Whatsapp Icon 0800 123 2222
Envie mensagem ou ligue

Info Icon Ajuda Help Icon Ajuda
Geografia

Escala Cartográfica

Maria Júlia Rossetto
Publicado por Maria Júlia Rossetto
Última atualização: 31/12/2018

Introdução

Na tirinha de Calvin e Aroldo, podemos notar que, apesar de bem equipados para uma aventura na viagem da Califórnia (nos Estados Unidos) para o território do Yukon (no extremo norte do Canadá), os personagens não conseguem fazer uma interpretação escalar da distância que pretendem percorrer.

O conteúdo a seguir irá nos orientar para entendermos melhor a escala cartográfica, dificuldade enfrentada por Calvin e Aroldo.

O que é Escala Cartográfica?

Escala de um mapa é a relação constante entre as dimensões dos elementos representados no mapa e suas correspondentes dimensões na natureza. Em outras palavras, é utilizada para relacionar a proporção entre a área representada e a representação.

Assim, a escala demonstra quantas vezes as dimensões do objeto representado foram reduzidas para serem colocadas no mapa.

De maneira geral, podemos representar essa relação pela seguinte fórmula matemática:

Esta fórmula representa a relação entre medidas (do objeto real e de sua representação cartográfica) que fornece a escala.

Existem duas formas de utilizarmos a escala em mapas: a numérica e a gráfica. Ambas possuem a mesma relação de proporcionalidade entre representação e objeto real.

Escala Numérica

A escala numérica é a proporção expressa por uma fração. Na imagem a seguir, você confere um exemplo de relação entre numerador e denominador de uma fração, representando a escala.

Na escala numérica, o numerador representa a medida no mapa e o denominador a medida real. Convém deixar o numerador sempre como 1, para saber quanto cada unidade do mapa equivale no objeto real. Quanto menor o denominador, maior será a escala e, portanto, mais detalhes poderão ser representados.

Os mapas de pequena escala são aqueles em que a realidade foi muito reduzida. Representam grandes áreas, como todos os continentes, por exemplo. Por outro lado, os mapas de grande escala são aqueles que apresentam grande pormenor, ou seja, aqueles em que a realidade foi pouco reduzida. Representam pequenas áreas, como concelhos, cidades ou bairros.

Alguns mapas são confeccionados tendo o centímetro como unidade de medida, pois essa unidade permite que se representem desde cidades até todo o planisfério da Terra, por exemplo.

É sempre recomendável que, quando as representações possuírem grande extensão (em medidas reais), fazer a transformação da medida em centímetros. No entanto, é sempre bom lembrar que a escala não tem uma unidade de medida específica!

Escala Gráfica

Cada intervalo entre um número e outro representa uma distância específica, que é devidamente apontada pela escala. Esse tipo de escala aumenta e reduz juntamente ao mapa.

A escala gráfica representa, pelo desenho, a relação entre mapa e natureza (real). A facilidade desta escala está em sua leitura “imediata”, permitindo a comparação entre as distâncias.

Em geral, ela vem desenhada em um mapa como se fosse uma “régua”, com divisões marcadas nos centímetros. Cada centímetro no mapa está representado na natureza (real).

Então, é só medir com uma régua (que tem sua unidade em centímetros) uma determinada distância no mapa e multiplicar o valor encontrado pela unidade relacionada na escala (em quilômetros ou metros, por exemplo).

Exemplo de escala gráfica. Neste caso, a cada um centímetro de medida gráfica, temos a comparação com 200 quilômetros reais.

Exemplificando, temos:

Como calcular a escala cartográfica

Confira um exemplo:

Um rio de largura (real) medindo 80m está representado por 4cm (medida gráfica) em um mapa do município de Geogralândia. Qual é a escala da representação?

  • E= ?
  • D (medida real) = 80m → convertendo em cm = 8000cm (para fazer a operação, é necessário colocar os dados na mesma unidade)
  • d (medida gráfica) = 4cm

E = 4cm/80m = 4cm/8000cm → (simplificando numerador e denominador por 4)

E = 1cm/2000cm

Portanto, a escala é 1:2000.


Exercícios

Exercício 1
(ENEM/2012)

O esporte de alta competição da atualidade produziu uma questão ainda sem resposta: Qual é o limite do corpo humano? O maratonista original, o grego da lenda, morreu de fadiga por ter corrido 42 quilômetros. O americano Dean Karnazes, cruzando sozinho as planícies da Califórnia, conseguiu correr dez vezes mais em 75 horas.Um professor de Educação Física, ao discutir com a turma o texto sobre a capacidade do maratonista americano, desenhou na lousa uma pista reta de 60 centímetros, que representaria o percurso referido.

(Disponível em: http://veja.abril.com.br. Acesso em: 25 jun. 2011 (adaptado))

Se o percurso de Dean Karnazes fosse também em uma pista reta, qual seria a escala entre a pista feita pelo professor e a percorrida pelo atleta?

Ilustração: Rapaz corpulento de camiseta, short e tênis acenando

Inscreva-se abaixo e receba novidades sobre o Enem, Sisu, Prouni e Fies:

Carregando...