Info Icon Help Icon Como funciona Ajuda
Whatsapp Icon 0800 123 2222
Envie mensagem ou ligue
Sociologia

Estado de Bem Estar Social

Natália Cruz
Publicado por Natália Cruz
Última atualização: 21/8/2018

Introdução

O estado de bem-estar social - Welfare State, em inglês - é o modelo social, político e econômico que garante a todos os cidadãos, independente da idade ou classe social, a garantia de padrões mínimos de saúde, educação, habitação e seguridade social.

O estado de bem-estar social é, também, o responsável pela regulamentação das leis trabalhistas, pelo cumprimento das jornadas de trabalho definidas, pagamento de salário mínimo, garantia de leis trabalhistas e pelo direito à previdência social.

Para garantir tais direitos sociais básicos, é preciso da intervenção do Estado na Economia, a fim de garantir a geração e regulação de empregos, manutenção das leis trabalhistas e garantia de melhoria no padrão de vida dos cidadãos.

A criação do estado de bem-estar social

Após o fim da Primeira Guerra Mundial, os Estados Unidos tiveram um grande crescimento econômico ao vender produtos e insumos para a Europa devastada. Na década de 1920, no entanto, a Europa já havia se recuperado e os Estados Unidos contavam com um estoque de produção acumulado.

Em 1929, os estadunidenses enfrentaram uma crise econômica, que ficou conhecida como a Crise de 1929, que ocasionou a quebra da bolsa de Valores de Nova York e o aumento das taxas de pobreza e desemprego no país.

Para conter o avanço da Crise, em 1933, o presidente Franklin Roosevelt implantou o programa de recuperação econômica, chamado de New Deal.

Foram feitos maciços investimentos em obras públicas, redução das jornadas de trabalho e pagamento de salários mínimos. Foi a partir de 1933 que os Estados Unidos passaram a utilizar algumas ações do estado de bem-estar social.

Na Europa, o estado de bem-estar social passou a ser utilizado na Inglaterra em 1942, período da Segunda Guerra Mundial. A implantação de políticas de bem-estar social foram usadas para promover a recuperação econômica e garantir o crescimento Europeu.

O estado de bem-estar social europeu vivenciou seu auge nas décadas de 1960 e início da década de 1970. Na Inglaterra, foi abandonado no fim da década de 1970, com a eleição da Primeira Ministra Margareth Tatcher, que iniciou a era de políticas neoliberais.

O estado de bem-estar social no Brasil

As primeiras políticas de bem-estar e de intervenção estatal foram implantadas no Brasil na Era Vargas (1930-1945). Foram realizados investimentos em obras públicas, promulgação das primeiras leis trabalhistas e estatização do refino de petróleo.

Nas décadas de 1970 e 1980, o país viveu uma nova onda de bem-estar social. No entanto, não da mesma forma que as políticas estadunidenses e europeias. A política de bem-estar social brasileira dessas décadas foi feita de maneira assistencialista.

Na década de 1990, o país passou por uma onda de governos neoliberais, com a privatização de empresas e menor investimentos em setores sociais. As políticas assistencialistas voltaram às pautas governamentais a partir da década de 2000.

A crise do estado de bem-estar social

Na década de de 1970, muitos países abandonaram as políticas de bem-estar social e adotaram o modelo neoliberal de governo. Na Inglaterra, a implantação do neoliberalismo ocorreu no governo de Margareth Tatcher. A primeira dama inglesa defendia o fim das políticas de bem-estar social pois as considerava onerosas e podiam quebrar o Estado.

A sugestão para o fortalecimento econômico era a implantação de políticas neoliberais, com pouca intervenção do Estado na Economia. A regulação econômica nesse modelo é feita de maneira cíclica pelo próprio mercado.Sem a obrigatoriedade de garantir serviços básicos à população, cada indivíduo precisa, então, garantir saúde, educação e moradia através do emprego.

Embora o modelo de bem-estar social tenha perdido força ao longo das décadas, alguns países europeus - como a Dinamarca, Suécia e Finlândia - ainda adotam tais políticas e ocupam as primeiras posições no IDH.


Exercícios

Exercício 1
(FCC/2009)

O Estado do Bem-Estar Social, também denominado Welfare State, caracteriza-se:

Ilustração: Rapaz corpulento de camiseta, shorts e tênis acenando

Inscreva-se abaixo e receba novidades sobre o Enem, Sisu, Prouni e Fies:

Carregando...

Veja também

SOCIOLOGIA
Ação Social
Ação Social
SOCIOLOGIA
Antropologia
Antropologia
SOCIOLOGIA
Cidadania
Cidadania
SOCIOLOGIA
Cultura
Cultura
SOCIOLOGIA
Declaração Universal dos Direitos Humanos
Declaração Universal dos Direitos Humanos
SOCIOLOGIA
Desigualdade Social
Desigualdade Social
SOCIOLOGIA
Direitos Humanos
Direitos Humanos
SOCIOLOGIA
Estado Democrático de Direito
Estado Democrático de Direito
SOCIOLOGIA
Estigma Social
Estigma Social
SOCIOLOGIA
Estruturalismo
Estruturalismo
SOCIOLOGIA
Exclusão Social
Exclusão Social
SOCIOLOGIA
Feminismo
Feminismo
SOCIOLOGIA
Funcionalismo
Funcionalismo
SOCIOLOGIA
Movimentos Sociais
Movimentos Sociais
SOCIOLOGIA
Neoliberalismo
Neoliberalismo
SOCIOLOGIA
Social-Democracia
Social-Democracia
SOCIOLOGIA
Sociedade
Sociedade