logo
Lista de faculdades Lista de cursos Lista de profissões Revista Quero Central de ajuda

banner image banner image
Cursos Técnicos

Curso técnico tem estágio?

por Camilla Freitas em 09/04/22

O curso técnico é uma formação de curta duração totalmente voltada para o mercado de trabalho, diferentemente dos cursos de graduação, que tem o foco para a área acadêmica. Além disso, ao fazer um técnico, as chances de conseguir um emprego aumentam.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Fundação Roberto Marinho, Itaú Educação e Trabalho e Fundação Arymax, 60% das empresas afirmam que o curso técnico é um diferencial na hora de contratar um funcionário. Por isso, esse é um dos melhores caminhos para quem quer se qualificar e melhorar o currículo profissional.

+ Encontre bolsas de estudo de até 80%

Mas é comum encontrar algumas dúvidas em relação a esse tipo de formação e uma delas é em relação ao estágio. Já que o curso técnico não é considerado uma graduação, será que um estudante pode se tornar um estagiário?

Continue a leitura para tirar essa e outras dúvidas sobre o curso técnico.

Leia mais: + Qual é o curso técnico que mais emprega?
4 motivos do porquê fazer um curso técnico EaD

Curso técnico tem estágio?

Como funciona o curso técnico? 

O curso técnico geralmente dura em torno de dois anos e é uma modalidade reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC). O objetivo principal do curso é preparar os estudantes para o mercado de trabalho, por isso, ao longo do semestres, o estudante terá contato com disciplinas específicas e essenciais para realizar as atividades que a profissão exige.

Atualmente, os cursos técnicos são ofertados nas seguintes áreas:

  • Ambiente, Saúde e Segurança

  • Apoio Educacional

  • Controle e Processos Industriais

  • Gestão e Negócios

  • Informação e Comunicação

  • Infraestrutura

  • Militar

  • Produção Alimentícia

  • Produção Cultural e Design

  • Produção Industrial

  • Recursos Naturais

  • Hospitalidade e Lazer

Como saber se um curso técnico é reconhecido pelo MEC?

Quem pode fazer curso técnico?

O curso técnico pode ser feito por quem tem mais de 16 anos e ainda está no ensino médio, mas também é possível que estudantes que já concluíram o segundo grau ingressem no curso. No Brasil existem três modalidades de curso técnico, entenda, a seguir, o perfil de cada uma delas:

  • Curso técnico integrado: Esta modalidade combina o ensino médio com o ensino técnico-profissionalizante. Para fazer o curso, o aluno deve apenas ter concluído o ensino fundamental.

  • Curso técnico externo: O curso técnico externo, assim como o integrado, pode ser realizado durante o ensino médio, entretanto, como diferencial, é realizado de forma separada dos estudos escolares.

  • Curso técnico profissionalizante: O curso técnico profissionalizante é destinado a estudantes que já concluíram o ensino médio, podendo ser realizado independentemente de idade ou demais fatores.

    É importante lembrar que o curso técnico não é considerado uma graduação, então se você tem a intenção de aprofundar os seus conhecimentos e se desenvolver na área acadêmica, será necessário ingressar em um curso superior.

      Veja também: + Conheça as diferenças entre curso técnico e tecnólogo

      Mostrando cursos em Veja mais vagas

      • Mensalidades a partir de

        R$ 270,00
        Ver Bolsas

      • {course} {university}

        Mensalidades a partir de R$ 2400/mês

      Veja mais cursos

      Curso técnico tem estágio? 

      Como o curso é voltado para o mercado de trabalho, nada melhor do que a prática para desenvolver as habilidades que uma profissão exige, não é mesmo? De acordo com o artigo 1º da Lei do Estágio , L11788, estudantes do curso técnico podem fazer estágio:

      "Estágio é ato educativo escolar supervisionado, desenvolvido no ambiente de trabalho, que visa à preparação para o trabalho produtivo de educandos que estejam freqüentando o ensino regular em instituições de educação superior, de educação profissional, de ensino médio, da educação especial e dos anos finais do ensino fundamental, na modalidade profissional da educação de jovens e adultos".

