Fale com a gente

Como funciona
  1. Busque sua bolsa

    Escolha um curso e encontre a melhor opção pra você.


  2. Garanta sua bolsa

    Faça a sua adesão e siga os passos para o processo seletivo.


  3. Estude pagando menos

    Aí é só realizar a matrícula e mandar ver nos estudos.


Olá! Quer uma ajudinha para descobrir seu curso ou faculdade ideal?

Engenharia Agrícola

Saiba tudo sobre o curso de Engenharia Agrícola e comece a estudar com ajuda da Quero Bolsa

Ilustração de uma garota fazendo uma pesquisa do curso de Engenharia Agrícola no notebook
Média Salarial: R$ 1.689,33
Duração: até 10 semestres
Bolsas: a partir de R$ 813,00
Ver bolsas de até 87%

Sobre o curso de Engenharia Agrícola

Última atualização: 04/03/2024

O curso de Engenharia Agrícola forma profissionais que atuam no campo do agronegócio, buscando novas técnicas de plantio e manuseio das terras. O programa tem o objetivo de aprimorar a eficiência da produção agrícola e pecuária por meio da aplicação de princípios de engenharia. As disciplinas englobam desde o estudo de solos, hidráulica, máquinas agrícolas, até o manejo de recursos hídricos e tecnologias de irrigação.

A metodologia do programa combina aulas teóricas e práticas, com ênfase em projetos de campo que simulam situações reais do setor agrícola. Os alunos aprendem a desenvolver e implementar sistemas de automação para a agricultura, além de estratégias para a gestão sustentável de recursos naturais e energéticos.

Além disso, o curso abrange o estudo de estruturas agrícolas e armazenamento de produtos agrícolas, preparando os futuros engenheiros agrícolas para enfrentar desafios relacionados à logística e conservação de alimentos. A formação inclui também aspectos de gestão e economia agrícola.

Após a conclusão do curso, o engenheiro agrícola pode desenvolver e executar projetos de construção de moinhos, silos, cisternas, estufas e outras estruturas que facilitem e o processo de produção e estocagem de produtos agrícolas.

Mantendo a consciência ambiental, o profissional da área também pode trabalhar com projetos de conservação do solo e recursos hídricos, incluindo sistemas de irrigação e drenagem.

Quais faculdades disponibilizam o curso de Engenharia Agrícola?

De acordo com as informações disponibilizadas pelo e-MEC, atualmente, 24 instituições de ensino superior ofertam o curso de Engenharia Agrícola. Confira algumas das universidades que integram a lista:

O tipo de formação para o curso de Engenharia Agrícola é: bacharelado .

Como é o curso de Engenharia Agrícola?

O curso de Engenharia Agrícola é ofertado em nível de graduação e pós-graduação, abrangendo bacharelado, especialização, MBA, mestrado e doutorado. A formação possui duração média de 5 anos, período em que o aluno pode realizar seus estudos de forma presencial, semipresencial e a distância.

Segundo as Diretrizes Curriculares Nacionais definidas pelo Ministério da Educação (MEC), o curso de Engenharia Agrícola é composto por conteúdos básicos e profissionais.

O núcleo básico conta com disciplinas como: Biologia, Estatística, Expressão Gráfica, Física, Informática, Matemática, Metodologia Científica e Tecnológica, e Química. Já os conteúdos profissionais podem englobar as seguintes matérias:

  • Avaliação e Perícias Rurais;

  • Automação e Controle de Sistemas Agrícolas;

  • Cartografia e Geoprocessamento;

  • Comunicação e Extensão Rural;

  • Economia e Administração Agrária;

  • Eletricidade, Energia e Energização em Sistemas Agrícolas;

  • Estrutura e Edificações Rurais e Agroindustriais;

  • Ética e Legislação;

  • Fenômenos de Transportes;

  • Gestão Empresarial e Marketing;

  • Hidráulica;

  • Hidrologia;

  • Meteorologia e Bioclimatologia;

  • Motores, Máquinas, Mecanização e Transporte agrícola;

  • Mecânica;

  • Otimização de Sistemas Agrícolas;

  • Processamento de Produtos Agrícolas;

  • Saneamento e Gestão Ambiental;

  • Sistema de Produção Agropecuário;

  • Sistemas de Irrigação e Drenagem;

  • Solos;

  • Técnicas e Análises Experimentais;

  • Tecnologia e Resistências dos Materiais.

