Sobre
Sobre
Como funciona
Como funciona o Quero Bolsa?
Ligue grátis
0800
0800 941 3000
Seg - Sex 8h-22h
Sábado 9h-13h
Aceitamos ligação de celular
banner image banner image
Vestibular e Enem

Atualidades Enem: 50 anos do nascimento da Internet

por Giovana Murça em 24/10/19 360 visualizações

Você sabia que a internet que nos conecta hoje surgiu por causa das pesquisas e estratégias militares durante a Segunda Guerra Mundial? A tecnologia foi desenvolvida com a inteligência adquirida pelo exército norte-americano pela necessidade de uma comunicação entre os exércitos sem o risco de vazamento de informações valiosas. 

50 anos internet
Computador antigo (Wikimedia Commons)

Chamada de Arpanet, a rede foi criada em 1969, durante a Guerra Fria, com o objetivo de manter a comunicação segura entre os militares e os cientistas. “Em nada se parecia com a atual. Os computadores nesse período eram gigantescos e lentos”, conta Samanta Naidhig, editora e especialista de Ciências Humanas do Poliedro.

No mesmo ano, no dia 29 de outubro, o primeiro e-mail da história foi enviado por um professor da Universidade da Califórnia para seu amigo em Stanford. A data é considerada o surgimento da internet.

Popularização da rede

No início, o uso da Arpanet era restrito aos Estados Unidos. Só a partir dos anos 1980 que ela se expandiu para outros países da Europa e teve seu nome alterado para Internet.

Nos 20 primeiros anos, a internet era usada apenas no meio acadêmico e científico, seu uso comercial foi liberado em 1987 nos Estados Unidos. Foi a vez então do surgimento de empresas fornecedoras de acesso à internet para empresas e pessoas. 

Em 1992 surgiu foi inventado a World Wide Web (WWW), a partir da ideia do britânico Tim Berners-Lee, permitindo que qualquer usuário pudesse acessar informações de diferentes formatos na rede.

50 anos internet
Tim Berners-Lee (Reprodução/Internet)

No Brasil, a tecnologia se popularizou em 1995 nas universidades brasileiras. Mas, desde 1990, as universidades federais do Rio Grande do Sul e do Rio de Janeiro e a Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa de São Paulo) já estavam conectadas à rede.

Desde então, a rede se difundiu exponencialmente. Hoje, mais de metade da população mundial já está conectada à internet (51%), aponta o relatório "Estado da Banda Larga 2019", da Comissão de Banda Larga, grupo que reúne a iniciativa privada e a Nações Unidas.

"Nós temos tecnologia"

No Brasil, o acesso à internet cresceu 37% nos últimos cinco anos. De acordo com a pesquisa TIC Domicílios divulgada em 2019, 7 em cada 10 de brasileiros têm acesso à rede, 127 milhões de pessoas.

“Não há dúvidas que a rede mundial de computadores revolucionou tanto a forma de nos comunicarmos como o modo de trabalhar, de estudar e, principalmente, a forma de interagir”, comenta Samanta.

Pode cair no Enem?

A comemoração dos 50 anos da criação de um advento que transformou o mundo deve estar presente em alguns vestibulares, inclusive no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

A professora Samanta acredita que o Enem pode abordar de diversas formas assuntos relacionados à internet. “Em História, são possíveis questões cujo texto-base relacione a internet ao contexto da Guerra Fria. Em Geografia, pode haver relação dessa ferramenta a assuntos como a constituição do meio técnico-científico-informacional, as novas formas de trabalho via aplicativo, a volatilidade do mercado financeiro etc”.

Na opinião de Samanta, temas como a história do trabalho e da produção e pós-verdade poderão aparecer no Enem, uma vez que se relacionam diretamente com o contexto da internet.


Na prova de Ciências da Natureza, o tema pode dar base a outros assuntos. Em Química, pode-se abordar o uso de polímeros, que são utilizados em fibras ópticas. “Esse meio de transmissão permite o envio de dados mais rapidamente e com mais qualidade quando comparado às fibras tradicionais de cobre”, explica Andrew Fernandes, editor de Ciências da Natureza do Poliedro.

Em Física, na opinião de Andrew, são prováveis questões sobre ondas, pois a internet teve um grande avanço com a criação de redes sem fio (wireless). Já em Biologia, o professor acreditam que sejam pautados assuntos relacionados à biotecnologia e às células-tronco, “que, atualmente, são armazenadas em banco de dados interligados mundialmente”, completa o professor.

Internet na Redação

Na redação, a expectativa que o tema internet seja cobrado são baixas, já que a redação do Enem de 2018 teve como “Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet”.

Entretanto, a coordenadora de Redação do Poliedro, Fabiula Neubern, acredita que a internet possa aparecer relacionada com outros temas, de forma secundária. “O tema pode relacionar internet à Declaração dos Direitos da Criança, que completa 60 anos em 2019, relacionando crianças e o uso da internet”, exemplifica Fabiula. Outros temas possíveis, segundo a professora, são: o uso da tecnologia na educação, a influência da internet nas relações interpessoais e fake news.

Um dos pontos importantes para uma boa redação é a contextualização a partir do repertório de cada candidato. Como a tecnologia está muito presente no dia a dia, são inúmeros livros, filmes e músicas que podem ser referenciados na redação.  

50 anos internet
Cena da série Black Mirror

“É importante que quando o aluno assistir um filme, por exemplo, ele veja as discussões e reflexões presentes e relacione com a Sociologia e Filosofia”, aconselha a professora Fabiula. Alguns filmes e séries sobre o tema que a professora indica são Black Mirror, 1984 e Mister Robot.


Guia sobre a Redação do Enem

Ainda não sabe escrever uma redação para o Enem? Confira dicas valiosas para você arrasar na redação no Guia sobre a Redação do Enem. Para baixar o e-book, é só clicar aqui.

banner image banner image

O que você achou deste artigo?

ALERTA DE VAGAS i-close
Tá na dúvida? Preencha suas preferências que a gente te ajuda a achar sua vaga ideal.
ALERTA DE VAGAS i-close
Descubra qual profissão mais se encaixa com você.

Não fique na dúvida sobre o seu futuro. Faça o Teste Vocacional do Quero Bolsa.

ALERTA DE VAGAS i-close
Nós podemos te ajudar Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

Aqui no Quero Bolsa você compare vagas com bolsa em mais de 1.000 faculdades

Preencha os campos abaixo para receber avisos de vagas disponíveis em nosso site de acordo com seus interesses.

ALERTA DE VAGAS i-close
Deixe seus contatos Mailbox 3aaacb172f1a1e1ba19b2e93f60f637592c84194967e63e952c08d3cb04fa7a8
ALERTA DE VAGAS i-close
Falta só mais um passo! Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

As nossas melhores vagas chegam de surpresa. Por isso fique ligado.

Com a sua confirmação enviaremos ofertas exclusivas diretamente no seu Whatsapp. Rápido, fácil, prático e na tela do seu celular.

CENTRAL DE AJUDA i-close
Como podemos te ajudar?

Gostaria de saber como o Quero Bolsa funciona e se o site é confiável.

Veja as perguntas frequentes

Quero receber vagas de acordo com meus interesses diretamente em meu e-mail e WhatsApp.

Tá na dúvida? Preencha suas preferências que a gente te ajuda a achar sua vaga ideal.
i-close

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Você pode trocar por outro curso ou pedir reembolso em até 30 dias após pagar a pré-matrícula. Se você garantiu sua bolsa antes das matrículas começarem, o prazo é de 30 dias após o início das matrículas na faculdade.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2020 CNPJ: 10.542.212/0001-54