Sobre
Sobre
Como funciona
Como funciona o Quero Bolsa?
Ligue grátis
0800
0800 941 3000
Seg - Sex 8h-22h
Sábado 9h-13h
Aceitamos ligação de celular
banner image banner image
Universidades

Em quais faculdades os ministros do STF estudaram?

por Mathias Sallit em 29/06/20

O Supremo Tribunal Federal (STF) é o principal órgão e a mais alta cúpula do Poder Judiciário do Brasil. De acordo com o artigo 102 da Constituição Federal de 1988, "compete ao Supremo Tribunal Federal, precipuamente, a guarda da Constituição", sendo assim função dos ministros do STF proteger a Carta Magna brasileira e julgar possíveis ações inconstitucionais.

Foto: Marcelo Moryan/Deposit
ministros do STF onde estudaram
Frente do Palácio do Supremo Tribunal Federal, em Brasília (DF)

Ao todo, são 11 ministros que compõem a corte. Eles são nomeados pelo presidente da República e precisam ter a nomeação aprovada por maioria absoluta no Senado Federal, segundo o artigo 101 da Constituição.

Esse artigo também aponta que os ministros devem ser cidadãos brasileiros natos, com idade na posse entre 35 e 65 anos e com "notável saber jurídico e reputação ilibada". A Constituição também coloca a aposentadoria compulsória de ministros do STF aos 75 anos de idade.

A atual composição da corte conta com nove homens e duas mulheres, todos com graduação em Direito ou Ciências Jurídicas e Sociais, além das pós-graduações, como mestrado e doutorado.

Veja também:
Teste Vocacional para Direito: descubra se tem perfil para o curso

A Revista Quero acessou o currículo dos 11 ministros do STF, documento que mostra em quais universidades os membros da cúpula do Poder Judiciário brasileiro estudaram. Confira!

Dias Toffoli

ministros do STF dias toffoli
O ministro e presidente do STF Dias Toffoli (Foto: Nelson Jr./STF/SCO)

Presidente do Supremo Tribunal Federal, José Antonio Dias Toffoli se formou bacharel em Direito pela Faculdade de Direito do Largo de São Francisco da Universidade de São Paulo (USP), onde estudou entre os anos de 1986 e 1990.

Nomeado pelo ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva em 2009, Toffoli fará parte do STF até 2042.

Luiz Fux

ministros stf Luiz Fux
O ministro Luiz Fux (Foto: Nelson Jr./STF/SCO)

Vice-presidente do STF, Luiz Fux se formou bacharel em Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). Fux ingressou no curso em 1971 e formou-se em 1976. Na mesma Uerj, o ministro completou o seu mestrado e doutorado.

O ministro entrou para a corte em 2011, nomeado pela ex-presidente Dilma Rousseff, onde atuará até 2028. 

Celso de Mello

ministros stf Celso de Mello
O ministro Celso de Mello Filho (Foto: Carlos Moura/STF/SCO)

Decano do STF, isto é, ministro mais antigo da atual composição a atuar na corte, José Celso de Mello Filho se formou bacharel em Direito pela USP na turma de 1969. Celso de Mello está no STF desde 1989, nomeado pelo então presidente José Sarney, e se aposenta em 2020.

Marco Aurélio

ministro do STF Marco Aurélio
O ministro Marco Aurélio (Foto: Nelson Jr./STF/SCO)

O ministro Marco Aurélio Mendes de Farias Mello estudou Ciências Jurídicas e Sociais na Faculdade Nacional de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), onde se formou bacharel em 1973. Na mesma UFRJ, concluiu seu mestrado em Direito Privado em 1982.

Marco Aurélio foi nomeado por Fernando Collor de Mello em 1990 e atuará no STF até 2021.

Gilmar Mendes

ministros do STF gilmar mendes
O ministro Gilmar Mendes (Foto: Fellipe Sampaio/STF/SCO)

Gilmar Ferreira Mendes fez a sua formação em Direito na Universidade de Brasília (UnB) entre os anos de 1975 e 1978. Na UnB, também concluiu o seu mestrado em Direito e Estado no ano de 1987. O ministro também tem títulos de mestrado e doutorado na Universidade de Münster, na Alemanha.

Gilmar Mendes foi nomeado pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso em 2002 e atuará no STF até 2030.

Ricardo Lewandowski

ministros do stf Ricardo Lewandowski
O ministro Ricardo Lewandowski (Foto: Nelson Jr./STF/SCO)

Antes de entrar para o Direito, Ricardo Lewandowski se formou em Ciências Políticas e Sociais pela Escola de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP), em 1971. Já em 1973, formou-se bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo (FDSBC). O ministro é ainda mestre e doutor em Direito pela USP, títulos obtidos em 1980 e 1982.

Nomeado pelo ex-presidente Lula, Lewandowski entrou na corte em 2006 e segue no STF até 2023.

