Info Icon Help Icon Como funciona Ajuda
Whatsapp Icon 0800 123 2222
Envie mensagem ou ligue
Biografias

Paul Cézanne

Gabriela Costa Costa
Publicado por Gabriela Costa Costa
Última atualização: 1/6/2019

Introdução

Paul Cézanne foi um pintor francês. Um dos nomes mais importantes do pós-impressionismo, Cézanne inovou técnicas influenciando artistas de movimentos posteriores.

Paul Cézanne (1839- 1906) pintor pós impressionista francês

Cubismo e Surrealismo são exemplos de movimentos que tiveram a obra de Cézanne como influência.

Trajetória

Paul Cézanne nasceu em 19 de janeiro de 1839, no sul da França, na cidade de Aix-en-Provence. Seu pai, Louis-Auguste Cézanne, era banqueiro, de modo que sua família vivia em ótimas condições financeiras.

Com dez anos, Cézanne começou a fazer aulas de desenho, em Aix. Seu pai, no entanto, não aceitava bem a ideia de seu filho seguir carreira como artista.

Foi por insistência de seu pai que, posteriormente, em 1859, Cézanne entraria para a faculdade de Direito.

Em 1861, com o apoio de um grande amigo, o escritor Émile Zolá, Cézanne mudou-se para Paris, onde pretendia iniciar seus estudos na escola de Belas Artes.

Ali, conheceu muitos outros artistas, como Pizarro. Cézanne não foi aceito no exame de admissão da Escola e, então, retornou à sua cidade natal, onde permaneceria apenas por mais um ano antes de retornar a Paris.

Ali, Cézanne ingressa na Academia Suíça. Conhece muitos pintores do movimento impressionista, como Claude MonetRenoir e Édouard Manet.

Seus trabalhos foram recusados diversas vezes para exposição no Salão Oficial de Paris. No entanto, Cézanne consegue expor algumas no local. Suas obras não são muito bem recebidas pela crítica.

Em 1869, Cézanne conhece a modelo Hortense Fiquet. Temendo a desaprovação de seu pai e o corte da pensão que recebia, o artista esconde o relacionamento e seu filho, que nasce em 1872. Seis anos depois, seu pai descobre ambos e corta a pensão.

Paul Cézanne morreu em sua cidade natal no dia 22 de outubro de 1906. Seu trabalho começou a ser reconhecido apenas após a sua morte.

Obra e Pós-Impressionismo

Em suas obras, Cézanne passa a rejeitar padrões acadêmicos da época, assim como seus colegas do Impressionismo. No entanto, essa atitude não aproxima seus primeiros trabalhos a outros do mesmo movimento.

As primeiras obras de Cézanne possuem cores escuras e temáticas românticas. Muitas apresentam a técnica de cores sobrepostas.

Após algum tempo, o artista passa a trabalhar ao ar livre e sua paleta de cores vai tomando tons mais claros. O resultado são obras como “A Tentação de Santo Antônio” (1870) e “Pastoral ou Idílio” (1870).

Cézanne sai de Paris e vai para a residência de campo de sua família após as críticas ruins que seus quadros recebem. É nesse momento que seu estilo toma forma e consistência.

Paul Cézanne passa a pintar retratos, natureza-morta e, principalmente, paisagens. Cada vez mais, suas obras refletem seu cuidado com formas geométricas.

O movimento pós-impressionista distanciou-se do seu precursor, o Impressionismo. Destacava a importância do lado subjetivo, humano, emocional e sentimental em suas produções.

Ilustração: Rapaz corpulento de camiseta, shorts e tênis acenando

Inscreva-se abaixo e receba novidades sobre o Enem, Sisu, Prouni e Fies:

Carregando...