Sobre
Sobre
Como funciona
Como funciona o Quero Bolsa?
Ligue grátis
0800
0800 941 3000
Seg - Sex 8h-22h
Sábado 9h-13h
Aceitamos ligação de celular
Dd10657a4a3e1d222243c67e73a214d6195fa66b 17dcae6d93a00e23838a7b1ed1cd272b81d8eede
Vestibular e Enem

Movimento Antivacinação: O que você precisa saber sobre o tema para o Enem

por Giovana Murça em 04/07/19 8,8 mil visualizações

Aposto que você se lembra dos seus pais te levando para tomar vacina quando você ainda era criança. Você era do time dos que choravam ou dos que aguentavam firme? Chorando ou não, o importante é que hoje você está protegido de doenças que matavam muitas crianças séculos atrás.

As vacinas são vírus inativados ou enfraquecidos introduzidos no corpo que o estimula a produzir anticorpos contra doenças específicas. A primeira vacina surgiu no século XVIII contra a varíola, mas somente no século XX que elas foram aperfeiçoadas e aplicadas pelo mundo.

movimento antivacinação enem
Campanha Nacional de Vacinação do Governo Federal de 2019 (Fonte: Reprodução/Ministério da Saúde)

Elas foram a maior invenção do século XX e revolucionaram a medicina. Por causa delas, a mortalidade infantil reduziu e a expectativa de vida aumentou. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a vacinação é uma das formas mais efetivas e de menor custo para reduzir a mortalidade infantil.

Uma pesquisa da OMS estima que as vacinas previnem por ano quase 6 milhões de mortes no mundo. Apesar dessa nova realidade com mais qualidade de vida, o número de pessoas que aderem ao chamado Movimento Antivacinação preocupam as autoridades e políticos.

O que é o movimento antivacinação?

O medo de vacinas e de outros avanços da medicina não é algo recente. Na Idade Média, muitas pessoas tinham medo até de tomar banho, pois acreditavam que o corpo podia ficar exposto a males e doenças. 

Hoje, além de algumas comunidades religiosas que não são adeptas à vacinação, existem também grupos de pessoas desconfiadas da indústria farmacêutica. São pessoas que resolveram não se vacinar e nem imunizar seus filhos por medo dos efeitos negativos que as vacinas poderiam causar.

A professora de redação Giovanna Gallo, do canal do Youtube Professor de Atualidades, acredita que o assunto pode ser tema de redação do Enem: “Antes ele era um movimento incipiente, mas, com o aumento no número de casos de pais que optam pela não-vacinação, o problema se tornou uma questão de saúde pública”. 

Surgimento e justificativas da antivacinação

As principais razões do medo às vacinas são causadas por notícias falsas. Na internet, há diversos conteúdos que conspiram contra a vacinação e a indústria farmacêutica baseados em dados falsos e até, totalmente, sem sentido.

O movimento ganhou força em 1998, após uma pesquisa falsa do médico britânico Andrew Wakefield que sugeria que a vacina contra sarampo, caxumba e rubéola desencadearia autismo em crianças. O estudo e o médico foram desmascarados, mas a notícia mentirosa se espalhou pelo mundo e até hoje muitas pessoas acreditam que vacinas podem causar autismo.

vacinação enem
Campanha de Multivacinação de 2011, em Belo Horizonte (Foto: Luiza Vianna/Prefeitura de Belo Horizonte)

O movimento prega que a vacinação se inicie mais tarde, quando o sistema imunológico estaria mais maduro, que as doses únicas sejam separadas em mais doses e que haja um aumento no tempo entre suas aplicações.

Os adeptos também acreditam que a imunização pela doença seja melhor do que pela vacina, que seria artificial. Entretanto, a vacinação ocorre em pouca idade justamente porque é quando o sistema imunológico está mais frágil e com o objetivo de que as doenças não sejam contraídas, já que elas deixam muitas sequelas e podem causar até morte.

Os problemas da não-vacinação

O crescimento do movimento antivacinação é uma preocupação mundial e pode, inclusive, aparecer na prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A resistência à vacinação entrou na lista de dez ameaças à saúde global em 2019 da Organização Mundial de Saúde.

Plano de Estudo Enem 2019: Baixe gratuitamente o plano desse mês

Segundo a Organização, o movimento antivacinação ameaça reverter o progresso feito no combate a doenças evitáveis ​​por vacinação. Isso porque a imunização ocorre pelo efeito rebanho: quanto mais pessoas imunes, menor o risco da doença se propagar.

