Fale com a gente

Como funciona
  1. Busque sua bolsa

    Escolha um curso e encontre a melhor opção pra você.


  2. Garanta sua bolsa

    Faça a sua adesão e siga os passos para o processo seletivo.


  3. Estude pagando menos

    Aí é só realizar a matrícula e mandar ver nos estudos.


Olá! Quer uma ajudinha para descobrir seu curso ou faculdade ideal?

Astronomia

Saiba tudo sobre o curso de Astronomia e comece a estudar com ajuda da Quero Bolsa

Ilustração de uma garota fazendo uma pesquisa do curso de Astronomia no notebook
Média Salarial: R$ 3.538,72
Duração: em média, 4 anos
Ver bolsas

O que é Astronomia?

A Astronomia é a ciência dedicada ao estudo do universo e dos corpos celestes, analisando suas localizações no espaço e explicando sua origem e movimentos.

O curso de Astronomia é uma jornada acadêmica que explora as características universo, englobando os corpos celestes, suas origens e seus fenômenos. Ao longo do programa, os alunos estudam disciplinas como física, matemática, química e ciências da computação, demandadas para a análise e interpretação dos fenômenos astronômicos.

Durante o curso, os estudantes aprendem a utilizar telescópios e instrumentos avançados para estudar estrelas, planetas, galáxias e outros objetos cósmicos, revelando segredos sobre a origem e evolução do universo.

Além disso, o curso de Astronomia frequentemente aborda tópicos como astrofísica, cosmologia, formação de estrelas, planetologia e a busca por vida. Os estudantes também têm a oportunidade de se envolver em projetos práticos, como observações astronômicas, análise de dados e modelagem computacional.

O curso de Astronomia também explora a história da astronomia e sua influência na cultura humana ao longo dos séculos. A relação entre a astronomia e a sociedade é igualmente discutida, incluindo o impacto das descobertas astronômicas na percepção humana.

Qual é a diferença entre Astronomia e Astrologia?

A Astronomia é a ciência que estuda o universo e os corpos celestes, focando em entender sua origem, estrutura, evolução e movimentos. Já a Astrologia é uma crença que sugere que a posição e o movimento dos corpos celestes podem influenciar a vida humana e os acontecimentos terrestres, não sendo reconhecida como ciência pela comunidade científica.

Como estudar Astronomia?

Para estudar Astronomia em nível superior, o aluno deve matricular-se em uma das três instituições disponíveis em território nacional que disponibilizam o curso. As possibilidades englobam a Universidade Federal de Sergipe (UFS), Universidade de São Paulo (USP) e a Universidade Federal do Rio de Janeiro (URFJ).

Além disso, também é possível ingressar na área em nível de pós-graduação. Nesse caso, as possibilidades são encontradas em maior escala, com o requisito mínimo de conclusão prévia de um curso superior.

Qual é a importância da Astronomia?

A Astronomia é determinante para a compreensão do universo. Ela ajuda na navegação, no desenvolvimento de tecnologias avançadas, incluindo satélites e telecomunicações, e na previsão de eventos celestes que podem afetar a Terra. Além disso, inspira questões sobre a existência e fomenta o interesse pela ciência.

O tipo de formação para o curso de Astronomia é: bacharelado .

Como é o curso de Astronomia?

O curso de Astronomia tem duração média de quatro anos e conta com atividades práticas, aulas teóricas, em laboratórios e observatórios, além do desenvolvimento de projetos acadêmicos. Os estudantes são imersos em disciplinas que abrangem desde a física básica até a astrofísica avançada, matemática aplicada, e programação de computadores.

As aulas teóricas fornecem uma base sobre os princípios da mecânica celeste, a evolução estelar, a estrutura e dinâmica do Universo, a cosmologia, entre outros temas centrais da astronomia. Em paralelo, as atividades práticas em laboratórios e observatórios permitem aos alunos aplicar esses conhecimentos na prática, observando corpos celestes, coletando e analisando dados astronômicos com o uso de telescópios e outros instrumentos científicos.

Além disso, os projetos de pesquisa acadêmica complementam a formação dos estudantes, proporcionando a oportunidade de trabalhar diretamente com pesquisadores e professores em investigações científicas.

Ao final do curso, os graduados estarão preparados para enfrentar os desafios da pesquisa astronômica e desempenhar um papel importante na exploração do universo.

O curso deve abranger os seguintes conteúdos, entre outros:

  • Planetas e Sistemas Planetários;

  • Astrofísica Estelar;

  • Astrofísica Galáctica e Extragaláctica;

  • Física da Terra e do Universo;

  • História das Ciências;

  • Introdução à Física de Plasmas e Fusão Nuclear.

De acordo com o e-MEC, atualmente, o curso de graduação em Astronomia é oferecido em três instituições de ensino superior no Brasil. São elas:

Qual a grade curricular de Astronomia?

Grade Curricular é o conjunto de matérias que o aluno estudará durante o curso. Veja abaixo um exemplo de grade curricular para o curso de Astronomia em uma de nossas faculdades parceiras:

    Ver a grade curricular

    O que a Astronomia estuda?

