Ajuda
Envie mensagem ou ligue

0800 123 2222

Seg - Sex 8h-22h

Aceitamos ligação de celular.

Home57C77C78-8763-4FB7-A3CC-F103BFBA018E Lista de Cursos

Design de Interiores

Resumo do curso

*A classificação foi feita com base na Árvore do Conhecimento do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Sobre o curso de Design de Interiores

O curso de Design de Interiores forma profissionais capazes de planejar ambientes de acordo com padrões estéticos e de funcionalidade. O designer de interiores cria projetos para residências, espaços comerciais e corporativos, além de ambientes promocionais e cenográficos.

Ao final do curso, o aluno estará apto para projetar espaços, mobiliários e objetos, considerando tanto a estética quanto a funcionalidade e a harmonia do ambiente.

Para realizar seu trabalho de forma eficaz, otimizando espaços construídos e adequando espaços interiores de acordo com suas características, o estudante deverá adquirir conhecimentos teóricos e multidisciplinares, para contemplar aspectos socioculturais, psicológicos, econômicos e tecnológicos.

A graduação em Design de Interiores pode ser de nível bacharelado ou tecnológico. O bacharelado tem currículo bastante semelhante ao do curso de Arquitetura e Urbanismo, com grande parte da carga horária dedicada a atividades práticas, como desenvolvimento de projetos e técnicas de instalações e iluminação. Já o tecnológico tem foco em elaboração de projetos de interiores e pesquisas sobre tendências de moda.

No mercado de trabalho o designer de interiores pode atuar em escritórios de engenharia, arquitetura e design, lojas de móveis e interiores, indústria moveleira ou como empreendedor.

Estudante de Design de Interiores sentado na mesa

Quer saber tudo sobre Design de Interiores? Aqui no Quero Bolsa, você encontra todas as informações que precisa para escolher o curso que mais gosta. E ainda pode garantir uma bolsa de estudo de até 79% de desconto.

Mensalidades a partir de R$ 175,00 entre as 1.118 instituições parceiras do Quero Bolsa.

Garanta sua bolsa de estudo.

Veja como é simples:

1

Encontre sua bolsa de estudo abaixo

2

Faça sua pré-matrícula online

3

Economize até o fim do curso

Qual a sua localização?
Qual curso você está buscando?

Até quanto pode pagar?

Prefere alguma faculdade?

O que faz o Designer De Interiores?

O designer de interiores projeta e executa, de forma criativa e científica, soluções para espaços interiores residenciais, comerciais e institucionais, visando a estética, a eficiência, a segurança, a saúde e o conforto.

Este profissional pesquisa produtos, materiais e equipamentos para elaboração e execução de projetos de interiores.

Nota de corte para Design de Interiores

Sabia que, utilizando apenas o seu resultado do Enem, você pode entrar em diversos cursos de universidadesfederais, estaduais e privadas?

Para ajudar o estudante a entender as suas possibilidades, o Quero Bolsa desenvolveu o Simulador de Nota de Corte. O sistema reúne os dados das últimas provas e mostra o desempenho mínimo para conseguir uma vaga em umdos programas educacionais do governo.

No último ano, as notas de corte registradas para o curso de Design de Interiores foram:

Menor nota de corte

454

Fct

Maior nota de corte

626

Uam

Menor nota de corte

663

Ifal

Maior nota de corte

728

Ifmg

Como é o curso de Design de Interiores?

Segundo as Diretrizes Curriculares Nacionais definidas pelo Ministério da Educação (MEC), o curso de bacharelado em Design de Interiores segue as normas vigentes para o curso de Design, abordando conteúdos da área como um todo e específicos para a habilitação em Design de Interiores, de acordo com a grade curricular elaborada por cada instituição de ensino.

O conteúdo geral da área de Design deve contemplar os seguintes eixos de formação: Eixo de Conteúdos Básicos, Eixo de Conteúdos Específicos e Eixo de Conteúdos Teórico-Práticos.