      Algumas instituições não exigem a realização do estágio para concluir o curso, mas ainda assim, o aluno pode procurar por vagas e desenvolver as atividades na modalidade de estágio não-obrigatório ou estágio extracurricular. 

      Saiba que o contrato de estagiário é diferente de um contrato de carteira assinada. Com isso, algumas coisas mudam, como a carga horária, férias e o período de trabalho.

      • Jornada de trabalho: a carga horário não deve ultrapassar 6 horas diárias e 30 horas semanais;

      • Período do estágio: o estagiário não pode exercer as suas atividades por mais de 2 anos em uma mesma empresa, exceto quando se tratar de estagiário portador de deficiência.

      • Férias: a empresa deve conceder recesso remunerado de 30 dias caso o estagiário exerça suas atividades por 12 meses;

      • Período de avaliação: nos períodos de prova, a carga horária do estagiário deve ser reduzida pelo menos em 50% para garantir o bom desempenho do estudante.

      Veja também: + Qual é a diferença entre estágio obrigatório e não obrigatório?

      Como conseguir um estágio de curso técnico?

      Conseguir um estágio de curso técnico nem sempre é uma tarefa fácil, principalmente para estudantes do ensino médio. Isso porque, provavelmente é a primeira vez que o aluno vai se candidatar a uma vaga.

      Mas para ajudar, separamos algumas dicas para você se preparar e ir atrás da sua vaga de estágio.

      Fique de olho no mercado de trabalho: uma das formas de se preparar para uma vaga é saber quais habilidades e competências necessárias você precisa desenvolver. Por isso, fique sempre atento ao que as empresas estão em busca;

      Atividades complementares: participar de atividades extracurriculares é um grande diferencial porque mostra o seu interesse em se desenvolver profissionalmente. Por isso, assista palestras, participe de eventos da área e até mesmo faça outros cursos que possam agregar à sua carreira;

      Converse com professores: os professores já estão no mercado de trabalho há mais tempo e, consequentemente, conhecem mais empresas e têm contatos que podem te ajudar. 

      Elabore um currículo simples e objetivo: no currículo você deve incluir seus dados, suas habilidades, experiências acadêmicas e profissionais, caso já tenha desenvolvido algum estágio. Mas tudo isso deve ser feito de forma direta, porque como os recrutadores recebem vários currículos para uma vaga, essa é uma das maneiras de fazer com que o seu currículo seja lido com mais atenção.

      Veja também: + Saiba como fazer um currículo para estágio
      5 dicas para entrevista de estágio na área de RH

      Onde fazer curso técnico? 

      Diversas instituições de ensino oferecem cursos técnicos. Se você deseja ingressar em um por um preço acessível, veja as opções disponíveis na Quero Bolsa. Lá na plataforma você encontra cursos de diversas áreas e em qualquer lugar do país.

      Conheça as instituições que são mais procuradas por quem deseja fazer um curso técnico na plataforma Quero Bolsa:

      Ficou interessado? Clique no botão abaixo, digite o curso que você quer fazer, a instituição, o local, a modalidade (a distância ou presencial) e o valor que você pode pagar. Depois é só escolher a melhor opção e iniciar o processo para garantir a sua bolsa de estudo.

      Bolsas de estudo para cursos técnicos

      Mostrando cursos em Veja mais vagas

      • Mensalidades a partir de

        R$ 270,00
        Ver Bolsas

      • {course} {university}

        Mensalidades a partir de R$ 2400/mês

      Veja mais cursos

      Tags relacionadas:

      banner image banner image

      Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

      Você pode trocar por outro curso ou pedir reembolso em até 30 dias após pagar a pré-matrícula. Se você garantiu sua bolsa antes das matrículas começarem, o prazo é de 30 dias após o início das matrículas na faculdade.

      Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

      O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

      O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

      Feito com pela Quero Educação

      Quero Educação © 2011 - 2022 CNPJ: 10.542.212/0001-54