Info Icon Ajuda Help Icon Ajuda
Biologia

Rins

Jéssica Maciel
Publicado por Jéssica Maciel
Última atualização: 12/10/2018

Introdução

Os rins são dois órgãos que atuam no sistema excretor e se localizam abaixo da caixa toráxica, um de cada lado da coluna vertebral.

Tem aproximadamente 11 centímetros de comprimento e 5 centímetros de largura. Sua principal função é filtrar o sangue, produzindo aproximadamente 2 litros de urina por dia.

Função

Os rins têm função fundamental no sistema excretor humano. Eles são responsáveis por excretar através da urina as substâncias tóxicas, como por exemplo a ureia.

Também tem o papel de regular o equilíbrio ácido-base, mantendo o PH do sangue constante.

Além disso, os rins também regulam a quantidade de líquido corporal retirando excessos do organismo e a pressão sanguínea.

Funcionamento

Para que a filtração do sangue se inicie, uma quantidade de sangue chega a cada rim  proveniente da artéria renal, que é uma ramificação da artéria aorta.

O sangue segue pela artéria renal, que se ramifica em arteríolas e se conecta aos néfrons, onde ocorrerá a filtração. Após esse processo, o sangue continua seu caminho pelas veias renais.

Néfrons

Em cada rim humano existem milhares de néfrons, que são longos tubos com uma extremidade fechada e dilatada: a cápsula renal (cápsula de Bowman).

A parte do tubo que se conecta à cápsula renal é chamado de túbulo proximal, seguida pela alça de Henle e pelo túbulo contorcido distal. O túbulo contorcido distal chega ao túbulo coletor, que recebe líquido proveniente de diversos néfrons.

Quando o sangue chega aos néfrons, o primeiro local no qual é depositado é a cápsula de Bowman, onde ocorre a filtração da água, glicose, aminoácidos, íons e ureia propiciadas pela pressão sanguínea.

Após esse processo, as substâncias filtradas, agora chamadas de filtrado glomerular, chegam ao túbulo proximal e então ocorre a reabsorção de água, glicose e aminoácidos.

Na alça de Henle ocorre o mesmo processo da absorção, agora de água e sódio. É dessa forma que o sangue consegue recuperar parte dos materiais que passaram do plasma para a cápsula renal.

Para completar o processo, a rede de capilares ao redor do túbulo distal secreta alguns materiais como drogas, amônia, íons H+, e ácido úrico, formando assim a urina que é lançada no túbulo coletor que está recebendo urina de vários outros néfrons. Esses tubos se agrupam e seu conteúdo é eliminado pela pelve renal.

Um hormônio chamado vasopressina (ou hormônio antidiurético - ADH) atua nos néfrons aumentando a reabsorção da água, permitindo que o organismo a conserve e, para isso, aumenta a concentração da urina e diminui seu volume.

Anatomia dos rins

Anatomia externa

Na região externa, os rins são revestidos por três camadas de tecido: a fáscia renal, a cápsula adiposa e a cápsula fibrosa.

  • A fáscia renal é uma condensação de tecido conjuntivo que prende o rim às estruturas adjacentes e o mantém em sua posição normal.
  • A cápsula fibrosa é um tecido conjuntivo liso e transparente que recobre o rim e mantém o seu formato protegendo-o.
  • A cápsula adiposa fica ao redor da cápsula fibrosa e contém uma grande camada de gordura. É separada em duas camadas pela fáscia renal, a gordura perirrenal e gordura pararrenal.

Anatomia interna

A região interna dos rins é chamada de córtex e mais internamente está a medula.

  • O córtex é a região dos rins localizado logo após a cápsula fibrosa. É no córtex renal que são encontrados os néfrons, estruturas fundamentais no processo de filtragem do sangue.
  • A medula é a parte mais interna do rim. Contendo tubos coletores e, assim como no córtex, milhares de néfrons. Nos tubos e nos néfrons ocorre a filtração e produção da urina.

Glândulas suprarrenais

As glândulas suprarrenais, também chamadas de adrenais, são glândulas endócrinas localizadas na parte superior dos rins. Elas são envolvidas por uma cápsula fibrosa e por gordura.

Possuem duas partes: o córtex e a medula suprarrenal. O córtex secreta os esteróides, enquanto a medula secreta adrenalina e noradrenalina, hormônios que influenciam no humor, ansiedade e sono dos indivíduos.


Exercícios

Exercício 1
(UEMG/2008)

Observe, abaixo, o esquema de um sistema funcional humano.

Utilizando as informações desse esquema e outros conhecimentos que você possui sobre o assunto, NÃO está correto afirmar que:

Ilustração: Rapaz corpulento de camiseta, short e tênis acenando

Inscreva-se abaixo e receba novidades sobre o Enem, Sisu, Prouni e Fies:

Carregando...