Sobre
Sobre
Como funciona
Como funciona o Quero Bolsa?
Ligue grátis
0800
0800 941 3000
Seg - Sex 8h-22h
Sábado 9h-13h
Aceitamos ligação de celular
banner image banner image
Vestibular e Enem

Constituição brasileira: como esse tema pode cair no Enem e em outros vestibulares?

por Isabela Giordan em 20/11/20

Você sabia que a constituição é a lei mais importante de um país? Apesar de existir conflito entre alguns autores, estudos apontam que a primeira constituição no mundo foi a da Suécia, em 1722, conhecida como "Constituição do Rei Gustavo". Já o primeiro documento escrito foi a dos Estados Unidos da América, aprovada em 1787

No Brasil, a primeira constituição foi assinada por Dom Pedro I, em 1824, e definiu as estruturas de organização político-institucional da nação como um país independente de Portugal. Após essa, outras seis foram escritas e outorgadas, sendo a de 1988 vigente.

Ulysses Guimarães, presidente da Assembleia Nacional Constituinte de 1987-1988, segura uma cópia da Constituição de 1988

Por ser considerada um marco em cada fase da história brasileira, as constituições brasileiras são um tema comum no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), principalmente a de 1988. 

"A Constituição brasileira é a lei principal do Brasil atual e, por esse motivo, tenta estruturar um regime democrático pós um período autoritário que se estendeu de 1964 a 1985 no país. Não é por acaso que é apelidada de 'Constituição cidadã', por tentar consolidar direitos e deveres a população", explica Rogério Bonfá, professor de História do colégio e curso Poliedro. 

Como estudar a Constituição brasileira para o Enem?

A Constituição de 88 é um documento longo e detalhado. Atualmente, possui 245 artigos e mais de 100 emendas constitucionais. Por isso, decorar as texto não é uma opção muito indicada. 

O professor de História explica que é muito mais interessante entender os princípios fundamentais, já que essas são as temáticas que o Enem comumente cobra do estudante, por exemplo:

  • Consolidação de uma república federalista e presidencialista; 
  • Divisão dos três poderes; 
  • Adoção do estado laico; 
  • Defesa dos direitos individuais (contra a tortura e a prisão ilegal e a favor da liberdade de expressão, reunião e do habeas corpus); 
  • Racismo como crime inafiançável; 
  • Direito indígena sobre as terras que tradicionalmente ocupam (“reservas indígenas”); 
  • Garantia aos direitos trabalhistas (CLT).
  • Sistema eleitoral brasileiro que define nossa democracia representativa (voto direto, secreto, obrigatório, universal – homens e mulheres maiores de 18 anos e facultativo para jovens entre 16 e 17 anos e idosos acima de 70 anos – e a inclusão dos analfabetos como eleitores, sem a possibilidade de serem elegíveis).
Constituição Federal de 1988: o que é e onde encontrar o documento grátis

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 
"O aluno não deve se preocupar em decorar os artigos, mas sim entender os princípios norteadores da Constituição de 1988, os relacionando com o contexto histórico do Brasil após Regime Militar (1964-1985)", reforça Bonfá.

Constituição de 1824 é a mais cobrada em vestibulares

Apesar de ser um tema recorrente no Enem, isso não ocorre nos vestibulares. O professor aponta que apenas algumas universidades cobram a Constituição de 88 no processo seletivo ocasionalmente, são elas: USP/Fuvest, Unesp, Unicamp, UFPR, Uerj, UFSC e Mackenzie.

Entretanto, a Carta Magna que aparece comumente em outras provas é a primeira: a Constituição de 1824.

"Sobre a primeira constituição brasileira, o estudante deve se ater ao seu caráter autoritário, centralizador e excludente, sobretudo por meio de temas como o Poder Moderador, as eleições indiretas com voto apenas para homens, maiores de idade e com renda (voto censitário) e o estado atrelado a religião (padroado e beneplácito)", expõe o professor de História do Poliedro.

Rogério Bonfá enfatiza que é importante que o estudante compreenda não apenas as constituições, mas também o contexto de histórico de cada uma delas e o fato de que a formulação de formulou sete cartas constitucionais desde a Indendência do Brasil evidenciando a instabilidade política, economia, social e institucional brasileira.

Veja abaixo as principais características de cada uma das Constituições brasileiras:

"Como não é um tema que aparece com muita frequência nos vestibulares, não acredito que o aluno deva ir além da aula e do material didático sobre esse tema. Contudo, como formação do estudante como cidadão, indico o documentário da TV Senado (A constituição da cidadania) que demonstra a esfera de construção da constituinte até a promulgação do texto final", indica o professor.

Saiba mais: Veja quais são os temas mais cobrados no Enem

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
banner image banner image

O que você achou deste artigo?

ALERTA DE VAGAS i-close
Tá na dúvida? Preencha suas preferências que a gente te ajuda a achar sua vaga ideal.
ALERTA DE VAGAS i-close
Descubra qual profissão mais se encaixa com você.

Não fique na dúvida sobre o seu futuro. Faça o Teste Vocacional do Quero Bolsa.

ALERTA DE VAGAS i-close
Nós podemos te ajudar Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

Aqui no Quero Bolsa você compare vagas com bolsa em mais de 1.000 faculdades

Preencha os campos abaixo para receber avisos de vagas disponíveis em nosso site de acordo com seus interesses.

ALERTA DE VAGAS i-close
Deixe seus contatos Mailbox 3aaacb172f1a1e1ba19b2e93f60f637592c84194967e63e952c08d3cb04fa7a8
ALERTA DE VAGAS i-close
Falta só mais um passo! Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

As nossas melhores vagas chegam de surpresa. Por isso fique ligado.

Com a sua confirmação enviaremos ofertas exclusivas diretamente no seu Whatsapp. Rápido, fácil, prático e na tela do seu celular.

CENTRAL DE AJUDA i-close
Como podemos te ajudar?

Gostaria de saber como o Quero Bolsa funciona e se o site é confiável.

Veja as perguntas frequentes

Quero receber vagas de acordo com meus interesses diretamente em meu e-mail e WhatsApp.

Tá na dúvida? Preencha suas preferências que a gente te ajuda a achar sua vaga ideal.
i-close

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Você pode trocar por outro curso ou pedir reembolso em até 30 dias após pagar a pré-matrícula. Se você garantiu sua bolsa antes das matrículas começarem, o prazo é de 30 dias após o início das matrículas na faculdade.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2020 CNPJ: 10.542.212/0001-54