logo
Lista de faculdades Lista de cursos Lista de profissões Revista Quero Central de ajuda

banner image banner image
Vestibular e Enem

Inep divulga cartilha com critérios de correção para a redação do Enem

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou nesta terça-feira (26) um novo recurso que pode ajudar na preparação dos candidatos para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020. Os estudantes agora podem acessar o manual de correção da redação do Enem dado aos corretores.

Inep divulga cartilha com critérios de correção para a redação do Enem - REVISTA QUERO

Antes restrito aos profissionais, é a primeira vez que esse material é divulgado ao público. Por meio do portal do Inep, o estudante pode ter acesso às cartilhas de capacitação dos corretores usadas no Enem 2019.

São seis apostilas que detalham as situações que levam o candidato a zerar no texto e cada uma das cinco competências cobradas na redação do Enem:

  • Competência 1: Demonstrar domínio da modalidade escrita formal da Língua Portuguesa;
  • Competência 2: Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro da estrutura do texto dissertativo-argumentativo;
  • Competência 3: Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista;
  • Competência 4: Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação;
  • Competência 5: Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Cada competência é avaliada entre 0 e 200 e, somadas, compõem a nota final do candidato, que pode variar de 0 a 1000.

Junto à cartilha do participante, o manual de correção, que está disponível no site do Inep, pode ser mais uma forma de estudos para os candidatos, já que detalha como os corretores revisam a prova e dão a nota da redação, que possui um peso importante na nota final.

Leia também:
8 temas de redação que podem cair no Enem 2020
5 dicas para melhorar a redação do Enem estudando em casa

Novas datas do Enem 2020

Devido à pandemia do coronavírus, o Inep alterou o calendário do Enem 2020. A data da prova estava inicialmente marcada para novembro. Mas por conta do cenário de crise, o Ministério da Educação (MEC) decidiu adiar a prova de 30 a 60 dias, sem uma data confirmada.

Já as inscrições, que seriam encerradas no dia 22 de maio, foram prorrogadas e seguem até esta quarta-feira, 27 de maio.

Veja mais:
Veja rascunhos de redações nota mil do Enem 2019
Como conseguir uma bolsa de estudos sem ter feito o Enem
banner image banner image

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Você pode trocar por outro curso ou pedir reembolso em até 30 dias após pagar a pré-matrícula. Se você garantiu sua bolsa antes das matrículas começarem, o prazo é de 30 dias após o início das matrículas na faculdade.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2022 CNPJ: 10.542.212/0001-54