Quando parte da população decide não se vacinar, aumenta o número de pessoas expostas as doenças. Assim, não só as pessoas antivacinação são afetadas, mas também todas as pessoas que podem se vacinar, seja por questão de pouca idade, problemas imunológicos ou falta de acesso.

vacinação enem
Dia D da Vacinação Contra A Gripe, em 2012, em Itapevi (Foto: Felipe Barros/Secom - Prefeitura de Itapevi)

As taxas de vacinação têm caído, inclusive no Brasil. Algumas doenças erradicadas ameaçam voltar, como o sarampo, a poliomielite, a difteria e a rubéola. De acordo com o Ministério da Saúde, dentre oito vacinas infantis obrigatórias, apenas a BCG alcançou sua meta de cobertura, mesmo com a queda nos últimos oito anos. 

A vacinação contra poliomielite teve sua pior taxa vacinação, cobrindo 86% da população, quando o recomendado pela OMS é de 95%. No Brasil, a poliomielite é considerada erradicada desde 1990.

O que esperar do tema no Enem?

A redação do Enem sempre irá propor uma questão problemática que afeta toda a sociedade e que precisa de solução. “O movimento antivacinação se apresenta como uma questão importante e que pode desafiar os estudantes despreparados”, acredita a professora Giovanna.

As notícias falsas podem ser as principais armadilhas dos vestibulandos, e inclusive alimentam movimentos perigosos como o da antivacinação. A dica do professor Renan Russo, também do canal Professor de Atualidades, é acompanhar fontes confiáveis de informação, como jornais confiáveis, dados de fontes oficiais, como a OMS, e canais relevantes do Youtube Educação.

A professora Giovanna acrescenta que estudar sobre o assunto ainda pode ajudar na argumentação em outros temas de redação. ”Pode servir de exemplo para mostrar uma descrença nas ciências e nos conhecimentos ligados à razão crítica”, explica.

Além da redação

A prova também pode cobrar o assuntos em outras disciplinas, como Biologia, História e até Sociologia. “Temos as questões biológicas da vacina e do sistema imunológico, a Revolta da Vacina ocorrida na República Velha e já que o número de pessoas salvas pela descoberta das vacinas aumentou a expectativa de vida, se alterou diversas dinâmicas sociais”, exemplifica o professor Renan.

movimento antivacinação enem
A Revolta da Vacina em charge de Leonidas freire, publicada na revista O Malho, em 1904 (Foto: Reprodução/Wikimedia Commons)

O assunto pode ser abordado de várias formas, alerta Renan, desde a descrença em relação ao conhecimento científico, os perigos que uma redução nos níveis de vacinação pode causar à saúde pública, até o aumento nos gastos com a campanha de vacinação.

Manual do Enem e Plano de Estudo Enem 2019

Está estudando para o Enem? Então corre para conhecer nosso Plano de Estudos do mês e comece a estudar com as matérias e exercícios do Manual do Enem. E o melhor: tudo de graça! Bons estudos ;)

Dd10657a4a3e1d222243c67e73a214d6195fa66b 17dcae6d93a00e23838a7b1ed1cd272b81d8eede

O que você achou deste artigo?

ALERTA DE VAGAS i-close
Tá na dúvida? Preencha suas preferências que a gente te ajuda a achar sua vaga ideal.
ALERTA DE VAGAS i-close
Descubra qual profissão mais se encaixa com você.

Não fique na dúvida sobre o seu futuro. Faça o Teste Vocacional do Quero Bolsa.

ALERTA DE VAGAS i-close
Nós podemos te ajudar Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

Aqui no Quero Bolsa você compare vagas com bolsa em mais de 1.000 faculdades

Preencha os campos abaixo para receber avisos de vagas disponíveis em nosso site de acordo com seus interesses.

ALERTA DE VAGAS i-close
Deixe seus contatos Mailbox 3aaacb172f1a1e1ba19b2e93f60f637592c84194967e63e952c08d3cb04fa7a8
ALERTA DE VAGAS i-close
Falta só mais um passo! Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

As nossas melhores vagas chegam de surpresa. Por isso fique ligado.

Com a sua confirmação enviaremos ofertas exclusivas diretamente no seu Whatsapp. Rápido, fácil, prático e na tela do seu celular.

CENTRAL DE AJUDA i-close
Como podemos te ajudar?

Gostaria de saber como o Quero Bolsa funciona e se o site é confiável.

Veja as perguntas frequentes

Quero receber vagas de acordo com meus interesses diretamente em meu e-mail e WhatsApp.

Tá na dúvida? Preencha suas preferências que a gente te ajuda a achar sua vaga ideal.
i-close

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Você pode trocar por outro curso ou pedir reembolso em até 30 dias após pagar a pré-matrícula. Se você garantiu sua bolsa antes das matrículas começarem, o prazo é de 30 dias após o início das matrículas na faculdade.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2020 CNPJ: 10.542.212/0001-54