Info Icon Ajuda Help Icon Ajuda
Biologia

Lipídios

William Mira
Publicado por William Mira
Última atualização: 25/9/2018

Introdução

Dentre os compostos orgânicos que constituem os organismos, os lipídios compõem um grupo bem diverso em estrutura, características e funções.

A principal característica dos lipídios é sua insolubilidade em água. Como são compostos apolares, a água, sendo polar, não exerce influência na sua estrutura. Por outro lado, são solúveis em solventes orgânicos como álcoois, éteres e cetonas.

Os lipídios mais básicos são constituídos predominantemente por carbono, hidrogênio e oxigênio, embora existam outros com nitrogênio, fósforo ou magnésio em sua cadeia. Formam também longas cadeias carbônicas (por isso sua apolaridade) e, quando ligados a ácidos carboxílicos (COOH), formam os ácidos graxos.

Exemplo de ácido graxo. Uma longa cadeia carbônica com um grupo carboxílico em sua extremidade.Exemplo de ácido graxo. Uma longa cadeia carbônica com um grupo carboxílico em sua extremidade.

A síntese de lipídios, geralmente, ocorre no próprio organismo, mas também é possível ingeri-los através da alimentação, principalmente como óleos e gorduras.

Sua degradação geralmente envolve a ação de bases fortes para formar sais, alcoóis e outros produtos no processo conhecido como hidrólise alcalina ou saponificação. A estrutura diversa e as funções dos lipídios permitem classificá-los em algumas classes.

Carotenóides

São substâncias que compõem os pigmentos encontrados em vegetais, algas, fungos e bactérias. De coloração amarela, laranja, vermelha ou roxa, possuem ação oxidante importante para a fotossíntese, protegendo a clorofila do excesso de luz.

Os carotenóides são parte relevante na alimentação humana, principalmente os betacarotenos, que atuam como precursores da vitamina A e que está relacionada diretamente na respiração celular e nos pigmentos da retina, auxiliando na visão.

Além da síntese de Vitamina A, podem atuar como poderosos antioxidantes. São encontrados em alimentos como cenouras, beterraba, abóboras, brócolis, pimentões, mamão e batata-doce.

Ceras

Produzidas através da interação entre um ou mais ácidos graxos e um álcool diferente do glicerol (que forma os glicerídeos). A função principal das ceras é atuar na impermeabilização de componentes dificultando a entrada e saída de água.

Estão presentes na epiderme de vegetais, superfície de frutas, exoesqueleto de insetos e compondo as chamadas “ceras de ouvido”, que protegem o canal auditivo da entrada de água, formigas e outros insetos.

Fosfolipídios

Os fosfolipídios são um dos exemplos de lipídios que contém em sua estrutura mais do que apenas carbono, hidrogênio e oxigênio. O fosfolipídio é o principal componente da membrana plasmática celular e possui um íon de fósforo ligado em uma extremidade, chamada de cabeça.

O restante do fosfolipídio é composto predominantemente por ácidos graxos formando sua cauda. Como dito anteriormente, os ácidos graxos são apolares, não se interagindo com a água (hidrofóbicos).

A cabeça, porém, contendo o íon fosfato, é polar, interagindo com a água (hidrofílica). O fosfolipídio possui, dessa forma, uma região hidrofóbica e outra hidrofílica, sendo uma molécula anfipática.

Devido a essa característica, os fosfolipídios se organizam formando uma dupla camada na membrana plasmática. Essa bicamada lipídica faz com que a parte hidrofílica não entre em contato com a água.

Além de compor a membrana plasmática celular, os fosfolipídios também compõem a membrana de organelas celulares como mitocôndrias, cloroplastos, retículo endoplasmático e complexo golgiense.

Estrutura de um fosfolipídio, onde em uma extremidade há um íon de fósforo (cabeça) sendo polar e na outra extremidade os ácidos graxos (cauda) com característica apolar.Estrutura de um fosfolipídio.

Glicerídeos

Podem ser apresentados como óleos, quando líquidos na temperatura ambiente, ou gorduras, se sólidos na temperatura ambiente.

Os glicerídeos são sintetizados a partir de um álcool chamado glicerol e três ácidos graxos, formando o triglicerídeo.

Esse tipo de lipídio atua, principalmente, como reserva energética em animais e vegetais. A quebra dos triglicerídeos gera compostos que entram na respiração celular gerando ATP para doar energia para as reações metabólicas.

Além da função de reserva, também atuam como importantes isolantes térmicos e amortecedores de impacto. Está presentes em óleos de sementes e vegetais ou em gorduras de proteínas de origem animal.

Esteróides

Os esteróides se diferem bastante dos demais compostos lipídicos lineares, geralmente constituídos de ácidos graxos. Seu composto mais conhecido é o colesterol, que tem como uma estrutura um conjunto de quatro anéis aromáticos interligados.

O colesterol está presente membrana plasmática dos animais atuando na estabilização e garantindo maior integridade da membrana. Além disso, assim como os demais esteróides, o colesterol auxilia na síntese de hormônios, principalmente os sexuais como testosterona (hormônio masculino) e estrógeno (hormônio feminino).

Estrutura química do colesterol.Estrutura química do colesterol.

A concentração de colesterol na corrente sanguínea está relacionada a doenças cardiovasculares. Para entender esse conceito é importante diferenciarmos os lipídios esteroidais em dois grupos:

  • HDL: Lipídios de alta densidade;
  • LDL: Lipídios de baixa densidade.

A relação entre esses dois tipos de lipídios (que são colesteróis associados a proteínas para transporte – lipoproteínas) garante a estabilidade dos vasos sanguíneos.

Os LDL são colesteróis oriundos, geralmente, de uma dieta gordurosa e podem sofrer oxidação e se acumular na parede dos vasos sanguíneos formando ateromas.

Os HDL, em concentrações adequadas, não se acumulam nos vasos e até auxiliam no transporte de colesterol para o fígado. Pode ser sintetizado no próprio organismo ou ser consumido na dieta em alimentos ricos em ômega 3, como óleos de peixe, alimentos integrais e vegetais.


Exercícios

Exercício 1
(UEL-PR)

O óleo vegetal, componente do biodiesel, é do grupo dos triglicerídeos, podendo ser extraído de várias fontes, como amendoim, mamona, algodão e girassol. Sobre os triglicerídeos, é correto afirmar:

Ilustração: Rapaz corpulento de camiseta, short e tênis acenando

Inscreva-se abaixo e receba novidades sobre o Enem, Sisu, Prouni e Fies:

Carregando...

Veja também

BIOLOGIA
Carboidratos
Carboidratos
BIOLOGIA
Enzimas
Enzimas
BIOLOGIA
Gorduras
Gorduras
BIOLOGIA
Nutrição
Nutrição
BIOLOGIA
Proteínas
Proteínas
BIOLOGIA
Vitaminas
Vitaminas