Info Icon Ajuda Help Icon Ajuda
Português

Ditongo

Caroline Sassatelli
Publicado por Caroline Sassatelli
Última atualização: 22/3/2020

Introdução

O que é um ditongo

Nomeamos ditongo o encontro vocálico de uma vogal com uma semivogal, ou uma semivogal com uma vogal, numa mesma sílaba. Sendo assim, dentro de uma divisão silábica, não há a separação de um ditongo. 

Exemplo de ditongo:

Sau - da - de

  ↓

Ditongo

Vogal e semivogal

Para entendermos melhor, precisamos, primeiramente, reconhecer o que é chamado de vogal e o que é chamado de semivogal. A vogal é sempre, no encontro vocálico, a representação do som mais forte. Dessa maneira, ela é considerada o núcleo da sílaba. 

Já a semivogal possui um som mais fraco. Os fonemas i e u acompanhados de outra vogal na mesma sílaba, por exemplo, são considerados semivogais. O mesmo serve para e e quando forem átonos (menos fortes) e estiverem acompanhados de uma vogal.

Vejamos os exemplos:

M   ã   e

      ↓   ↓

Vogal  Semivogal    

M   á  -  g   o   a

                   ↓   ↓

    Semivogal  Vogal

C   á - r   i   e

               ↓   ↓

        Vogal  Semivogal

T -  o   u -  r   o

      ↓    ↓ 

Vogal  Semivogal

Tritongo

Como o próprio nome já indica, o tritongo é o encontro vocálico entre três vogais em uma mesma sílaba, que também não são separadas na divisão silábica, seguindo sempre a ordem: semivogal + vogal + semivogal

Exemplos:

S   a  - g   u   ã   o

                 ↓   ↓    ↓

             S.V   V   S.V

A  - r   a  - g   u   a   i  -   a

                       ↓   ↓  ↓                                                                               

                    S.V  V  S.V

Hiato

Já que estamos falando de encontros vocálicos, não podemos deixar de mencionar o hiato, que nada mais é que o encontro de duas vogais em uma mesma palavra, mas que estão separadas na divisão silábica.

Exemplos:

S   a -  ú  - d   e

E   n - j   o -  o

B   a  - ú

Tipos de ditongo

Os ditongos podem ser classificados como orais ou nasais, abertos ou fechados, crescentes ou decrescentes. Vejamos um pouco mais sobre essas distinções.

Ditongo oral e nasal

Para iniciar, devemos saber a diferença entre vogais orais e vogais nasais. As vogais orais são aquelas que, quando pronunciadas, o som sai inteiramente pela cavidade bucal, ou seja, não possuem traço nasal. 

Vejamos alguns exemplos de ditongos orais:

Pa - pai

He - rói

Lei - te

Cau - da

A - q - rio

Por sua vez, as vogais nasais são aquelas em que o ar, ao emitir o som, passa tanto pela boca quanto pelo nariz. Dessa maneira, elas possuem traço nasal.

Vejamos alguns exemplos de ditongos nasais:

Pão

I - gua - na

Mãe

Cãi - bra

Quan - do

Ditongo aberto e fechado

Agora que já sabemos as diferenças entre ditongos orais e nasais, determinar o que é ditongo aberto e fechado fica mais fácil. 

Somente os ditongos orais podem ser considerados abertos, pois ele ocorre quando uma vogal de timbre aberto se junta a uma semivogal (ou vice-versa).

Exemplos de ditongos abertos:

Fui

De - grau

Cha - péu

Pa- péis

Os ditongos fechados, por sua vez, podem ocorrer tanto em ditongos nasais quanto em ditongos orais com timbres fechados. 

Vejamos alguns exemplos de ditongos fechados:

Fre - qn - cia 

           ↓

Ditongo nasal

Doi - do

  ↓

Ditongo oral fechado

Mui - to

  ↓

Ditongo nasal

Tei -a

  ↓

Ditongo oral fechado

Ditongo crescente e decrescente

Nos ditongos crescentes ocorre um crescimento sonoro produzido pela junção, na seguinte sequência: semivogal + vogal

Exemplos:

A - quo - so (= semivogal - timbre fraco / = vogal - timbre forte)

Lin - gui - ça (= semivogal - timbre fraco / = vogal - timbre forte)

Mi - sé - ria (= semivogal - timbre fraco / = vogal - timbre forte)

Goe - la (= semivogal - timbre fraco / = vogal - timbre forte)

Nos ditongos decrescentes o que ocorre é o contrário, há um decrescimento sonoro produzido pela junção: vogal + semivogal

Exemplos:

Flau - ta (= vogal - timbre forte / = semivogal - timbre fraco)

Mau  (= vogal - timbre forte / = semivogal - timbre fraco)

Ou - tro  (= vogal - timbre forte / = semivogal - timbre fraco)

Noi - te  (= vogal - timbre forte / = semivogal - timbre fraco)

Gra - tui - to  (= vogal - timbre forte / = semivogal - timbre fraco)


Exercícios

Exercício 1
(Quero Bolsa)

Assinale a alternativa INCORRETA:

Ilustração: Rapaz corpulento de camiseta, short e tênis acenando

Inscreva-se abaixo e receba novidades sobre o Enem, Sisu, Prouni e Fies:

Carregando...