Seg - Sex: 8h-22h
Sábado: 9h-13h

Aceitamos ligação de celular.

Buscar Ajuda
Home57C77C78-8763-4FB7-A3CC-F103BFBA018E Lista de Cursos

Segurança do Trabalho

Resumo do curso

*A classificação foi feita com base na Árvore do Conhecimento do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Sobre o curso de Segurança do Trabalho

O curso de Segurança do Trabalho forma profissionais capazes de atuar na prevenção de acidentes e auxiliar no cuidado da saúde das pessoas em seu dia-a-dia nas organizações.

É oferecido em duas modalidades: o principal é o técnico, que é um curso de nível médio. Mas existe também a graduação tecnológica, que é um curso superior. As duas modalidades formam profissionais pra diferentes funções e hierarquias.

No mercado de trabalho, o técnico ou tecnólogo em Segurança no Trabalho pode atuar em empresas comerciais e indústrias, fabricantes e representantes de equipamentos de segurança e sindicatos ou entidades de classe.

O trabalho deste profissional faz parte da sustentabilidade da empresa, gerenciando os riscos e criando uma cultura da saúde e segurança no ambiente.

Estudante de Segurança do Trabalho sentado na mesa
Banner questions and answers
Está com dúvidas sobre Segurança do Trabalho?
Os alunos e ex-alunos do curso estão prontos para tirar suas dúvidas.

Quer saber tudo sobre Segurança do Trabalho? Aqui no Quero Bolsa, você encontra todas as informações que precisa para escolher o curso que mais gosta. E ainda pode garantir uma bolsa de estudo de até 66% de desconto.

Mensalidades a partir de R$ 125,00 entre as 1.007 instituições parceiras do Quero Bolsa.

Garanta sua bolsa de estudo.

Veja como é simples:

1

Encontre sua bolsa de estudo abaixo

2

Faça sua pré-matrícula online

3

Economize até o fim do curso

Qual a sua localização?
Qual curso você está buscando?

Até quanto pode pagar?

Prefere alguma faculdade?

O que faz o Técnico Em Segurança Do Trabalho?

O técnico em Segurança do Trabalho participa da elaboração e da implementação de políticas de saúde e segurança do trabalho.

Ele também realiza diagnóstico da situação de Segurança e Saúde do Trabalho (SST) da instituição e, com isto, identifica variáveis de controle de doenças, acidentes, qualidade de vida e meio ambiente. Desta forma, ele poderá desenvolver ações educativas na área de saúde e segurança do trabalho e integrar processos de negociação.

Além disso, pode participar da adoção de tecnologias e processos de trabalho, investigar acidentes de trabalho e recomendar medidas de prevenção e controle.

Nota de corte para Segurança do Trabalho

Sabia que, utilizando apenas o seu resultado do Enem, você pode entrar em diversos cursos de universidadesfederais, estaduais e privadas?

Para ajudar o estudante a entender as suas possibilidades, o Quero Bolsa desenvolveu o Simulador de Nota de Corte. O sistema reúne os dados das últimas provas e mostra o desempenho mínimo para conseguir uma vaga em umdos programas educacionais do governo.

No último ano, as notas de corte registradas para o curso de Segurança do Trabalho foram:

Menor nota de corte

452

Faculdade Uninassau Aracaju

Maior nota de corte

559

Fam

Menor nota de corte

453

Uniasselvi

Maior nota de corte

629

Menor nota de corte

587

Ifpb

Maior nota de corte

587

Ifpb

Como é o curso de Segurança do Trabalho?

Segundo as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Profissional de Nível Técnico, definidas pelo Ministério da Educação (MEC), o curso técnico em Segurança do Trabalho se encaixa nas áreas da Saúde e Meio Ambiente.

Desta forma, a duração mínima do curso é de 1.200 horas, concluídas em um ano e meio ou dois. Algumas das disciplinas estudadas são:

  • Higiene no Trabalho;

  • Ergonomia;

  • Educação para segurança no Trabalho;

  • Saúde e Medicina do Trabalho;

  • Direito do Trabalho;

  • Conservação Ambiental.

Já o curso tecnológico de Segurança do Trabalho, de acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Superiores de Tecnologia do MEC, tem duração mínima de 2.400 horas, com conclusão em três anos, em média.

A instituição de ensino que oferece o curso tecnológico deve oferecer uma biblioteca com conteúdo específico e atualizado, e laboratórios de informática, de ergonomia e acústica, de prevenção e combate a incêndio, de segurança do trabalho e de suporte básico à vida.

Qual a grade curricular de Segurança do Trabalho?

Para conhecer as matérias do seu curso de Segurança do Trabalho, basta acessar abaixo:

Grade Curricular de Segurança do Trabalho

Faça carreira em Segurança do Trabalho

Onde o profissional pode trabalhar?

O profissional de Segurança do Trabalho costuma ser contratado com carteira assinada, exercendo seu trabalho de forma individual e presencial, durante o período diurno.

Ele pode trabalhar em todo o tipo de indústrias, construtoras, metalúrgicas, órgãos públicos, condomínios, hospitais e para o setor de serviços. Segundo a lei, algumas empresas são obrigadas a contratar o técnico em Segurança do Trabalho.

Algumas atividades podem gerar situações de estresse ou exposição a materiais tóxicos, radiação, ruído intenso e altas temperaturas.


Quais são as exigências do mercado de trabalho?

Ao profissional de Segurança do Trabalho de nível técnico, a formação em cursos técnicos reconhecidos pelo MEC e o registro no Ministério do Trabalho são suficientes para entrar no mercado de trabalho, onde encontra bastante espaço para atuar.

Já o tecnólogo de Segurança do Trabalho aguarda regulamentação específica do Congresso sobre os requisitos para exercer sua função. A legislação atual (de 1985) fala apenas sobre a especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho, um curso diferente, de pós-graduação, que só pode ser realizado por profissionais formados nas áreas de Engenharia ou Arquitetura.

Para atuar profissionalmente, além de curso superior na área reconhecido pelo MEC, o tecnólogo, teoricamente, precisa estar inscrito no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea).


Quais são as principais competências pessoais do Técnico Em Segurança Do Trabalho?

As principais características do profissional deSegurança do Trabalho, listadas pelo Ministério do Trabalho, são:

  • Capacidade de observação técnica;

  • Trabalhar em equipe;

  • Capacidade de discernimento;

  • Administrar conflitos;

  • Capacidade de negociação;

  • Tomar decisões;

  • Visão sistêmica;

  • Capacidade de comunicação;

  • Delegar atribuições;

  • Atitude proativa;

  • Capacidade de atentar a detalhes;

  • Capacidade de nexo causal;

  • Trabalhar sob pressão;

  • Observação difusa.

Deixe suas dúvidas ou comentários sobre o curso de Segurança do Trabalho