O estágio supervisionado e o trabalho de conclusão de curso (TCC) são disciplinas obrigatórias para obtenção do diploma de Engenharia Agrícola. O curso tem carga horária mínima de 3.600 horas.

Qual a grade curricular de Engenharia Agrícola?

Grade Curricular é o conjunto de matérias que o aluno estudará durante o curso. Veja abaixo um exemplo de grade curricular para o curso de Engenharia Agrícola em uma de nossas faculdades parceiras:

    Ver a grade curricular

    O que se aprende na faculdade de Engenharia Agrícola?

    No curso de Engenharia Agrícola, os estudantes são preparados para desenvolver tecnologias e gerenciar processos relacionados à produção agrícola e pecuária, com foco na otimização do uso dos recursos naturais e na sustentabilidade.

    O curso abrange disciplinas que fornecem a base tanto em ciências exatas quanto em ciências agrárias, preparando os profissionais para enfrentar os desafios do setor agropecuário com soluções inovadoras.

    Inicialmente, os alunos estudam matemática, física, química e biologia. O embasamento teórico é complementado por estudos de ciências do solo, englobando a fertilidade, manejo e conservação do solo.

    As disciplinas específicas do curso incluem mecanização agrícola, que trata do uso e manutenção de máquinas e equipamentos utilizados na agricultura; hidráulica e irrigação, focadas no manejo eficiente da água para a agricultura; construções rurais e ambiência, que ensinam sobre o planejamento e construção de estruturas necessárias para a produção agrícola e animal, como estufas, silos, e sistemas de ventilação; e gestão e planejamento agrícola, que aborda técnicas de administração aplicadas ao contexto rural.

    A engenharia de processos agrícolas é outra área de estudo enfatizada, voltada ao desenvolvimento e à otimização de processos de pós-colheita, armazenamento, processamento e embalagem de produtos agrícolas.

    Além do conteúdo teórico, o curso de Engenharia Agrícola enfatiza a importância da experiência prática. Os estudantes participam de estágios, projetos de pesquisa e extensão, e visitas técnicas, que permitem a aplicação dos conhecimentos adquiridos em situações reais do setor agropecuário.

    De acordo com as Diretrizes Curriculares do Ministério da Educação (MEC), o curso de Engenharia Agrícola prepara o estudante a:

    • Estudar a viabilidade técnica e econômica, planejar, projetar, especificar, supervisionar, coordenar e orientar tecnicamente;

    • Realizar assistência, assessoria e consultoria;

    • Dirigir empresas, executar e fiscalizar serviços técnicos correlatos;

    • Realizar vistoria, perícia, avaliação, arbitramento, laudo e pareceres técnicos;

    • Desempenhar cargo e função técnica;

    • Promover a padronização, mensuração e controle de qualidade;

    • Atuar em atividades docentes no ensino técnico profissional, ensino superior, pesquisa, análise, experimentação, ensaios e divulgação técnica e extensão;

    • Conhecer e compreender os fatores de produção e combiná-los com eficiência técnica e econômica;

    • Aplicar conhecimentos científicos e tecnológicos;

    • Conceber, projetar e analisar sistemas, produtos e processos;

    • Identificar problemas e propor soluções;

    • Desenvolver, e utilizar novas tecnologias;

    • Gerenciar, operar e manter sistemas e processos;

    • Comunicar-se eficientemente nas formas escrita, oral e gráfica;

    • Atuar em equipes multidisciplinares;

    • Avaliar o impacto das atividades profissionais nos contextos social, ambiental e econômico;

    • Conhecer e atuar em mercados do complexo agroindustrial e de agronegócio;

    • Compreender e atuar na organização e gerenciamento empresarial e comunitário;

    • Atuar com espírito empreendedor;

    • Conhecer, interagir e influenciar nos processos decisórios de agentes e instituições, na gestão de políticas setoriais.

    Quanto custa uma faculdade de Engenharia Agrícola?

    O curso de Engenharia Agrícola, no site da Quero Bolsa, pode ser encontrado com valores a partir de R$ 414,05.

    Se você deseja ingressar no curso, acesse o site e encontre ofertas de até 80% para a formação.

    Procure o curso de Engenharia Agrícola ideal para você!

    Com mensalidades a partir de R$ 813,00 entre as 1.421 instituições parceiras do Quero Bolsa.

    Veja como é simples começar a estudar

    1. Encontre seu curso
    2. Garanta sua bolsa
    3. Economize até se formar

    Sobre a carreira de Engenharia Agrícola

    O que faz o profissional de Engenharia Agrícola?