O Eixo de Conteúdos Básicos consiste nas seguintes matérias:

  • História e Teorias do Design;

  • Métodos e Técnicas de Projetos;

  • Meios de representação, comunicação e informação;

  • Relações usuário/objeto/meio ambiente;

  • Produção e Mercado.

O Eixo de Conteúdos Específicos pode conter esses tópicos:

  • Produções artísticas;

  • Produção industrial;

  • Comunicação Visual;

  • Interface;

  • Modas e vestuários;

  • Interiores e paisagismos;

  • Design e outras produções artísticas.

Já o Eixo de Conteúdos Teórico-Práticos contempla a abordagem teórica e a prática profissional, estágio curricular supervisionado e atividades complementares específicas e compatíveis com o perfil desejado do formando.

Para os conteúdos específicos de Design de Interiores, tanto no curso tecnológico quanto no bacharelado, encontram-se as seguintes disciplinas, de acordo com avaliação do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep):

  • História do Design, da Arte e do Mobiliário;

  • Teoria da cor e da forma;

  • Percepção visual aplicada ao espaço;

  • Composição espacial;

  • Luminotécnica;

  • Conforto ambiental;

  • Ergonomia e desenho universal aplicada ao design de interiores;

  • Desenho técnico de projeto;

  • Desenho perspectivo;

  • Modelos tridimensionais;

  • Detalhamento de interiores e mobiliário;

  • Instalações efêmeras e cenografia;

  • Noções de instalações prediais e sistemas estruturais e construtivos das edificações;

  • Materiais aplicados;

  • Paisagismo em pequena escala;

  • Aspectos ambientais e a relação com o espaço construído;

  • Gestão de projetos de interiores;

  • Ética e relações profissionais;

  • Projeto de interiores residencial, comercial, institucional e de serviços;

  • Ferramentas digitais para representação de projetos de design de interiores.

Faça carreira em Design de Interiores

Onde o profissional pode trabalhar?

O trabalho do profissional de Design de Interiores é exercido principalmente por autônomos, em horário variável, de forma individual e em equipe, sem supervisão.

Recentemente, a demanda por este profissional está em expansão em diversas áreas.

Os serviços do designer de interiores incluem a concepção e a montagem de ambientes diversificados: residenciais, industriais, comerciais, de serviços financeiros, serviços de saúde, serviços de educação, serviços culturais, administrações municipais e estaduais, dentre outros.


Quais são as exigências do mercado de trabalho?

A formação requerida para o designer de interiores é o curso superior nas áreas de Arquitetura e Decoração ou Design de Interiores.

O profissional pode obter seu registro profissional tanto na Associação Brasileira de Designers de Interiores (ABD) quanto no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea).


Quais são as principais competências pessoais do Designer De Interiores?

As principais características do profissional deDesign de Interiores, listadas pelo Ministério do Trabalho, são:

  • Comunicar-se com diferentes públicos;

  • Poder de persuasão;

  • Participar de exposição e mostras;

  • Divulgar trabalhos na mídia;

  • Capacidade de aplicação de técnicas de representação gráfica;

  • Capacidade de captar os objetivos do cliente;

  • Ser capaz de transmitir informações culturais para o cliente;

  • Ser capaz de atender as necessidades do cliente;

  • Ter formação de nível superior;

  • Domínio técnico, tecnológico e científico;

  • Exercer liderança;

  • Estar capacitado para promover bem-estar, saúde e segurança;

  • Prestar consultoria na sua área e áreas afins;

  • Ser capaz de ministrar aulas;

  • Ser capaz de realizar pesquisas;

  • Manter-se atualizado a respeito da aplicação de materiais e equipamentos;

  • Manter-se atualizado com as tendências de mercado;

  • Demonstrar capacidade de técnicas de informática;

  • Demonstrar ética profissional.

Deixe suas dúvidas ou comentários sobre o curso de Design de Interiores