Sobre
Sobre
Como funciona
Como funciona o Quero Bolsa?
Ligue grátis
0800
0800 941 3000
Seg - Sex 8h-22h
Sábado 9h-13h
Aceitamos ligação de celular
62f923a32cae57137734d4026bfe64c10b98c1e9 97811e59419cd7b6497e4b1b53ceec979df67e6c
Idiomas

5 dicas do que não fazer nas aulas de inglês

por Natália Plascak Jorge em 07/03/19 4,5 mil visualizações


Muita gente não percebe mas acaba cometendo alguns erros nas aulas de inglês que prejudicam o aprendizado e a evolução no idioma.

Eles podem ser simples de corrigir, basta apenas identificá-los e saber que a mudança de comportamento pode trazer grandes benefícios para o domínio da língua.

Confira a seguir se você está tendo alguma dessas atitudes em sala de aula.

5 dicas do que não fazer nas aulas de inglês

  1. Evite inibir o colega
    Quando iniciar seu curso de inglês, evite inibir a participação dos colegas: expondo a sua opinião todo minuto ou dominando uma atividade em pares ou trios. O interessante de aprender uma segunda língua em grupo é justamente a troca de experiências e conhecimento, ou seja, dê abertura para que outras pessoas também interajam e pratiquem o idioma. Assim, você também pratica sua compreensão auditiva (listening) ao ouvir seus colegas.
  2. Não compare tudo com o português
    Ao aprender coisas novas, tente não comparar tudo com o português. Embora em alguns momentos isso possa ajudar, em boa parte das vezes isso pode causar confusão. As línguas funcionam de maneiras diferentes, e estar aberto a essas diferenças pode ser de grande auxílio para a sua aprendizagem.
  3. Não fale em português
    Durante as aulas, diminua ou elimine o português. Mesmo nos níveis iniciantes, é interessante tentar se expressar totalmente em inglês. Existem várias expressões úteis que você pode memorizar para situações específicas (comparar respostas ou fazer uma interrupção, por exemplo). Ainda que seja desconfortável não conseguir dizer exatamente o que temos em mente, esse esforço adicional potencializará o seu aprendizado e levará ao desenvolvimento de estratégias valiosas (parafrasear ideias, por exemplo).
  4. Não deixe o conteúdo de lado se faltar
    Se precisar faltar, não fique perdido. Pegue o conteúdo da aula com o professor ou colegas e tenha contato com inglês fora da aula. Nada vai ser como a aula, mas você pode utilizar ferramentas tecnológicas que seu curso oferece para minimizar o impacto da sua falta.
  5. Não se distraia com o celular
    Durante a aula, não é tão legal e proveitoso ficar no celular, usando rede social, principalmente em português. Smartphones são ferramentas de aprendizado poderosas, mas precisam ser bem utilizadas. Fazer anotações, registros, pesquisas, leituras e exercícios são ideias ótimas e permitem ampliar as possibilidades de sala de aula. Usar whatsapp e outras redes sociais para outros fins que não estão relacionados à aula vai tirar sua concentração e atenção, vai reduzir sua imersão no idioma e até mesmo te cansar mais.

    Fonte: Marcelo Dalpino, gerente acadêmico da Cultura Inglesa

Outras coisas que podem prejudicar o aprendizado nas aulas de inglês

  • Encarar como uma coisa chata


    Sabe aquele ditado que diz: "quando você faz uma coisa que gosta, as chances de você se sair bem são maiores? Então, aprender inglês não é diferente. Se você não gostar, dificilmente vai conseguir dominar o idioma.

    Como corrigir isso:
    Transforme os estudos em um hobby. Procure atividades fora da sala de aula que complementem o seu aprendizado e sejam divertidas ao mesmo tempo.
  • Ter vergonha de errar


    Uma das coisas mais importantes que devem ser deixadas de lado nas aulas de inglês é  a timidez. Isso prejudica o processo de aprendizagem e bloqueia as oportunidades de corrigir possíveis erros que você esteja cometendo.

    Como corrigir isso:
    Tente exercitar a fala durante as aulas e aproveite para verificar se você está errando em alguma coisa. Isso pode ajudar muito a destravar a língua e fazer você perder a vergonha.
  • Dizer que entendeu sem ter entendido


    Dizer que entendeu o assunto ou o que a outra pessoa disse quando, na verdade, você não entendeu pode ser desastroso para aprender inglês.

    Como corrigir isso:
    Não deixe a dúvida dominar o seu aprendizado. Sempre que não entender alguma coisa pergunte. Você vai ver o quanto pode aprender com mais questionamentos.
  • Não estudar em casa


    O simples fato de você não estudar em casa e até mesmo não fazer as tarefas vai fazer com que as aulas de inglês não rendam tudo aquilo que poderiam render.

    Como corrigir isso:
    Reserve um horário para fazer as tarefas e realmente estudar. Isso vai dar uma turbinada no seu conhecimento sobre o idioma já que esse momento é capaz de proporcionar muitas dúvidas que poderão ser solucionadas nas aulas.
  • Não ter contato com a língua todos os dias


    Se você não tiver uma exposição constante ao idioma, o processo de evolução no inglês será mais demorado. Por isso, mantenha a regularidade de contato com a língua.

    Como corrigir isso:
    Você pode ouvir uma música, assistir a um filme ou ver o seu seriado favorito. Faça de tudo para entrar em contato com o inglês.
  • Não ter paciência e desistir de tentar melhorar


    Quando se está aprendendo um idioma, é muito provável que haja um momento de desânimo e a sensação de que não se está saindo do lugar.

    Como corrigir isso:
    Não seja apressado. Saiba que aprender uma nova língua leva tempo. Não desista nas dificuldades. São elas que vão ajudar você a alcançar o sucesso.

E aí? Pronto para mudar de comportamento e começar a arrasar nas aulas de inglês? 

Bolsa de estudo para cursos de Inglês

62f923a32cae57137734d4026bfe64c10b98c1e9 97811e59419cd7b6497e4b1b53ceec979df67e6c

O que você achou deste artigo?

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Você pode trocar por outro curso ou pedir reembolso em até 30 dias após pagar a pré-matrícula. Se você garantiu sua bolsa antes das matrículas começarem, o prazo é de 30 dias após o início das matrículas na faculdade.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2019 CNPJ: 10.542.212/0001-54