Sobre
Sobre
Como funciona
Como funciona o Quero Bolsa?
Ligue grátis
0800
0800 941 3000
Seg - Sex 8h-22h
Sábado 9h-13h
Aceitamos ligação de celular
034a0947f17da3b1ffa2cac77807e713a0c7595a Cad4289abdb7425ccae2f9b377a959eb7b84ac71
Vestibular e Enem

Faculdade pública ou particular: qual escolher?

por Natália Plascak Jorge em 02/02/18 10 mil visualizações

Se você já pensou em algum momento da sua vida em fazer faculdade, deve ter ouvido por aí uma discussão interminável sobre faculdades públicas e particulares, certo?

Às vezes, as pessoas até perdem a razão com argumentos que não fazem sentido só para demonstrar a superioridade de uma sobre a outra. O fato é que muita gente se esquece de que escolher entre uma faculdade pública ou particular depende de muita coisa.

Segundo os professores e editores do sistema COC, Felipe Ribeiro e Luiz Duarte, essa escolha está sujeita à carreira pretendida, à região em que está a faculdade/universidade e ao nível socioeconômico de quem está prestando vestibular. “Isso porque existem opções de universidades bem e mal avaliadas nas duas categorias (pública e particular)”, lembram os professores.

A seguir, você pode conferir algumas características de faculdades públicas e particulares.

Faculdade pública

  • Não há pagamento de mensalidades, afinal, elas são mantidas com o dinheiro de impostos. A cobrança é mais comum em cursos de especialização;
  • O seu vestibular, geralmente, apresenta duas fases ou utiliza o Enem com pesos diferentes de acordo com as áreas específicas;
  • Acabam sendo mais concorridas, porque o número de vagas não acompanha a demanda. Assim, o investimento de tempo e de dinheiro é maior para ser aprovado nesse tipo de instituição;
  • A infraestrutura apresentada geralmente não é boa. Falta investimento nas instalações e em equipamentos;
  • Elas têm um refeitório universitário, local em que as refeições são muito baratas;
  • Possuem alguns cursos com horários mais restritos (período integral), por isso fica mais difícil de conciliar com trabalho;
  • Contam com bolsas de monitoria, pesquisa, auxílio-transporte e alimentação com comprovação de renda;
  • São marcadas por greves, por isso as chances de apresentar cursos com a conclusão atrasada são maiores;
  • A maioria de seus professores é doutor e pesquisador, por isso o aspecto acadêmico é mais presente assim como as didáticas adotadas.

Faculdade particular

  • Há pagamento de mensalidade. O valor pago pode variar de acordo com o período do curso já que as disciplinas também mudam com o tempo;
  • Podem apresentar métodos diferenciados de vestibular, como por exemplo, entrevistas, cartas de motivação e até dinâmicas de grupo, no caso de faculdades de ponta. Muitas aceitam o Enem para ajudar na aprovação;
  • A quantidade de listas de aprovados costuma ser maior;
  • Possuem mais infraestrutura já que há um investimento grande em recursos, profissionais e equipamentos;
  • Geralmente, não possuem restaurantes universitários;
  • Os seus horários permitem que os alunos também trabalhem;
  • O aluno pode ter bolsas de monitoria e pesquisa ou financiar a graduação (com uma porcentagem de pagamento enquanto você estuda e outra quando você se forma). A possibilidade de conseguir uma porcentagem de desconto na mensalidade também existe;
  • Não há greves;
  • Os professores apresentam muita experiência no mercado de trabalho;
  • Sua formação costuma ser mais prática, com uma grade curricular constantemente  atualizada.

A visão dos alunos

Eduardo Schiavoni, Guia da Faculdade do Quero Bolsa, viveu as duas experiências e afirma: "em um momento ou outro, surge a pergunta: tem muita diferença entre fazer faculdade em uma instituição pública ou em uma particular? A resposta é sim, a diferença é grande. Mas não se apresse. Ao contrário do que diz o senso comum, isso não significa, necessariamente, que uma é melhor que a outra".

"Na minha experiência, a universidade pública é mais indicada para pessoas com menos compromissos cotidianos na vida. Isso porque, para cursar uma pública, a exigência de tempo de estudo e envolvimento com a vida acadêmica é maior. A particular, por isso, é ideal para quem já está inserido no mercado de trabalho. Numa simplificação grosseira, a particular se molda à vida dos universitários, enquanto na pública o universitário tem que se moldar à universidade", acrescenta.

