Fale com a gente

Como funciona
  1. Busque sua bolsa

    Escolha um curso e encontre a melhor opção pra você.


  2. Garanta sua bolsa

    Faça a sua adesão e siga os passos para o processo seletivo.


  3. Estude pagando menos

    Aí é só realizar a matrícula e mandar ver nos estudos.


Engenharia de Computação

Saiba tudo sobre o curso de Engenharia de Computação e comece a estudar com ajuda da Quero Bolsa

Média Salarial: R$ 8.479,39
Duração: em média, 5 anos
Bolsas: a partir de R$ 108,00
Ilustração de uma garota fazendo uma pesquisa do curso de Engenharia de Computação no notebook

Sobre o curso de Engenharia de Computação

A Engenharia da Computação é a ciência que projeta, desenvolve e gerencia sistemas computacionais. Isso inclui hardware, software, redes e sistemas embarcados. Os engenheiros da computação criam soluções tecnológicas inovadoras para diversas áreas, como comunicações, automação e inteligência artificial.

O curso de Engenharia da Computação é uma graduação voltada para a formação de profissionais capazes de projetar, desenvolver e implementar sistemas computacionais e eletrônicos. A duração média do curso é de cinco anos, com uma carga horária extensa em disciplinas relacionadas à matemática, física e tecnologia da computação.

Os alunos aprendem conceitos fundamentais de eletrônica, como o funcionamento de circuitos e dispositivos eletrônicos, além de matérias relacionadas à programação e algoritmos. Além disso, a formação em Engenharia da Computação abrange também disciplinas de gerenciamento de projetos e administração, habilidades essenciais para a gestão de equipes e coordenação de projetos de tecnologia.

O curso de Engenharia da Computação possui uma grande variedade de áreas de atuação, desde o desenvolvimento de hardware e software, até a criação de dispositivos eletrônicos, robótica e automação industrial. Por ser uma área em constante evolução, é necessário que o profissional se atualize constantemente, acompanhando as novas tecnologias e tendências do mercado.

Uma das vantagens de escolher este curso é a ampla possibilidade de atuação profissional, em empresas de tecnologia, indústrias, empresas de telecomunicações, instituições financeiras e outras áreas que necessitam de tecnologia para suas operações. O mercado de trabalho para engenheiros da computação é bastante promissor, especialmente em países com forte desenvolvimento tecnológico.

O tipo de formação para o curso de Engenharia de Computação é: bacharelado .

Como é a faculdade de Engenharia de Computação?

O curso de Engenharia de Computação habilita a pessoa para trabalhar com o desenvolvimento e planejamento de softwares e hardwares. Com essa formação, ela poderá projetar, programar e gerenciar sistemas computacionais, além de criar e projetar computadores, periféricos e circuitos.

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), a obtenção de qualquer diploma em Engenharia está condicionada à produção de um trabalho de conclusão de curso (TCC) e estágio obrigatório supervisionado de no mínimo 160 horas.

O MEC também estabelece diretrizes sobre quanto tempo dura o curso de Engenharia de Computação: é obrigatório que a graduação tenha pelo menos 3.200 horas totais. A duração média é de 5 anos.

A formação pode ser realizada nas modalidades presencial e a distância. No curso de Engenharia da Computação EaD, por exemplo, o aluno desenvolve seus estudos de forma 100% on-line, com o apoio de recursos e ferramentas digitais.

Encontre a faculdade ideal para você aqui.

Qual a grade curricular de Engenharia de Computação?

Grade Curricular é o conjunto de matérias que o aluno estudará durante o curso. Veja abaixo um exemplo de grade curricular para o curso de Engenharia de Computação em uma de nossas faculdades parceiras:

  • Arquitetura de Computadores

  • Atividades Complementares

  • Automação Industrial

Ver a grade curricular

O que se aprende na faculdade de Engenharia de Computação?

O curso de Engenharia da Computação é uma graduação que oferece uma formação sólida em tecnologia da computação, eletrônica e gerenciamento de projetos. Durante os cinco anos de duração, os alunos aprendem diversos conceitos fundamentais que os habilitam a projetar, desenvolver e implementar sistemas computacionais e eletrônicos.

A formação em Engenharia da Computação começa com disciplinas básicas de matemática e física, que são a base para entender os princípios da eletrônica e da computação. Além disso, os alunos também aprendem linguagens de programação e algoritmos, essenciais para a criação de sistemas computacionais complexos.

