Sobre
Sobre
Como funciona
Como funciona o Quero Bolsa?
Ligue grátis
0800
0800 941 3000
Seg - Sex 8h-22h
Sábado 9h-13h
Aceitamos ligação de celular
Ce6907ff4444502d429178e7e11b14697c4ff433 Aac0a18d48352ac319fcba9178e2d5336ac34d08
Profissões

Luthier: o que é e como se tornar esse profissional

por Marcela Coelho em 12/07/19 140 visualizações

Peça-chave para que novos sons e canções sejam criadas, o luthier é o responsável por construir, restaurar e fazer a manutenção de instrumentos musicais em madeira.

O profissional trabalha, artesanalmente, na confecção de instrumentos de corda acústicos, como violões, violinos e violas brasileiras, e de eletrificados, a exemplo de guitarras e baixos elétricos. Também pode fabricar instrumentos de sopro e percussão.

Embora ainda seja desconhecida no Brasil, a Luteria, como essa arte e técnica é chamada, é bastante antiga. Conforme registros, o primeiro instrumento musical e, consequentemente, o primeiro luthier surgiram há mais de 30 mil anos. Mas a formação profissional começou a se desenvolver na Europa, na Idade Média, e atingiu o seu auge na Renascença Italiana.

No Brasil, são poucos os cursos que ensinam o ofício. O único superior na área é o Tecnólogo em Luteria da Universidade Federal do Paraná (UFPR), implantado em 2009, com duração de três anos e em período integral.

Para explicar mais sobre a graduação, as dificuldades e o mercado de trabalho para o luthier, a Revista QB convidou o coordenador do curso de Luteria da UFPR, Juarez Bergmann Filho. Confira o que ele contou:

1 - Qual é o perfil do aluno de Luteria? É necessário saber tocar instrumentos musicais?


O perfil dos alunos é muito variado. Há desde jovens recém-formados no ensino médio até pessoas mais velhas com carreiras estáveis que procuram o curso em busca de uma atividade manual e gratificante. É importante que ele tenha vontade de trabalhar com as mãos, adore música e seja fascinado pela madeira. Essas são as principais características da atividade. Além disso, é preciso ter paciência e perseverança pela excelência no trabalho manual. Tocar instrumentos não é obrigatório, mas ajuda bastante.

2- Quais são as disciplinas básicas do curso?

Praticamente todas as disciplinas são específicas por terem um conteúdo voltado para a realidade profissional do luthier. No entanto, dentro da grade curricular, além das matérias de Construção de Instrumentos Musicais, há aulas de Educação Musical, Línguas Estrangeiras, História da Arte, Desenho e Acústica.

3 - E quais são as matérias específicas?


As principais são as de Construção e Entalhe (cortar ou esculpir a madeira). São seis disciplinas semestrais, consecutivas e progressivas. Essas são as de maior carga horária no curso e é, portanto, quando o aluno mais se desenvolve, absorve e incorpora gradativamente as técnicas e processos necessários para a fabricação de instrumentos musicais.

Veja a grade curricular completa do curso de Luteria da UFPR


4 - Em geral, as aulas são mais práticas? E como funcionam?

Sim, existem muitas disciplinas práticas. Nelas, os estudantes desenvolvem projetos de acordo com o semestre em que estão matriculados e, basicamente, cumprem toda a carga horária nos ateliês/laboratórios construindo e/ou restaurando instrumentos musicais. 

luthier
O luthier constrói, restaura e faz a manutenção de instrumentos musicais

5 - Quais as maiores dificuldades encontradas pelos alunos no curso?


É possível apontar duas dificuldades:

  • Uma delas é a falta de habilidade manual para trabalhar com ferramentas e madeiras. Alguns discentes sentem mais dificuldade com os processos e com o uso de ferramentas do que outros. São processos minuciosos que exigem atenção, paciência e cuidado e, por vezes, isso dificulta. Mas com perseverança os alunos e alunas do curso tendem a superar essa barreira;
  • A outra é a financeira. Apesar do curso de Luteria da UFPR ser gratuito, há uma necessidade de aquisição de materiais e ferramentas. E os melhores materiais, geralmente, são importados, o que encarece ainda mais. Para discentes com dificuldades financeiras, a universidade oferece uma série de programas institucionais e bolsas para minimizar os impactos financeiros na vida acadêmica.