Os números segundo o Censo da Educação Superior


No Brasil, atualmente, a rede privada possui 75,3% dos alunos do ensino superior, contra 24,7% das instituições estatais. Em 2016, eram 6.058.623 estudantes matriculados em faculdades e universidades particulares e outros 1.990.078 em instituições públicas. 


Fonte: Censo da Educação Superior 2016/Inep

E como anda a empregabilidade?

Uma pesquisa realizada no ano passado pelo Semesp (Sindicato das Mantenedoras de Ensino Superior) mostra um pouco o cenário da empregabilidade entre universitários de faculdades públicas e privadas.

Dois a cada três alunos que concluíram o Ensino Superior estão trabalhando atualmente, sendo que a maioria em sua área de formação. Um total de 44,4% dos concluintes que saíram das instituições públicas não estão trabalhando no momento, e continuam estudando em cursos de pós-graduação (56,2%), principalmente na modalidade stricto sensu (53,1% em mestrado ou doutorado). Já entre os 29,5% que não trabalham no momento e saíram de instituições privadas, a maioria (60,5%) não está fazendo outro curso atualmente.


Fonte: Semesp - Panorama dos Concluintes do Ensino Superior


A pesquisa foi realizada no primeiro semestre de 2017, com o envio de formulário eletrônico para um banco de dados de 120 mil e-mails. Participaram alunos e ex-alunos de 379 Instituições Mantidas de Ensino Superior, entre privadas e públicas, em todas as regiões do país e em 135 cursos diferentes. Foram 1.445 respostas, das quais 1.089 de participantes que já concluíram o ensino superior, sendo que a maior parte deles se formou recentemente (em 2015 e 2016), somando 69,9% do total. 

O que dizem os especialistas em recrutamento

No final, o que todo mundo pensa é como essa formação vai ser vista pelo mercado, certo? As chances vão ser maiores para quem fez uma faculdade pública ou para quem estudou em uma faculdade particular?

A resposta para essa pergunta é simples. Para Ligia Oliveira, consultora de educação para carreira da Cia de Talentos, uma empresa de recrutamento, o foco é o perfil do candidato. “Felizmente, as empresas não têm triado os candidatos com base nas instituições de ensino. O enfoque da seleção é no perfil do candidato, ou seja, competências técnicas e socioemocionais que são avaliadas ao longo do processo seletivo”, destaca.

Bom, depois de todos esses pontos o mais importante é lembrar que a dedicação do aluno faz toda diferença independentemente do tipo de instituição em que ele estuda. É possível encontrar excelentes alunos nas instituições públicas e nas particulares, como também estudantes nem um pouco comprometidos nos dois tipos de instituições.

E você? Já teve que defender a sua escolha por uma faculdade pública ou particular?


6 coisas importantes para analisar na escolha da faculdade ideal

034a0947f17da3b1ffa2cac77807e713a0c7595a Cad4289abdb7425ccae2f9b377a959eb7b84ac71

O que você achou deste artigo?

ALERTA DE VAGAS i-close
Tá na dúvida? Preencha suas preferências que a gente te ajuda a achar sua vaga ideal.
ALERTA DE VAGAS i-close
Descubra qual profissão mais se encaixa com você.

Não fique na dúvida sobre o seu futuro. Faça o Teste Vocacional do Quero Bolsa.

ALERTA DE VAGAS i-close
Nós podemos te ajudar Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

Aqui no Quero Bolsa você compare vagas com bolsa em mais de 1.000 faculdades

Preencha os campos abaixo para receber avisos de vagas disponíveis em nosso site de acordo com seus interesses.

ALERTA DE VAGAS i-close
Deixe seus contatos Mailbox 3aaacb172f1a1e1ba19b2e93f60f637592c84194967e63e952c08d3cb04fa7a8
ALERTA DE VAGAS i-close
Falta só mais um passo! Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

As nossas melhores vagas chegam de surpresa. Por isso fique ligado.

Com a sua confirmação enviaremos ofertas exclusivas diretamente no seu Whatsapp. Rápido, fácil, prático e na tela do seu celular.

CENTRAL DE AJUDA i-close
Como podemos te ajudar?

Gostaria de saber como o Quero Bolsa funciona e se o site é confiável.

Veja as perguntas frequentes

Quero receber vagas de acordo com meus interesses diretamente em meu e-mail e WhatsApp.

Tá na dúvida? Preencha suas preferências que a gente te ajuda a achar sua vaga ideal.
i-close

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Basta entrar em contato conosco em até 6 meses após o pagamento, informando seus dados e o motivo da devolução.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2019 CNPJ: 10.542.212/0001-54