    A Astronomia é a ciência dedicada ao estudo da composição, formação e dos fenômenos associados aos corpos celestes e ao Universo. Reconhecida como a mais antiga das ciências, ela se desenvolveu a partir da observação milenar dos movimentos e comportamentos dos astros e estrelas no céu.

    No curso de Astronomia, os estudantes têm a oportunidade de explorar tópicos relacionados ao universo e aos corpos celestes. As disciplinas abrangem tanto aspectos teóricos quanto práticos, com conteúdos como:

    Fundamentos da Astronomia: Estudo dos princípios básicos da astronomia, incluindo leis fundamentais da física que regem o movimento dos corpos celestes.

    Observação Astronômica: Utilização de telescópios e instrumentação avançada para observar e estudar objetos celestes, como estrelas, planetas, luas, galáxias e nebulosas.

    Astrofísica: Exploração das propriedades físicas dos corpos celestes, incluindo temperatura, massa, composição química e evolução estelar.

    Cosmologia: Estudo da origem, evolução e estrutura do universo como um todo, abordando questões sobre a expansão do universo, a natureza da matéria escura e a energia escura.

    Formação de Sistemas Planetários: Investigação sobre a formação de estrelas e planetas, incluindo o papel dos discos protoplanetários na gênese de sistemas solares.

    Planetologia: Análise das características e processos que moldam planetas e corpos celestes dentro e fora do nosso sistema solar.

    Instrumentação Astronômica: Compreensão e utilização de tecnologias avançadas, como espectroscopia, fotometria e observações em diferentes faixas do espectro eletromagnético.

    Mecânica Celeste: Estudo dos movimentos e interações gravitacionais entre corpos celestes, incluindo leis de Kepler e a teoria da gravidade de Newton.

    História da Astronomia: Exploração das contribuições históricas para a astronomia, desde as antigas civilizações até as descobertas mais recentes.

    Pesquisa e Métodos Científicos: Desenvolvimento de habilidades de pesquisa, análise de dados e a aplicação de métodos científicos na resolução de problemas astronômicos.

    Tecnologias Emergentes: Familiarização com tecnologias recentes, como telescópios espaciais, satélites astronômicos e técnicas avançadas de modelagem computacional.

    Se você deseja descobrir se o curso de Astronomia é a escolha certa para você, não deixe de conferir o Teste Vocacional da Quero Bolsa. É rápido, gratuito e pode te ajudar nessa importante escolha profissional.

    Qual é o preço da faculdade de Astronomia?

    Por se ofertado exclusivamente por instituições de ensino superior públicas, não há preços atrelados ao curso de Astronomia em nível de graduação. Em grau de especialização, entretanto, é possível encontrar mensalidades a partir de R$ 49,00, a depender da instituição de ensino.

    Procure o curso de Astronomia ideal para você!

    Escolha entre as mais de mil instituições parceiras do Quero Bolsa.

    Veja como é simples começar a estudar

    1. Encontre seu curso
    2. Garanta sua bolsa
    3. Economize até se formar

    Sobre a carreira de Astronomia

    O que faz o profissional de Astronomia?

    O astrônomo realiza pesquisas científicas para analisar fenômenos astronômicos.

    Ele obtém e trata dados e divulga informações por meio de trabalhos, teses, publicações, eventos. etc.

    Este profissional também desenvolve sistemas computacionais e instrumentação científica e gerencia projetos em sua área.

    No Guia de Profissões, você pode conferir informações sobre= o primeiro passo e as possibilidades na área profissional do astrônomo.

    Onde o profissional de Astronomia pode trabalhar?

    Os astrônomos têm a oportunidade de trabalhar em diversas áreas e ambientes, explorando o vasto campo da astronomia em diferentes setores. Aqui estão algumas das áreas onde os astrônomos podem desempenhar um papel crucial:

    Instituições de Pesquisa Acadêmica: Muitos astrônomos encontram emprego em universidades e institutos de pesquisa acadêmica. Nestes ambientes, eles podem conduzir pesquisas, lecionar, orientar estudantes de pós-graduação e contribuir para o avanço do conhecimento astronômico.

    Observatórios Astronômicos: Astrônomos frequentemente trabalham em observatórios terrestres ou espaciais, onde têm acesso a instrumentos de ponta para realizar observações e coletar dados sobre estrelas, planetas, galáxias e outros objetos celestes.

    Agências Espaciais: Algumas agências espaciais, como a NASA (Administração Nacional da Aeronáutica e Espaço) nos Estados Unidos, a ESA (Agência Espacial Europeia) e outras organizações internacionais, empregam astrônomos para projetar, conduzir e analisar experimentos espaciais.

    Indústria de Tecnologia e Instrumentação Científica: Astrônomos também encontram oportunidades na indústria, especialmente em empresas que fabricam instrumentação científica, telescópios, câmeras astronômicas e tecnologias relacionadas.

    Divulgação Científica e Educação: Muitos astrônomos se dedicam à divulgação científica, trabalhando em planetários, museus de ciência, centros de educação e programas de extensão. Eles compartilham o fascínio pelo cosmos com o público, explicando descobertas astronômicas e promovendo o interesse pela ciência.