    O engenheiro agrícola planeja, coordena e executa atividades da agricultura e da pecuária, se preocupando com o uso de recursos naturais renováveis e ambientais.

    São profissionais diferentes, mas complementares, aos engenheiros agrônomos. A formação em Engenharia Agrícola é mais focada nas necessidades dos sistemas estruturais, energéticos e mecânicos do campo.

    Ele também fiscaliza essas atividades, promove a extensão rural, por meio da orientação aos produtores nos vários aspectos das atividades, e elabora documentação técnica e científica. Pode prestar assistência e consultoria técnicas.

    Onde o profissional de Engenharia Agrícola pode trabalhar?

    O profissional da Engenharia Agrícola trabalha em atividades da agricultura, pecuária, pesca e aquicultura, em empresas públicas e privadas e em cooperativas de produtores. Entre as áreas que demandam a presença do profissional, se destacam:

    • Fazendas

    • Centros de pesquisa

    • Cooperativas

    • Usinas de produção

    • Comércios

    Alguns profissionais atuam como empregados com carteira, outros são prestadores de serviços ou podem ser também servidores públicos. Normalmente, o engenheiro agrícola trabalha em equipe e a céu aberto.

    O profissional pode atuar em diferentes etapas da produção agrícola, como:

    • Infraestrutura: Nesse campo de atuação, o profissional é responsável por projetar e construir estábulos, silos e estufas.

    • Irrigação e Drenagem: Assim como o nome sugere, o engenheiro agrícola que exerce atuação na irrigação e drenagem é responsável por construir barragens, açudes e demais sistemas de irrigação.

    • Eletrificação: Nessa área de atuação, o engenheiro agrícola é responsável por instalar fontes de energia, o que inclui energia elétrica, solar, hidráulica, entre outras possibilidades.

    • Mecanização: Projetar equipamentos mecânicos que estarão presentes em diversas etapas da produção agrícola é a função do profissional da área que atua na mecanização.

    • Qualidade: O profissional da Engenharia Agrícola que atua na área de qualidade é responsável por monitorar os processos produtivos e executar ações que promovam a melhoria da qualidade.

    • Saneamento: Na área de saneamento o profissional deve projetar estações de tratamento de esgoto e dejetos agrícolas.

    • Pós-colheita: Na etapa da pós-colheita o profissional coordena e planeja sistemas de embalagem, transporte e armazenamento.

    De acordo com os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), o salário do engenheiro agrícola é de, em média, R$ 10.297,78

    Quanto ganha um profissional de Engenharia Agrícola?

    O salário médio de um Engenheiro agrícola no Brasil é de R$ 1.689,33 . Os estados onde a profissão de Engenheiro agrícola têm os melhores salários são DF, PR e CE.

    Quer saber o salário das demais especialidades? Veja aqui

    Ver salários dessa profissão
    Sino de ofertas
    Receba um alerta quando a vaga ideal chegar!

    Como ingressar na profissão de Engenharia Agrícola?

    Quais são as exigências do mercado de trabalho para o profissional de Engenharia Agrícola?

    Além de curso superior na área reconhecido pelo MEC, o engenheiro agrícola deve contar com o registro profissional obtido com o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea).

    A área possui muitos profissionais com cursos de especialização, mestrado e doutorado, evidenciando a importância de estudo contínuo.

    Quais são as principais competências pessoais do profissional de Engenharia Agrícola?

    As principais características do profissional de Engenharia Agrícola, listadas pelo Ministério do Trabalho, são:

    Discernimento;
    Criatividade;
    Raciocínio lógico;
    Espírito empreendedor;
    Adaptabilidade.

    Nota de corte para Engenharia Agrícola

    Sabia que, utilizando apenas o seu resultado do Enem, você pode entrar em diversos cursos de universidades federais, estaduais e privadas?

    Para ajudar o estudante a entender as suas possibilidades, o Quero Bolsa desenvolveu o Simulador de Nota de Corte . O sistema reúne os dados das últimas provas e mostra o desempenho mínimo para conseguir uma vaga em um dos programas educacionais do governo.

    No último ano, as notas de corte registradas para o curso de Engenharia Agrícola foram:

    Balões de Conversa - Dúvidas sobre Engenharia Agrícola
    Está com dúvidas sobre Engenharia Agrícola? Os alunos e ex-alunos do curso estão prontos para tirar suas dúvidas. Ver perguntas e respostas

    Perguntas e Respostas - Engenharia Agrícola

    Tipo de Pergunta
    Recentes