Info Icon Help Icon Como funciona Ajuda
Whatsapp Icon 0800 123 2222
Envie mensagem ou ligue
Biografias

Benjamin Franklin

Natália Cruz
Publicado por Natália Cruz
Última atualização: 23/11/2018

Introdução

Benjamin Franklin nasceu em Boston, em 17 de janeiro de 1706. Filho de um fabricante de sabão de família bastante humilde, ele aprendeu a ler sozinho e ingressou na escola para os estudos formais apenas aos 8 anos de idade. Com mais 17 irmãos, aos 12 anos Franklin largou a escola para trabalhar na gráfica do irmão James, onde era publicado o semanário The New England Courant.

Os trabalhos na gráfica despertaram a paixão de Franklin pelo estudo das letras e idiomas. Aos 17, Franklin mudou-se para a Filadélfia para trabalhar como aprendiz de impressor. Em 1729, Franklin tornou-se dono de sua própria gráfica e iniciou a publicação do jornal The Pennsylvania Gazette.

Mais tarde, Franklin se ocupa da publicação do almanaque Poor Richard. Em 1731, Benjamin Franklin cria a primeira biblioteca pública da América.

Política

Durante os anos que se dedicou à impressão, Franklin fez visitas à Inglaterra para efetuar a compra de equipamentos para sua gráfica. Durante essas viagens, pode conhecer mais a fundo as práticas políticas e comerciais que a Inglaterra adotava com a então colônia, Estados Unidos. Pensando na relação entre colônia e metrópole, Franklin decidiu entrar para a política. 

No retorno aos Estados Unidos, Franklin dedicou-se a trabalhar como escriturário e membro da Assembléia Geral da Pensilvânia, cargo que ocupou entre os anos de 1736 e 1757. No mesmo ano de 1757, Franklin foi enviado para a Inglaterra como mediador de conflito entre a coroa Britânica e a Assembleia da Pensilvânia. Franklin soluciona o conflito e retorna as colônias americanas com prestígio político e, em 1776, é declarado embaixador das colônias.

Franklin defendia com veemência o menor controle da Inglaterra sobre as colônias americanas e a possibilidade de os colonos terem mais autonomia na gestão de seus próprios territórios e negócios. 

Em março de 1775, prevendo a proximidade da Independência Americana, ocorrida em 1776, Franklin reúne-se na Filadélfia com Thomas Jefferson e Samuel Adams.  Juntos, os três fizeram parte do II Congresso Continental, que organizou o comitê que elaborou a Declaração da Independência.

Em seguida, Franklin partiu em busca de apoio para a França, que já demonstrava ideais revolucionários que influenciaram posteriormente a independência de outras colônias. Em 1783, assina o Tratado de Paz em Paris, que resultou em aliança entre os dois países. Franklin retorna aos Estados Unidos já independente é eleito presidente da Pensilvânia e, em 1787, participa como um dos delegados responsáveis pelo desenvolvimento da Constituição Americana.

Como político, a importância de Franklin está ligada aos movimentos de independência e desenvolvimento da Constituição. Por conta dessa expressiva participação, Franklin é considerado um dos mais famosos e importantes “founding fathers” (pais fundadores):  políticos que participaram da organização social, política e jurídica das treze colônias inglesas na América do Norte. 

Franklin foi homenageado com o rosto estampado na nota de 100 dólares americanos.

As invenções 

Além das importantes contribuições políticas no decorrer da vida desenvolveu uma série de experimentos e invenções, que deram origem a equipamentos usados até hoje, como o para-raios. Entre os principais e mais importantes inventos de Benjamin Franklin estão:

Para-raios

Em estudos sobre a eletricidade, Franklin concluiu que a eletricidade está fluindo. Para provar a afirmação, Franklin utilizou um fio de metal para empinar uma pipa de seda. A partir desse experimento, provou que a carga elétrica dos raios descia pelo fio de metal. O para-raios criado por Franklin é um dispositivo com a haste de metal, que atrai a carga elétrica dos raios, que por sua vez, são conduzidos por cabos metálicos até o solo, onde a carga é dissipada, evitando acidentes e danos a estruturas e construções.

Lareira Pensilvânia

Franklin criou um sistema de aquecimento de ambientes mais seguro, o chamado fogão de ferro. O modo como a estrutura foi desenhada diminuía o risco de acidentes e o uso de menos quantidade de lenha. A estrutura serviu de inspiração para modernização das lareiras e para os fornos, devido à estrutura segura e moderna, que evitava a dissipação do calor.

Lentes Bifocais

Franklin sempre foi um assíduo leitor, no entanto, enfrentou problemas de visão muito jovem, para que tivesse que trocar constantemente os óculos para perto e para longe, Franklin desenvolveu as lentes bifocais, com isso, poderia com os mesmos óculos enxergar para longe e perto.

Umidificador de ambientes

Franklin criou um sistema acoplado as lareiras que umidificam o ar do ambiente, sistema ainda utilizado nos umidificadores modernos de ar.

Cateter Urinário Flexível

Benjamin Franklin, para colaborar com um dos irmãos que sofria de cálculos urinários, propôs a ligação de um pequeno tubo flexível ligado à bexiga do paciente através da uretra, para que o paciente pudesse urinar com menos dor e mais conforto.

Dentre as várias experimentações de Franklin, as anteriormente citadas são tidas como as de maior relevância, pois contribuiram diretamente para alterações no cotidiano e aumento na qualidade de vida.

Nota de cem dólares com o rosto de Benjamin Franklin.Nota de cem dólares com o rosto de Benjamin Franklin.


Exercícios

Exercício 1
(UFJF)

O horário de verão foi sugerido por Benjamin Franklin, em 1784. Atualmente é adotado por vários países, inclusive o Brasil. Com relação à adoção do horário de verão no Brasil, marque a alternativa INCORRETA:

Ilustração: Rapaz corpulento de camiseta, shorts e tênis acenando

Inscreva-se abaixo e receba novidades sobre o Enem, Sisu, Prouni e Fies:

Carregando...