Sobre
Sobre
Como funciona
Como funciona o Quero Bolsa?
Ligue grátis
0800
0800 941 3000
Seg - Sex 8h-22h
Sábado 9h-13h
Aceitamos ligação de celular
Universidades

Veja o que mudou nas provas da UNIP

por Lucas Rodrigues em 25/08/17 8,2 mil visualizações

Após voltar de férias, os estudantes do ensino superior da UNIP se depararam com avisos sobre alterações no sistema de provas realizadas na instituição. Confiram quais foram as mudanças! :)

Quantidade de questões

No primeiro semestre de 2017, em alguns cursos, as provas possuíam a quantidade de
questões proporcionais à carga horária, ou seja, matérias que possuíam mais aulas teriam mais questões na prova, porém esse padrão foi alterado no início desse segundo semestre.

Agora, em todas as disciplinas do curso, questões objetivas (com alternativas) representam 60% da nota da prova e os 40% restantes ficaram para as dissertativas.

A nota final poderá ser constituída parte pela nota da prova e parte por trabalhos, ficando a critério do professor essa organização.

Provas de dependências (DP)

 Com a alteração, as provas de DP deixaram de ser uma prova online e outra presencial e serão realizadas ambas online, via sistema da Unip. O principal motivo dessa alteração é que os alunos não precisem comparecer à universidade aos sábados, pois as provas presenciais não eram aplicadas durante a semana.

O agendamento das datas para a realização dessas provas também serão online, como
era de costume.

Exame e Substitutiva (Sub)

Se tratando de provas substitutivas e exames, agora ambas possuem 5 perguntas
dissertativas, porém os professores possuem liberdade para ampliar o conteúdo
dos testes utilizando subitens nas questões.

Impacto das mudanças

Para os professores, essa mudança pode ajudar na organização do conteúdo e clareza na forma de avaliar trabalhos e atribuir os pontos na avaliação final do aluno.

Para os alunos, a mudança beneficiará aqueles que enfrentariam dificuldades para 
acessar o campus no final de semana para realizar a prova de DP.

Na minha opinião, esse modelo está mais moderno que o aplicado anteriormente,
facilitando a compreensão dos alunos com relação às avaliações e notas
atribuídas.

Tags relacionadas:

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Você pode trocar por outro curso ou pedir reembolso em até 30 dias após pagar a pré-matrícula. Se você garantiu sua bolsa antes das matrículas começarem, o prazo é de 30 dias após o início das matrículas na faculdade.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2021 CNPJ: 10.542.212/0001-54