação entre as empresas que contratam, por exemplo, profissionais que atuam com Tecnologia. Por sua vez, localizada no coração do Vale do Silício, na região de Palo Alto, Stanford atrai mentes criativas e é responsável por impulsionar o surgimento de uma série de startups de tecnologia anualmente.

As melhores universidades do mundo estão no exterior. Sendo assim, a conclusão de uma pós-graduação fora do país pode agregar e muito na sua vida profissional. Além disso, você vai aperfeiçoar um segundo idioma e se destacar ao conviver e aprender com autoridades acadêmicas que são referência em sua área de atuação.

Que tal se preparar melhor para o mercado de trabalho?

Quero Bolsa possui uma lista de bolsas de estudo com desconto de até 75% em mais de 1.100 instituições em todo o Brasil. Para que você esteja cada vez mais preparado para o mercado de trabalho, não deixe de investir o seu tempo e conhecimento em uma pós-graduação ou outras modalidades de educação.

Se você não sabe ainda qual pós-graduação fazer, faça aqui o seu teste totalmente grátis e descubra. Veja abaixo as melhores bolsas de estudo para o curso que mudará a sua vida:

Bolsas de Pós-graduação

banner image banner image

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Você pode trocar por outro curso ou pedir reembolso em até 30 dias após pagar a pré-matrícula. Se você garantiu sua bolsa antes das matrículas começarem, o prazo é de 30 dias após o início das matrículas na faculdade.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2022 CNPJ: 10.542.212/0001-54