Sobre
Sobre
Como funciona
Como funciona o Quero Bolsa?
Ligue grátis
0800
0800 941 3000
Seg - Sex 8h-22h
Sábado 9h-13h
Aceitamos ligação de celular
47b316467a297d6779ec43c4ac38ae10276375b6 6b191a995ded0aeb3f26c5fc30854909240ae124
Vestibular e Enem

150 anos da Tabela Periódica: pode cair no Enem?

por Giovana Murça em 22/05/19 480 visualizações

Quando pensamos em Química, logo nos vem a mente uma laboratório cheio de tubos de ensaio, cientistas de jaleco e, lá no fundo, uma tabela periódica. Mas não pense que é só no cotidiano dos cientistas que a tabela está presente. Aposto que você já viu ela na sua sala de aula ou no final do seu livro didático.

Caso você nunca tenha se atentado, talvez esse seja o momento de conhecê-la, pois a tabela periódica e suas propriedades podem ser um dos conteúdos cobrados na sua prova do Enem. Nesse post, você vê como o Enem aborda o tema!

Borá estudar Química? Walter White ficaria orgulhoso de você!

A tabela há 150 anos

A tabela que conhecemos hoje tem 118 elementos, mas nem sempre foi assim. Após várias tentativas e sugestões de outros cientistas, em 1869, o químico russo Dimitri Mendeleev organizou os elementos conhecidos na época, ao todo 63, de acordo com suas propriedades físicas e químicas.

Mendeleev chegou a prever a existência e deixou espaço na tabela para elementos que ainda seriam descobertos anos mais tarde. Em homenagem a esse avanço na ciência, há exatos 150 anos, a Organização das Nações Unidas (ONU) proclamou 2019 como o Ano Internacional da Tabela Periódica.

Tabela periodica de Mendeleev
Tabela periódica desenvolvida por Mendeleev: os pontos de interrogação no lugar de elementos se referem aos elementos que ainda não existiam na época (Foto: Wikimedia Commons)

A proclamação foi em reconhecimento à importância da Química para promover o desenvolvimento e solucionar questões nas áreas da energia, educação, agricultura e saúde.

É preciso decorar a tabela para o Enem?

 Antes que você se pergunte “É preciso decorar a tabela periódica inteira para o Enem?”, a resposta é: não é preciso! Todas as informações necessárias estarão no enunciado da questão e, no caso de questões mais específicas, a prova irá trazer a tabela periódica completa em anexo.

“O ideal é aprender a usá-la e saber o por que ela está organizada daquela maneira. Dessa forma, a tabela passa a ser sua aliada e não sua inimiga”, aconselha o professor de Química Iago Silva, do Cursinho da Poli.

O que é preciso saber

A prova não exige que o candidato decore a tabela, mas sim que ele saiba interpretar a tabela e o que se pede na questão. O professor Iago explica que o Enem costuma contextualizar suas questões, então pelo fato de se comemorar 150 anos da tabela periódica em 2019, é possível que uma questão seja dedicada ao fato histórico.


“A composição da tabela é em 18 Grupos (nas linhas verticais) e 7 Períodos (nas linhas horizontais). No mesmo grupo, os elementos tem a composição eletrônica da última camada semelhante. No mesmo período, os elementos possuem o mesmo números de camadas”, explica Iago.

O professor Guilherme Vargas, do canal do Youtube Química em Foco, comenta que a prova pode cobrar desde a organização dos elementos em famílias, como foi no Enem de 2018, até as propriedades periódicas, que foram assunto no Enem de 2017. O professor Iago também avisa que a questão pode cobrar a comparação de elementos com propriedades periódicas semelhantes ou diferentes.

Para você se preparar, confira alguns conteúdos indicados pelos professores:

Como cai no Enem?

Veja na prática como o Enem abordou o tema tabela periódica nos últimos anos:

Enem 2017

enem 2017

Resolução: Nessa questão era necessário conhecer a tabela e como os elementos estão distribuídos. O fundamental era saber que o flúor se encontra no canto superior direito da tabela, ou seja, local onde estão os elementos com maior eletronegatividade (maior tendência a atrair elétrons) e que o Flúor dentre todos é o elementos mais eletronegativo. Resposta: C.

2018


Resolução: Nessa questão, o texto conta uma história sobre a importância dos elementos citados, mas a informação crucial está no trecho "pela similaridade de suas propriedades químicas". Um bom estudante de química já faz a associação de que semelhança química se trata de elementos que pertencem à mesma família ou grupo (linha vertical da tabela) e pronto! Tanto o nióbio (Nb;Z41) como o tântalo (Ta;Z73) estão localizados no grupo 5 da tabela. Resposta: C.

Tabela periódica sem crise

meme tabela periódica
A tabela periódica e seus elementos geram muitos memes na internet

A dica do professor Guilherme é fazer as provas anteriores focando nos textos base e nas situações-problemas propostos, pois “as situações poderão ser cobradas novamente”. O professor Iago também recomenda aproveitar a internet e acessar canais do Youtube, ver vídeos aulas e fazer listas de exercícios online.

Estudando para o Enem? Acesse: Plano de Estudo gratuito para o Enem 

Manual do Enem

Quer uma plataforma pra estudar Química de graça e sem sair de casa? Acesse o Manual do Enem! Lá você encontra conteúdo de todas as matérias para se preparar para o Enem. É só clicar aqui e bons estudos ;)

47b316467a297d6779ec43c4ac38ae10276375b6 6b191a995ded0aeb3f26c5fc30854909240ae124

O que você achou deste artigo?

ALERTA DE VAGAS i-close
Tá na dúvida? Preencha suas preferências que a gente te ajuda a achar sua vaga ideal.
ALERTA DE VAGAS i-close
Descubra qual profissão mais se encaixa com você.

Não fique na dúvida sobre o seu futuro. Faça o Teste Vocacional do Quero Bolsa.

ALERTA DE VAGAS i-close
Nós podemos te ajudar Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

Aqui no Quero Bolsa você compare vagas com bolsa em mais de 1.000 faculdades

Preencha os campos abaixo para receber avisos de vagas disponíveis em nosso site de acordo com seus interesses.

ALERTA DE VAGAS i-close
Deixe seus contatos Mailbox 3aaacb172f1a1e1ba19b2e93f60f637592c84194967e63e952c08d3cb04fa7a8
ALERTA DE VAGAS i-close
Falta só mais um passo! Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

As nossas melhores vagas chegam de surpresa. Por isso fique ligado.

Com a sua confirmação enviaremos ofertas exclusivas diretamente no seu Whatsapp. Rápido, fácil, prático e na tela do seu celular.

CENTRAL DE AJUDA i-close
Como podemos te ajudar?

Gostaria de saber como o Quero Bolsa funciona e se o site é confiável.

Veja as perguntas frequentes

Quero receber vagas de acordo com meus interesses diretamente em meu e-mail e WhatsApp.

Tá na dúvida? Preencha suas preferências que a gente te ajuda a achar sua vaga ideal.
i-close

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Você pode trocar por outro curso ou pedir reembolso em até 30 dias após pagar a pré-matrícula. Se você garantiu sua bolsa antes das matrículas começarem, o prazo é de 30 dias após o início das matrículas na faculdade.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2019 CNPJ: 10.542.212/0001-54