No decorrer do curso, os estudantes também aprendem sobre arquitetura de computadores, sistemas operacionais, redes de computadores e banco de dados. Disciplinas como inteligência artificial e robótica também fazem parte da formação, oferecendo aos alunos a oportunidade de se aprofundar em áreas específicas do conhecimento.

Outro aspecto importante do curso é a formação em gerenciamento de projetos e administração. Os alunos aprendem sobre planejamento, controle e execução de projetos, habilidades essenciais para a coordenação de equipes e o desenvolvimento de projetos de tecnologia com eficiência e eficácia.

Ao longo do curso, os estudantes também têm a oportunidade de desenvolver projetos em grupos, colocando em prática os conhecimentos adquiridos em sala de aula. Esses projetos podem envolver desde a criação de aplicativos até o desenvolvimento de sistemas embarcados e robótica.

De acordo com as Diretrizes Curriculares Nacionais definidas pelo Ministério da Educação, o curso de Engenharia de Computação deve contar com os seguintes conteúdos básicos e tecnológicos:

  • Projeto de sistemas digitais;
  • Projeto de circuitos integrados;
  • Microeletrônica e nanoeletrônica;
  • Processamento digital de sinais;
  • Comunicação de dados;
  • Sistemas de controle;
  • Automação de projeto;
  • Transdutores;
  • Teoria dos semicondutores;
  • Teoria eletromagnética;
  • Eletrônica digital e analógica;
  • Circuitos elétricos;
  • Eletricidade;
  • Física.

O MEC também exige que todos os cursos de Engenharia dediquem um mínimo de 30% da sua carga horária total para conteúdos básicos e comuns a todas as graduações da área e outros 15% mínimos para conteúdos profissionalizantes.

Quanto custa uma faculdade de Engenharia de Computação?

Veja descontos de até 81% em ofertas para o curso de Engenharia da Computação. As mensalidades com bolsas de estudo variam entre R$93,53 e R$1.887,00, em instituições parceiras da Quero Bolsa!

Caso você tenha dúvidas se esse curso é a escolha certa para você, não deixe de conferir o Teste Vocacional da Quero Bolsa. É rápido, gratuito e pode te ajudar nessa importante escolha profissional.

Procure o curso de Engenharia de Computação ideal para você!

Com mensalidades a partir de R$ 108,00 entre as 1.353 instituições parceiras do Quero Bolsa.

Veja como é simples começar a estudar

  1. Encontre seu curso
  2. Garanta sua bolsa
  3. Economize até se formar

Sobre a carreira de Engenharia de Computação

O que faz o profissional de Engenharia de Computação?

O engenheiro de computação projeta soluções em tecnologia da informação, identificando problemas e oportunidades. Ele cria protótipos, valida novas tecnologias e projeta aplicativos em linguagem de baixo, médio e alto nível.

O profissional da Engenharia de Computação também implementa soluções em tecnologia da informação, gerencia ambientes operacionais, elabora documentação, fornece suporte técnico e organiza treinamentos a usuários.

A carreira em Engenharia de Computação oferece boas perspectivas, pois é uma área que continua aquecida mesmo com o país em crise. Há elevada demanda por profissionais qualificados, especialmente na área de big data e desenvolvimento de aplicativos.

O profissional também encontra um bom mercado para atuar em campos como automação industrial e robótica, fabricação de hardware, suporte até mesmo em marketing e vendas, para a comercialização de equipamentos de alta tecnologia.

Onde o profissional de Engenharia de Computação pode trabalhar?

O mercado de trabalho para um engenheiro da computação é bastante amplo e diversificado, oferecendo uma variedade de oportunidades em diferentes setores da economia.

Uma das principais áreas de atuação para um engenheiro da computação é no setor de tecnologia da informação, onde eles podem trabalhar em empresas de desenvolvimento de software, serviços de tecnologia e consultoria em TI.

Além disso, um engenheiro da computação também pode atuar em empresas de telecomunicações, que dependem fortemente de sistemas e tecnologias computacionais para suas operações. Nesse setor, eles podem trabalhar no desenvolvimento de infraestrutura de rede, sistemas de comunicação e projetos de automação.

Outra área de atuação é a indústria, onde o engenheiro da computação pode trabalhar em empresas de automação industrial, projetando e desenvolvendo sistemas para controle de processos produtivos. Eles também podem atuar em empresas de eletrônica, no desenvolvimento de dispositivos eletrônicos e tecnologias embarcadas.

A área de educação e pesquisa também oferece oportunidades para um engenheiro da computação, atuando em universidades e institutos de pesquisa, desenvolvendo projetos de pesquisa e ensinando as próximas gerações de engenheiros da computação.