    Setor Privado: Algumas empresas privadas contratam astrônomos para trabalhar em áreas como análise de dados, modelagem computacional, desenvolvimento de software e consultoria científica.

    Agências Governamentais: Alguns astrônomos encontram oportunidades de trabalho em agências governamentais, onde contribuem para políticas e decisões relacionadas à exploração espacial e à pesquisa astronômica.

    Empresas de Consultoria e Pesquisa: Astrônomos podem trabalhar em empresas de consultoria, onde aplicam suas habilidades analíticas e científicas em uma variedade de projetos, desde análises de dados até avaliações de impacto ambiental.

    Dica importante: Confira o Guia Completo sobre a Redação do Enem. Veja dicas incríveis para você arrasar e conseguir uma boa nota nesta parte importante da prova. Tenha acesso aos critérios de avaliação, dicas de especialistas e exemplos nota 1000! Tudo gratuito para você!

    Quanto ganha um profissional de Astronomia?

    O salário médio de um Astrônomo no Brasil é de R$ 3.538,72 . Os estados onde a profissão de Astrônomo têm os melhores salários são PI, TO e DF.

    Quer saber o salário das demais especialidades? Veja aqui

    Ver salários dessa profissão
    Sino de ofertas
    Receba um alerta quando a vaga ideal chegar!

    Como ingressar na profissão de Astronomia?

    Quais são as exigências do mercado de trabalho para o profissional de Astronomia?

    Tornar-se um astrônomo envolve um caminho educacional e profissional dedicado, pois é uma área que exige sólidos conhecimentos em física, matemática, e um profundo interesse pelo cosmos. Aqui estão os passos comuns para seguir essa carreira:

    Educação Básica: Inicie sua jornada focando em uma educação sólida no ensino médio, com destaque para disciplinas de ciências, especialmente física e matemática. Participar de clubes de astronomia ou atividades extracurriculares relacionadas à ciência pode fornecer uma introdução mais prática ao campo.

    Graduação em Astronomia ou Física: Prosseguir com um curso de graduação em Astronomia ou Física é o próximo passo. Durante esse período, concentre-se em cursos específicos de astronomia, astrofísica, mecânica celeste e outras disciplinas relacionadas. Participar de projetos de pesquisa ou estágios em observatórios ou laboratórios pode enriquecer sua experiência prática.

    Participação em Programas de Verão e Estágios: Busque oportunidades de estágio ou programas de verão em instituições de pesquisa ou observatórios. Isso oferecerá uma exposição mais direta à pesquisa astronômica e permitirá que você trabalhe com profissionais experientes.

    Pós-Graduação (Mestrado/Doutorado): A maioria dos astrônomos possui pelo menos um grau de mestrado ou doutorado. Ao ingressar em um programa de pós-graduação, você terá a oportunidade de se especializar em uma área específica da astronomia, desenvolver habilidades de pesquisa e contribuir para a expansão do conhecimento no campo.

    Participação em Conferências e Publicações: Envolver-se em conferências científicas e publicar trabalhos de pesquisa são aspectos essenciais da carreira acadêmica em astronomia. Isso ajuda a estabelecer sua reputação na comunidade científica e a compartilhar suas descobertas com outros pesquisadores.

    Desenvolvimento de Habilidades Computacionais: A análise de dados astronômicos muitas vezes envolve o uso de software especializado e programação. Desenvolver habilidades em programação, especialmente em linguagens como Python, pode ser uma vantagem significativa.

    Colaboração e Networking: A astronomia frequentemente envolve colaborações internacionais. Participar de redes profissionais, colaborar com pesquisadores de outras instituições e construir uma sólida rede de contatos é fundamental para o avanço da carreira.

    Escolha do Setor de Atuação: Decida se deseja focar em pesquisa acadêmica, trabalhar em observatórios, contribuir para agências espaciais, se envolver em divulgação científica ou explorar oportunidades na indústria privada. A astronomia oferece uma ampla gama de opções de carreira.

    Quais são as principais competências pessoais do profissional de Astronomia?

    As principais características do profissional de Astronomia, listadas pelo Ministério do Trabalho, são:

    Curiosidade científica;
    Raciocínio lógico;
    Raciocínio matemático;
    Capacidade de síntese;
    Habilidade para atuar em diferentes equipes;
    Criatividade.

    Nota de corte para Astronomia

    Sabia que, utilizando apenas o seu resultado do Enem, você pode entrar em diversos cursos de universidades federais, estaduais e privadas?

    Para ajudar o estudante a entender as suas possibilidades, o Quero Bolsa desenvolveu o Simulador de Nota de Corte . O sistema reúne os dados das últimas provas e mostra o desempenho mínimo para conseguir uma vaga em um dos programas educacionais do governo.

    No último ano, as notas de corte registradas para o curso de Astronomia foram:

    Balões de Conversa - Dúvidas sobre Astronomia
    Está com dúvidas sobre Astronomia? Os alunos e ex-alunos do curso estão prontos para tirar suas dúvidas. Ver perguntas e respostas

    Perguntas e Respostas - Astronomia

    Tipo de Pergunta
    Recentes