logo
Lista de faculdades Lista de cursos Lista de profissões Revista Quero Central de ajuda

banner image banner image
Especiais

Sala de Estudos 08: Mara Gerbelli mostra que ter alunos como agentes de seu próprio aprendizado pode ser transformador

por Rui Gonçalves em 30/05/19

Estudantes com autonomia e protagonistas do próprio aprendizado. Essa é a proposta do Instituto Pandavas, instituição de ensino localizada na zona rural do município paulista de Monteiro Lobato, no meio da Serra da Mantiqueira. 

O Sala de Estudos foi até lá para conversar com Mara Novello Gerbelli, diretora do Instituto. Ela conta que desde 2013 se inspira no modelo da Escola da Ponte, idealizada pelo educador português José Pacheco, que rompe com os métodos tradicionais de ensino, no qual o professor ensina e o aluno aprende.  

“Quando a gente foca no aluno e confia nas capacidades dele, você vê que, tendo um roteiro para ele se guiar, ele vai conseguir chegar ao conhecimento, com a ajuda de um tutor ou de um professor’’, afirma Mara Gerbelli.

No bate-papo com o jornalista Rui Gonçalves, Mara explica como funciona o método de ensino na prática, com aulas em grupo e atividades direcionadas fora das salas de aula, o que faz com que os estudantes sejam os principais agentes de seu próprio aprendizado, mas a conversa vai além. Abordando temas relacionados à educação de base no país e a valorização do professor como instrumento de transformação de uma sociedade, o conteúdo é uma lição de como a educação pode ser conduzida de forma eficiente e criativa.

História do Instituto Pandavas

A história do instituto teve início em 1977 quando o então Centro Pedagógico Casa dos Pandavas foi criado para atender crianças em situação de vulnerabilidade social. Com a chegada da idade escolar dos pequenos, foi necessário criar uma escola de Educação Infantil e Ensino Fundamental para atendê-las. Há seis anos, o processo pedagógico tomou o caminho do ensino com autonomia, focado na individualidade e nas capacidades de cada estudante.

Assista, curta e compartilhe mais um episódio do Sala de Estudos, projeto da plataforma Quero Bolsa, desenvolvida pela startup Quero Educação para ouvir quem pensa, quem faz e quem é impactado pela educação.

Veja também: Sala de Estudos: o programa de entrevistas que vai fazer você entender a Educação no Brasil 

banner image banner image

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Você pode trocar por outro curso ou pedir reembolso em até 30 dias após pagar a pré-matrícula. Se você garantiu sua bolsa antes das matrículas começarem, o prazo é de 30 dias após o início das matrículas na faculdade.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2022 CNPJ: 10.542.212/0001-54