Info Icon Ajuda Help Icon Ajuda
Português

Prefixos

Caroline Fazio
Publicado por Caroline Fazio
Última atualização: 22/9/2019

Introdução

Prefixos são morfemas que se posicionam antes do radical, para formar novas palavras. Estes elementos são originários ou do grego ou do latim, e quando se ligam aos radicais, transformam o sentido da palavra. 

As palavras que se formam pelo acréscimo de afixos (prefixos e sufixos) a um radical são denominadas derivadas. Dessa maneira, a palavra infeliz é derivada da palavra primitiva feliz. Chamamos essa transformação de derivação prefixal.

Vejamos os exemplos a seguir:

  • Leal → Desleal
  • Normal → Anormal
  • Lembrar → Relembrar
  • Braço → Antebraço 
  • Disponível → Indisponível
  • Dito → Supradito

Os prefixos podem indicar separação, oposição, negação, e vários outros sentidos. Dessa forma, para saber o sentido de uma palavra derivada é necessário compreender o que significa cada prefixo.

Em nossa língua, existem prefixos que são muito mais usados que outros, assim, vamos estudar alguns deles que ocorrem com maior frequência nas palavras de nossa língua portuguesa.

Prefixos de negação/privação e oposição/contradição

  • A-; an- (origem grega): acéfalo (sem cabeça); anônimo (que não possui nome);
  • Anti- (origem grega): antitetânico (marca oposição: contra tétano); antagonista (opositor, adversário);
  • Contra- (origem latina): contramão (que está na posição contrária); contracorrente (direção oposta ao fluxo/corrente);
  • Des- (origem latina): desigual (oposto de igual); desinteressante (oposto de interessante; não interessante);
  • In- (origem latina): indisponível (não disponível); inacabado (não acabado/terminado).

Prefixos que indicam excesso/superioridade

  • Hiper- (origem grega): hipermercado (mercado de grandes proporções; mercado muito grande); hipertrofia (crescimento excessivo);
  • Super- (origem latina): supercílio (o que na parte superior/acima do cílio); superdotado (que possui inteligência superior à outras pessoas);
  • Arqui- (origem grega): arquimilionário (mais que milionário); arqui-inimigo (maior inimigo);
  • Supra- (origem latina): supracitado (mencionado anteriormente/acima); suprassumo (algo de caráter muito elevado);
  • Ultra- (origem latina): ultrapassar (ir além); ultraveloz (que é muito veloz);
  • Sobre- (origem latina): sobrepeso (acima do peso); sobressair (que se destaca)

Prefixos que indicam duplicidade

  • Ambi- (origem latina): ambivalente (que possui dois valores); ambíguo (que possui duplo sentido);
  • Bi- (origem latina): bimestre (período de dois meses); bicarbonato (substância que possui em sua composição dois carbonatos);
  • Di- (origem grega): dilema (duas situações problemáticas); dissílabo (que possui duas sílabas)

Prefixos que indicam movimento para dentro

  • Endo- (origem grega): endosmose (fluxo que ocorre no interior de um sistema); endoscopia (olhar para dentro);
  • In-/im- (origem latina): imigração (entrar/viver em outro país); inerente (que é constitutivo de algo);
  • Intra- (origem latina): intravenoso (interior da veia); intragável (impossível de ser ingerido);
  • En/em- (origem latina): envenenar (colocar veneno em algo); embarcar (entrar numa embarcação)

Prefixos que indicam movimentos através de e para além de

  • Trans-, tras-, tres-, tra- (origem latina): tresnoitar (passar a noite acordado(a)/ privar do sono); transcender (elevar/ir além dos limites); tradição (herança cultural passada através de uma cultura)

Prefixos que indicam movimento para fora

  • Ex-/Ec- (origem grega): êxodo (emigração de uma população); eczema (reação externa na pele);
  • E- (origem latina):  emigrar (sair de um país)

Prefixos que indicam anterioridade

  • Pre- (origem latina): pré-história (antes da história); prefácio (texto preliminar; anterior ao conteúdo);
  • Ante- (origem latina): anteontem (antes de ontem); antepasto (antes do primeiro prato)

Prefixos que indicam posterioridade

  • Epi- (origem grega): epitáfio (inscrição sobre lápides); epígrafe (inscrição posta no início de um livro);
  • Pos- (origem latina): pós-moderno (que surge depois da época moderna); pós-doutorado (curso/especialização posterior ao doutorado)

Prefixos que indicam companhia/simultaneidade

  • Sim-/si-/sin- (origem grega): sincronia (efeito de relação entre dois ou mais fenômenos); sinestesia (relação entre várias sensações); 
  • Com-/con-/co- (origem latina): cooperação (atuar juntamente com outras pessoas); co-autor (que produziu/ajudou com outra(s) pessoas)

Prefixos que indicam repetição/mudança/inversão

  • Ana- (origem grega): anacrônico (contra a cronologia); anacoluto (mudança na construção sintática do enunciado);
  • Re- (origem latina): refazer (fazer de novo); reeditar (editar outra vez)

Prefixos que indicam inferioridade

  • Hipo- (origem grega): hipodérmico (abaixo da pele); hipoglicemia (nível baixo de glicose no sangue);
  • Sub- (origem latina): subterrâneo (embaixo da terra); submarino (embaixo do mar)

Exercícios

Exercício 1
(FAAP/1996)

IMÓVEL (in + móvel), processo de formação de palavra a que chamamos:

Ilustração: Rapaz corpulento de camiseta, short e tênis acenando

Inscreva-se abaixo e receba novidades sobre o Enem, Sisu, Prouni e Fies:

Carregando...