Cármen Lúcia

ministros do STF Cármen Lúcia
A ministra Cármen Lúcia (Foto: Nelson Jr./STF/SCO)

A ministra Cármen Lúcia estudou entre 1973 e 1977 na Faculdade Mineira de Direito da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas), onde graduou-se. Seu mestrado em Direito Constitucional na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) foi defendido em 1982. Ela ainda conta com uma especialização em Direito de Empresa pela Fundação Dom Cabral (FDC).

Cármen Lúcia atua no STF desde 2006, quando foi nomeada pelo ex-presidente Lula, e segue na corte até 2029.

Rosa Weber

ministros do stf Rosa Weber
A ministra Rosa Weber (Foto: Nelson Jr./STF/SCO)

A ministra Rosa Weber estudou na Faculdade de Direito da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) entre os anos de 1967 e 1971, quando formou-se em Ciências Jurídicas e Sociais. Na mesma instituição, ela concluiu cursos de extensão nos anos seguintes à formação.

Rosa Weber é ministra do STF desde 2011, nomeada por Dilma Rousseff, e se aposenta da corte em 2023.

Roberto Barroso

ministros do stf Roberto Barroso
O ministro Roberto Barroso (Foto: Nelson Jr./STF/SCO)

Luís Roberto Barroso é formado em Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), em 1980, mestre em Direito plea Universidade de Yale, nos Estados Unidos, e é doutor em Direito Público, título obtido obtido na Uerj em 2008.

Nomeado por Dilma Rousseff em 2013, o ministro poderá seguir na corte até 2033.

Edson Fachin

ministros do stf Edson Fachin
O ministro Edson Fachin (Foto: Nelson Jr./STF/SCO)

O ministro Luiz Edson Fachin é graduado em Direito pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) desde 1980. Concluiu mestrado e doutorado pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), onde obteve esses títulos em 1986 e 1991, respectivamente. Fachin ainda faz pós-doutorado no Canadá.

O ministro foi nomeado por Dilma Rousseff em 2015 e terá sua aposentadoria do STF em 2033.

Alexandre de Moraes

ministros do STF Alexandre de Moraes
O ministro Alexandre de Moraes (Foto: Nelson Jr./STF/SCO)

Alexandre de Moraes é formado na turma de 1990 da Faculdade de Direito do Largo do São Francisco da USP, onde também concluiu, em 2000, seu doutorado em Direito do Estado.

Alexandre de Moraes foi o último ministro da atual composição a ingressar no STF, nomeado por Michel Temer em 2017. Ele segue no supremo até 2043.

Você tem perfil para estudar Direito?

Você acha que tem perfil para estudar Direito e almejar cargos como o de ministro do STF? Faça o Teste Vocacional Gratuito da Revista Quero e descubra se o curso de Direito e as profissões da área jurídica têm a ver com você.

Teste Vocacional para Direito

Clique no botão acima e comece a fazer o teste grátis. O resultado sai logo que você finaliza o questionário.

Leia mais:
51 Faculdades de Direito com maior taxa de aprovação no exame da OAB
9 livros que todo estudante de Direito deveria ler

Fonte: Currículos dos ministros, disponíveis no Portal do Supremo Tribunal Federal (STF).

banner image banner image

O que você achou deste artigo?

ALERTA DE VAGAS i-close
Quer ficar sabendo das melhores vagas antes de todo mundo?
ALERTA DE VAGAS i-close
Sabia que dependendo do seu período é melhor começar de novo?Thinking face f5c039d3e92b0c131b3780cdbc1ee3d7966cc05cafc35064b70df0e0e049c24d

Caso você ainda esteja no primeiro ou segundo período da faculdade, você pode economizar começando o curso novamente com bolsa de estudo.

ALERTA DE VAGAS i-close
Nós podemos te ajudar Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

Aqui no Quero Bolsa você encontra as melhores vagas em diversos turnos, até mesmo ensino a distância.

Preencha os campos abaixo para receber avisos de vagas disponíveis em nosso site de acordo com seus interesses.

ALERTA DE VAGAS i-close
Deixe seus contatos Mailbox 3aaacb172f1a1e1ba19b2e93f60f637592c84194967e63e952c08d3cb04fa7a8
ALERTA DE VAGAS i-close
Falta só mais um passo! Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

As nossas melhores vagas chegam de surpresa. Por isso fique ligado.

Com a sua confirmação enviaremos ofertas exclusivas diretamente no seu Whatsapp. Rápido, fácil, prático e na tela do seu celular.

CENTRAL DE AJUDA i-close
Como podemos te ajudar?

Gostaria de saber como o Quero Bolsa funciona e se o site é confiável.

Veja as perguntas frequentes

Quero receber vagas de acordo com meus interesses diretamente em meu e-mail e WhatsApp.

Quer ficar sabendo das melhores vagas antes de todo mundo?
i-close

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Você pode trocar por outro curso ou pedir reembolso em até 30 dias após pagar a pré-matrícula. Se você garantiu sua bolsa antes das matrículas começarem, o prazo é de 30 dias após o início das matrículas na faculdade.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2020 CNPJ: 10.542.212/0001-54