logo
Lista de faculdades Lista de cursos Lista de profissões Revista Quero Central de ajuda

Ensino Básico

Volta às aulas 2021: veja as datas de início do ano letivo em cada estado

por Luiza Padovam Vieira em 25/01/21

Atualizado em 23/02/2022

Após dois anos letivos conturbados por causa da pandemia de covid-19, o calendário escolar deve voltar a se normalizar. Ao menos essa é a expectativa das secretarias estaduais de educação quanto a volta às aulas presenciais em 2021.

Encontre bolsas de estudo de até 80% para todos os níveis de ensino

Aos poucos, os governos estaduais têm optado por fazer um retorno presencial dos estudantes para as escolas. Até o momento, apenas três estados não terão aulas presenciais no mês de agosto nas redes estaduais de ensino. As regras não se aplicam para a rede privada, que, em alguns estados, possuem medidas mais flexíveis.

Foto mostra menino de máscara escrevendo em seu caderno. O acessório será item essencial no retorno às aulas presenciais, em 2021.

De maneira geral, quase todos os estados planejam um retorno a partir de agosto. Acre e Paraíba já decidiram que as aulas presenciais acontecerão a partir de setembro. O estado de Roraima é o único sem uma data para o retorno presencial na rede estadual.

Leia também:
+ Saiba como escolher uma escola para o seu filho
+ Pesquisa revela que 38% dos alunos querem um modelo de ensino híbrido quando as aulas retornarem

No primeiro semestre de 2021, grande parte das secretarias de educação optou pelo modelo híbrido de ensino, que mescla aulas presenciais e remotas. Do mesmo modo, para o segundo semestre, o modelo híbrido deve permanecer em grande parte das escolas. 

Isso porque algumas atividades devem permanecer remotas. Assim, a volta ao modelo presencial não significa que as aulas serão como antes da pandemia, ao menos não ainda em 2021.

Confira a volta às aulas 2021 em cada estado do Brasil:

As informações a seguir são resultado tanto de um levantamento realizado pela consultoria Vozes da Educação como de pesquisas feitas nos sites das secretarias estaduais de Educação.

  •  Amazônia (AM): retorno previsto para o dia 1° de junho;

  • Pernambuco (PE): retorno previsto para setembro, ainda sem data definida;
  • Minas Gerais (MG): retorno previsto para o dia 02 de agosto;
  • Espírito Santo (ES): retorno previsto para o dia 26 de julho;
  • Rio de Janeiro (RJ): retorno previsto para o dia 26 de julho;
  • São Paulo (SP): retorno previsto para o dia 02 de agosto;
  • Paraná (PR): retorno previsto para o dia 02 de agosto;
  • Santa Catarina (SC): retorno previsto para o dia 02 de agosto;
  • Rio Grande do Sul (RS): retorno previsto para o dia 04 de agosto;
  • Mato Grosso do Sul (MS): retorno previsto para o dia 02 de agosto;
  • Mato Grosso (MT): retorno previsto para o dia 03 de agosto;
  • Goiás (GO): retorno previsto para o mês de agosto, ainda sem data definida;
  • Distrito Federal (DF): retorno previsto para o dia 02 de agosto;
  • Rondônia (RO): retorno previsto para o dia 09 de agosto;
  • Acre (AC): retorno previsto para o dia 08 de setembro;
  • Amapá (AP): retorno previsto para o dia 02 de agosto;
  • Pará (PA): retorno previsto para o dia 02 de agosto;
  • Maranhão (MA):  retorno previsto para o dia 02 de agosto;
  • Piauí (PI):  retorno previsto para o dia 09 de agosto;
  • Bahia (BA):  retorno previsto para o dia 26 de julho;
  • Sergipe (SE):  retorno previsto para o dia 17 de agosto;
  • Alagoas (AL):  retorno previsto para o dia 16 de agosto;
  • Paraíba (PB):  retorno previsto para o mês de setembro, ainda sem data definida;
  • Rio Grande do Norte (RN):  retorno previsto para o dia 26 de julho;
  • Ceará (CE):  retorno previsto para o segundo semestre, ainda sem mês e dia definidos.

Sem previsão de retorno

  • Roraima (RR): sem previsão de retorno.
  • Na rede privada de ensino, um levantamento realizado pela Federação Nacional de Escolas Particulares (FENEP) identificou que, em todos os estados, as escolas estão abertas, adotando o modelo híbrido de ensino.
  • A instituição realizou ainda, um plano com protocolos de saúde e orientações pedagógicas, a fim de auxiliar as escolas particulares na volta às aulas em meio à pandemia. Dentre eles, estão:

  • Organizar sua estrutura operacional para que seus alunos mantenham uma distância
    de 1m²
    entre eles e as demais pessoas;

  • Uso obrigatório de máscaras;

  • Disponibilizar álcool em gel 70% em todos os ambientes do estabelecimento;

  • A instituição de ensino deverá priorizar o formato de ensino remoto, promovendo gradualmente a adoção de atividades educacionais presenciais de forma segura;

  • A escola deverá desenvolver um plano de trabalho domiciliar para os estudantes do grupo de risco, ou àqueles que não se sintam confortáveis para comparecer às aulas presenciais; 

  • As instituições de ensino deverão desenvolver um plano de trabalho remoto para que professores e demais colaboradores que se encontrem no grupo de risco possam desenvolver suas atividades.

    No site da Quero Bolsa, os familiares podem verificar quais escolas estão matriculando normalmente e quais oferecem aulas on-line. O portal permite também que as famílias encontrem instituições ao redor do Brasil que possuem bolsas de estudo, desde o Ensino Infantil até o Ensino Médio. 

Encontre uma escola com bolsa de estudo de até 80%



Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Você pode trocar por outro curso ou pedir reembolso em até 30 dias após pagar a pré-matrícula. Se você garantiu sua bolsa antes das matrículas começarem, o prazo é de 30 dias após o início das matrículas na faculdade.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2022 CNPJ: 10.542.212/0001-54