Por fim, um engenheiro da computação também pode trabalhar como empreendedor, criando sua própria empresa de tecnologia ou startup. Nesse caso, eles podem desenvolver novas tecnologias, produtos e serviços inovadores que atendam às necessidades do mercado.

Caso você tenha dúvidas sobre o curso de Engenharia da Computação ou profissões nesta área, faça o seu questionamento na Comunidade Quero. A Comunidade Quero é um ambiente para troca de conhecimento, onde você pode tirar suas dúvidas e ajudar outros integrantes da Comunidade com as dúvidas sobre o curso.

Quanto ganha um profissional de Engenharia de Computação?

O salário médio de um Engenheiro de Computação no Brasil é de R$ 8.479,39 . Os estados onde a profissão de Engenheiro de Computação têm os melhores salários são .

Quer saber o salário das demais especialidades? Veja aqui

Ver salários dessa profissão
Sino de ofertas
Receba um alerta quando a vaga ideal chegar!

Como ingressar na profissão de Engenharia de Computação

Quais são as exigências do mercado de trabalho para o profissional de Engenharia de Computação?

Para poder atuar profissionalmente, além do diploma em um curso reconhecido pelo MEC, o engenheiro de computação precisa estar regularmente inscrito no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA).

O mercado de trabalho para um engenheiro da computação é bastante exigente e competitivo, requerendo uma série de habilidades técnicas e comportamentais para atender às demandas dos empregadores.

Além do domínio das tecnologias e sistemas computacionais, é preciso ter habilidades em comunicação, liderança, resolução de problemas e trabalho em equipe.

Um dos principais requisitos para um engenheiro da computação é estar atualizado com as últimas tecnologias e tendências do mercado. É essencial que esses profissionais sejam capazes de adaptar-se rapidamente a mudanças e inovações tecnológicas, mantendo-se sempre atualizados sobre as novidades do setor.

Outro requisito importante é a habilidade em trabalhar em equipe e em projetos multidisciplinares. O engenheiro da computação precisa ser capaz de se comunicar efetivamente com outros profissionais, como programadores, engenheiros elétricos e gerentes de projeto, a fim de alcançar os objetivos do projeto e entregar produtos de alta qualidade.

A habilidade em resolver problemas é outra exigência do mercado de trabalho. O engenheiro da computação deve ser capaz de identificar e solucionar problemas técnicos com rapidez e eficiência, usando seus conhecimentos em sistemas computacionais para encontrar soluções práticas e inovadoras.

Além disso, as empresas também buscam profissionais com habilidades em liderança e gerenciamento de projetos. O engenheiro da computação deve ser capaz de coordenar equipes de trabalho, definir metas e prazos, além de ser responsável pelo planejamento, execução e controle de projetos de tecnologia.

Por fim, é importante destacar que a capacidade de aprendizado contínuo é um requisito fundamental para o sucesso na carreira de engenheiro da computação. Os profissionais devem estar sempre dispostos a aprender e se atualizar sobre novas tecnologias, conceitos e metodologias, a fim de manter sua competitividade no mercado de trabalho.

Veja também: O Guia de Profissões da Quero Bolsa! São mais de 370 páginas sobre as diversas possibilidades profissionais do mercado de trabalho. Sobre a área, você poderá conferir detalhes sobre as profissões de: engenheiro da computação, cientista da computação, analista de sistemas, desenvolvedor e outras profissões.

Quais são as principais competências pessoais do profissional de Engenharia de Computação?

As principais características do profissional de Engenharia de Computação, listadas pelo Ministério do Trabalho, são:

Persistência;
Curiosidade;
Raciocínio lógico;
Raciocínio abstrato;
Orientação para detalhes;
Criatividade;
Objetividade.

Nota de corte para Engenharia de Computação

Sabia que, utilizando apenas o seu resultado do Enem, você pode entrar em diversos cursos de universidades federais, estaduais e privadas?

Para ajudar o estudante a entender as suas possibilidades, o Quero Bolsa desenvolveu o Simulador de Nota de Corte . O sistema reúne os dados das últimas provas e mostra o desempenho mínimo para conseguir uma vaga em um dos programas educacionais do governo.

No último ano, as notas de corte registradas para o curso de Engenharia de Computação foram:

Balões de Conversa - Dúvidas sobre Engenharia de Computação
Está com dúvidas sobre Engenharia de Computação? Os alunos e ex-alunos do curso estão prontos para tirar suas dúvidas. Ver perguntas e respostas

Perguntas e Respostas - Engenharia de Computação

Tipo de Pergunta
Recentes