Info Icon Ajuda Help Icon Ajuda
Conhecimento Geral

Boto cor-de-rosa

Bianca Ferraz
Publicado por Bianca Ferraz
Última atualização: 12/11/2018

Introdução

O boto cor-de-rosa é um tipo de golfinho fluvial que, muitas vezes, é chamado também de boto-vermelho, boto-rosa, boto-malhado, uiara, entre outros. Esse animal aparece, principalmente, no Brasil, nas bacias hidrográficas do rio Amazonas e do Rio Solimões.

Mais do que um componente da enorme biodiversidade brasileira, o boto cor-de-rosa é, além disso, um dos personagens mais simbólicos e conhecidos do folclore nacional. A lenda do boto cor-de-rosa se passa, originalmente, às margens do Rio Amazonas, visto que a ocorrência desse tipo de animal se dá nessa mesma região. Trata-se de uma das lendas mais importantes do folclore amazônico e que ganhou notoriedade dentro da cultura folclórica brasileira.

A história do boto cor-de-rosa, segundo a lenda

Segundo a lenda amazônica, quando ocorrem as festas tradicionais das comunidades que vivem às margens do rio Amazonas, o boto cor-de-rosa adquire metade da forma humana, transformando-se em um belo e charmoso rapaz, que, entretanto, ainda possui características do animal. A aparição do boto, de forma geral, é associada a noites de lua cheia nas comemorações juninas e sua intenção é seduzir as mulheres da comunidade visitada.

O boto, em sua forma parcialmente humana, costuma aparecer vestido de branco. Além disso, usa sempre um chapéu para esconder as características de boto que ainda restam, sobretudo o orifício, localizado em sua cabeça, que o identificaria como um peixe.

Com um porte físico atraente e uma exímia habilidade para a dança, no decorrer da festa em que se apresenta, o boto cor-de-rosa escolhe uma das mulheres presentes e a leva para passar a noite com ele no rio. No entanto, quando o dia amanhece, a moça - agora grávida - está sozinha, pois o boto a abandonou voltando ao rio em sua forma original de peixe.

A moça, por sua vez, volta à sua comunidade sozinha e com a obrigação de se encarregar dessa gestação, podendo ser até mesmo menosprezada pelo fato de ser mãe solteira.

Simbologia

A partir da lenda do boto cor-de-rosa, pode-se perceber uma ferramenta para justificar uma ocorrência mais comum do que o desejado: a aparição de jovens solteiras grávidas, que deverão criar seus filhos sem o apoio dos pais das crianças.

Nas comunidades ribeirinhas da região Amazônica, quando uma mulher solteira fica grávida, logo diz que se trata de um “filho do Boto” – tradição essa que se espalhou por outras regiões, de acordo com a disseminação da lenda ao longo do território – o que revela um anseio por uma explicação quase sobrenatural para a ocorrência da gravidez, já que, na lenda, o boto é dotado de um charme irresistível para as mulheres.

É possível perceber a partir dessa leitura certo moralismo no que se refere à sexualidade feminina, o que reforça características tradicionais da sociedade brasileira, que foi fundada em ideais do patriarcalismo.

Há ainda outras crenças sobre os botos nas comunidades que beiram os rios em que eles vivem. Algumas pessoas acreditam que, ao comerem sua carne, passarão o resto de sua vida enfeitiçadas, devido ao tamanho poder que o boto possui e que é contado em sua lenda. Outros alegam que o consumo da carne do boto leva à loucura.

Para além da lenda

Extrapolando a mitologia acerca do boto cor-de-rosa na cultura brasileira e, sobretudo, amazônica, é importante que a sociedade preste atenção à situação do boto, como integrante da biodiversidade do Brasil, na atualidade.

A União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN) já classifica o estado de conservação do boto como vulnerável. Mesmo estando presentes de maneira satisfatória em áreas de preservação em que vivem livres, já que são animais pouco adaptáveis à vida de cativeiro, a instituição não considera ter dados suficientes para garantir a segurança da espécie.


Exercícios

Exercício 1
(Quero Bolsa)

Quais dos elementos é usado pelo boto para disfarçar suas características animais?

Ilustração: Rapaz corpulento de camiseta, short e tênis acenando

Inscreva-se abaixo e receba novidades sobre o Enem, Sisu, Prouni e Fies:

Carregando...