Info Icon Help Icon Como funciona Ajuda
Whatsapp Icon 0800 123 2222
Envie mensagem ou ligue
Geografia

Urbanização

Angelo Carvalho
Publicado por Angelo Carvalho
Última atualização: 19/10/2018

Introdução

A urbanização é o processo em que a população das cidades cresce mais rapidamente do que a população dos campos. A principal força propulsora deste processo são as migrações motivadas pelo surgimento de ofertas de emprego na indústria, construção civil, comércio e demais atividades urbanas.

A urbanização é um processo muito importante, pois foi a responsável pela origem da cidade moderna, além de continuar a moldá-la até hoje.

Uma das maneiras mais simples, porém mais superficiais de identificar o processo de urbanização é observar o aumento da proporção da população urbana em relação à população total.

Estima-se que desde início da história humana até 1800, menos de 2% da população mundial vivia em cidades. Já na década de 1950 a população urbana já atingia cerca de 30% e, em 2010, mais de 50%.

A Inglaterra foi a primeira sociedade a vivenciar o fenômeno da industrialização, bem como foi a pioneira na transformação de um país rural para um predominantemente urbano.

Entretanto, a urbanização acelerada ocorreu - não só na Inglaterra, mas na maior parte dos países desenvolvidos industrializados - a partir da segunda metade do séculos XIX, na fase da Segunda Revolução Industrial.

Nesses países a urbanização é, portanto, mais antiga e ocorreu de forma mais lenta e integrada com a área rural. Durante o processo de urbanização, as cidades acompanharam a evolução das migrações e, com o tempo, estabeleceram todos os tipos de ferramentas de utilidade pública destinados à prestação de serviço, como: sistemas de abastecimento de água, serviços de esgoto, energia elétrica, rede telefônica e gás canalizado.

Considerando que a urbanização moderna é um processo estreitamente ligado à industrialização e ao capitalismo, os países mais urbanizados do mundo são: Mônaco (100%), Bélgica (97%), Holanda (89%) e Alemanha (86,6%).

No caso dos países subdesenvolvidos, a urbanização é um processo mais recente. Nesses países, a rápida industrialização ocorrida após a Segunda Guerra Mundial gerou um acentuado desequilíbrio das condições de vida entre as cidades e as zonas rurais, provocando intenso êxodo rural e rápido processo de urbanização.

Alguns desses países subdesenvolvidos industrializados apresentam taxas de urbanização igual ou até superiores à países desenvolvidos. A América Latina é a região mais urbanizada desse grupo de países, onde pode-se citar: Argentina (88,9%), Brasil (85%) e México (75,3%).

Nos países subdesenvolvidos não industrializados, localizados predominantemente na África e na Ásia, há baixos índices de urbanização, devido a predominância das atividades primárias.

Outra parcela desse grupo de países tem apresentado intensa urbanização em razão ao intenso processo de êxodo rural, decorrente do baixo padrão de vida no campo e da falta de uma política governamental que promova a fixação e o acesso das pessoas à terra. Essas ações aliviariam a pressão populacional sobre as cidades.

Alguns exemplos de países subdesenvolvidos não industrializados e sua taxa de urbanização: Butão (7%), Guiné-Bissau (22%) e Paquistão (32,2%).

O processo de urbanização nos países subdesenvolvidos ocorreram mais recentemente e de forma muito mais acelerada em relação aos países desenvolvidos. Por esse motivo, surgiram uma gama de problemas sociais, tais como criminalidade, uso de drogas, poluição, doenças e falta de moradia.

Esses problemas ocorreram devido a total carência de um política de planejamento urbano e de investimento em infraestrutura e serviços públicos como transportes, escola, hospitais, saneamento básico e etc.

O êxodo rural, processo provocado pela mecanização do campo, dificultou a absorção da mão-de-obra rural nas cidades e transferiu a pobreza do campo para as regiões urbanas. O desenvolvimento dos setores secundário e terciário não acompanhou o ritmo de urbanização, gerando consequências como subemprego, mendicância, favelas, criminalidade e etc.

População mundial rural x População mundial urbana ao longo dos anos. A cor verde representa a distribuição da população rural e a cor azul a distribuição da população urbana.População mundial rural x População mundial urbana ao longo dos anos. A cor verde representa a distribuição da população rural e a cor azul a distribuição da população urbana.


Exercícios

Exercício 1
(PUCCAMP/2004)

Analise a tabela a seguir.

No período de 1950 a 1960, pode-se afirmar que a urbanização dos países subdesenvolvidos é explicada, dentre outras razões, devido:

Ilustração: Rapaz corpulento de camiseta, shorts e tênis acenando

Inscreva-se abaixo e receba novidades sobre o Enem, Sisu, Prouni e Fies:

Carregando...