Info Icon Help Icon Como funciona Ajuda
Whatsapp Icon 0800 123 2222
Envie mensagem ou ligue
Biografias

Pierre Auguste Renoir

Gabriela Costa Costa
Publicado por Gabriela Costa Costa
Última atualização: 14/5/2019

Introdução

Pierre Auguste Renoir (1841 - 1919) foi um importante pintor francês. Fez parte do Impressionismo e destacou-se por suas pinturas, hoje muito famosas no mundo todo.

Renoir é conhecido por celebrar a beleza e, especialmente, a sensualidade feminina.

Auto-retrato de Renoir (1910)

Entre algumas de suas obras mais importantes estão: “Lise” (1867), “Rosa e Azul” (1881) e “Retrato de Claude Renoir” (1908).

Trajetória

Filho de um alfaiate e uma costureira, Pierre-Auguste Renoir nasceu em 1841, em Limoges, na França. Foi o sexto filho de uma família que tinha origens humildes.

Poucos anos após seu nascimento, sua família mudou-se para Paris. Instalaram-se perto do Museu do Louvre. Nessa cidade, Renoir passaria a frequentar uma escola católica.

Desde cedo, mostrou talento para desenhar. Na escola, porém, foi encorajado por seu professor a frequentar as aulas de canto. Devido à condição financeira da família, Renoir teve que abandonar as aulas de música.

Aos 13 anos, abandonou a escola para se tornar aprendiz em uma fábrica de porcelanas. Na fábrica, Renoir começou a pintar: aprendeu a copiar desenhos para pintar pratos e louças.

Usando a técnica da cópia aprendida durante seu trabalho, Renoir começou a estudar algumas das grandes obras penduradas no Louvre. Então, ele entrou na École des Beaux-Arts, uma escola de arte famosa, em 1862. 

Frequentando estúdios de outros artistas, Renoir conheceu Frederic Bazille, Claude Monet e Alfred Sisley. Sua rede de contatos aumentaria através de Monet, com Camille Pissarro e Paul Cézanne.

Obra

Em 1867, Renoir pinta a tela “Lise”, considerada sua primeira obra de destaque. Em 1868, a obra é aceita pelo Salão Oficial das Artes. O Impressionismo já existia, porém ainda não tinha nome, mas já se sabe que a impressão do momento é a valorização em cor e pinceladas largas na tela.

Em 1870, alistou-se na Guerra Franco-Prussiana, mas ficou doente e foi liberado no ano seguinte.

Em 1874, algumas obras seriam rejeitadas no Salão Oficial. Renoir, Monet, Degas, Pizarro, entre outros artistas, organizam a primeira exposição dos jovens impressionistas no atelier do fotógrafo Nadar.

Em 1878, Renoir expõe, no Salão Oficial, os retratos da atriz Jeane Samary e de Madame Georges Charpentier, que o introduziu nos meios sociais, obtendo compradores para seus quadros.

Em 1883, realiza sua primeira exposição individual. Em 1892 o Governo francês adquiriu um quadro seu, isso fez com que sua fama aumentasse.  

Em 1897, Renoir foi acometido de reumatismo, de modo que passou a ter problemas de mobilidade.

Casamento e morte

Em 1880, Renoir casou-se com sua modelo Aline Charigot, com quem teve três filhos. O ator Pierre Renoir, o cineasta Jean Renoir e o ceramista Claude Renoir. Foi avô do cineasta Claude Renoir.

Renoir continuou a pintar até sua morte. Morreu em 1919, em Cagnes-sur-Mer, França.


Exercícios

Exercício 1
(UFG/2010)

Analise os quadros abaixo:

Renoir, Pierre-Auguste. As grandes banhistas, 1887. Museu de Arte da Filadélfia.

Picasso, Pablo. As damas de Avignon, 1907, Museu de Arte Moderna, Nova York.

A comparação entre as pinturas de Renoir e Picasso revela uma mudança fundamental na concepção artística, no início do século XX. Essa mudança pode ser identificada na:

Ilustração: Rapaz corpulento de camiseta, shorts e tênis acenando

Inscreva-se abaixo e receba novidades sobre o Enem, Sisu, Prouni e Fies:

Carregando...