6 - É preciso fazer estágio e Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) para se formar?


Formalmente, não é necessário fazer estágio, porém recomendamos para que o discente tenha uma experiência próxima do que ele vai encontrar no mercado de trabalho.

Também não há um TCC específico. Mas cada instrumento musical desenvolvido no curso culmina no que é apresentado na disciplina de Construção e Entalhe VI, do último semestre. Este sim deve englobar todo o conhecimento adquirido no curso e ser o mais detalhado, com excelência em todos os aspectos. Entretanto, não chega a ser um TCC nos modos formais como acontece em outros cursos. 

7 - No curso da UFPR, o discente sai qualificado para atender qual mercado de instrumentos?


O aluno pode escolher entre as três linhas principais para se especializar: cordófonos dedilhados (violão e sua família), cordófonos a arco (violino e sua família) ou cordófonos eletrificados (guitarra elétrica e sua família).

8 - O curso de Luteria tem muita procura?

Por ainda ser o único curso superior no Brasil, a procura é grande. Temos alunos de todas as regiões do país. Muitos deles acabam se mudando para Curitiba em busca de suas qualificações. 

9 - Onde o luthier pode atuar? E como está o mercado de trabalho para quem cursa Luteria?


O Brasil é um país extremamente musical, portanto mercado não falta. O luthier pode ter seu próprio ateliê, atendendo seus clientes diretamente. Alguns egressos se unem em ateliês comunitários e trabalham com uma clientela maior em conjunto, dividindo despesas e compartilhando experiências. Outros trabalham dando suporte a lojas de instrumentos musicais e/ou escolas de música.

Também há os que incluem o aprendizado da luteria em suas graduações e/ou qualificações passadas. Por exemplo, músicos profissionais que tem seus estúdios e incorporam os serviços de luteria. Designers que inovam os processos de construção. Compositores que constroem seus instrumentos especificamente para atender a necessidades artísticas pessoais. Ou seja, na luteria as possibilidades são inúmeras.

Leia mais: 5 cursos para quem gosta de música

Tags relacionadas:

Ce6907ff4444502d429178e7e11b14697c4ff433 Aac0a18d48352ac319fcba9178e2d5336ac34d08

O que você achou deste artigo?

ALERTA DE VAGAS i-close
Você pretende trabalhar e estudar ao mesmo tempo?
ALERTA DE VAGAS i-close
Para se dedicar integralmente aos estudos é sempre bom economizar.Money c94fde8014ac9b0d5ad05d244e1821fb246018cdc3570b09f72c25fde99f7b1a

Gostaria de ser avisado sempre que uma vaga estiver disponível aqui no site Quero Bolsa?

ALERTA DE VAGAS i-close
Nós podemos te ajudar Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

Aqui no Quero Bolsa você encontra as melhores vagas em diversos turnos, até mesmo ensino a distância.

Preencha os campos abaixo para receber avisos de vagas disponíveis em nosso site de acordo com seus interesses.

ALERTA DE VAGAS i-close
Deixe seus contatos Mailbox 3aaacb172f1a1e1ba19b2e93f60f637592c84194967e63e952c08d3cb04fa7a8
ALERTA DE VAGAS i-close
Falta só mais um passo! Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

As nossas melhores vagas chegam de surpresa. Por isso fique ligado.

Com a sua confirmação enviaremos ofertas exclusivas diretamente no seu Whatsapp. Rápido, fácil, prático e na tela do seu celular.

CENTRAL DE AJUDA i-close
Como podemos te ajudar?

Gostaria de saber como o Quero Bolsa funciona e se o site é confiável.

Veja as perguntas frequentes

Quero receber vagas de acordo com meus interesses diretamente em meu e-mail e WhatsApp.

Você pretende trabalhar e estudar ao mesmo tempo?
i-close

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Basta entrar em contato conosco em até 6 meses após o pagamento, informando seus dados e o motivo da devolução.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2019 CNPJ: 10.542.212/0001-54