Fale com a gente

Como funciona
  1. Busque sua bolsa

    Escolha um curso e encontre a melhor opção pra você.


  2. Garanta sua bolsa

    Faça a sua adesão e siga os passos para o processo seletivo.


  3. Estude pagando menos

    Aí é só realizar a matrícula e mandar ver nos estudos.


Olá! Quer uma ajudinha para descobrir seu curso ou faculdade ideal?

Engenharia Industrial

Saiba tudo sobre o curso de Engenharia Industrial e comece a estudar com ajuda da Quero Bolsa

Ilustração de uma garota fazendo uma pesquisa do curso de Engenharia Industrial no notebook
Média Salarial: R$ 6.572,26
Duração: até 10 semestres
Bolsas: a partir de R$ 33,00
Ver bolsas de até 88%

Sobre o curso de Engenharia Industrial

A engenharia industrial é um campo de estudo que combina princípios de engenharia, gestão e ciências aplicadas para otimizar processos e sistemas em diversos setores industriais. Este curso visa formar profissionais capacitados a integrar eficientemente recursos humanos, materiais, financeiros e tecnológicos, com o objetivo de melhorar a produtividade, qualidade e eficiência nas organizações.

Ao longo do curso de engenharia industrial, os estudantes adquirem conhecimentos em áreas como gestão de operações, logística, planejamento estratégico, ergonomia, automação industrial, controle de qualidade, entre outras. A formação multidisciplinar prepara os engenheiros industriais para enfrentar desafios complexos e tomar decisões estratégicas que impactam diretamente nos processos produtivos e na competitividade das empresas.

A análise e otimização de processos são aspectos fundamentais do curso, capacitando os alunos a identificar gargalos, reduzir desperdícios e implementar melhorias contínuas. Além disso, a engenharia industrial também aborda aspectos relacionados à segurança no trabalho, sustentabilidade e responsabilidade social, destacando a importância de práticas sustentáveis e éticas nas atividades industriais.

Durante a formação, os estudantes geralmente têm a oportunidade de aplicar seus conhecimentos por meio de estágios práticos e projetos de engenharia, trabalhando em colaboração com indústrias e empresas. Essa experiência prática contribui para a formação de profissionais prontos para enfrentar os desafios do mercado de trabalho.

Ao concluir o curso, os engenheiros industriais estão aptos a atuar em diferentes setores, como manufatura, logística, consultoria, gestão de operações, entre outros. Sua capacidade de integrar eficientemente tecnologia, recursos humanos e processos torna-os profissionais versáteis e valiosos para as organizações em um cenário industrial dinâmico e competitivo.

Veja bolsas de estudo para o curso de Engenharia Industrial

Os tipos de formação para o curso de Engenharia Industrial são: bacharelado e pós-graduação .

Como é o curso de Engenharia Industrial?

Segundo as Diretrizes Curriculares Nacionais definidas pelo Ministério da Educação (MEC), o curso de Engenharia Industrial segue as normas gerais do curso de Engenharia.

Todo o curso de Engenharia, independente de sua modalidade, deve possuir em sua grade curricular um núcleo de conteúdos básicos, um núcleo de conteúdos profissionalizantes e um núcleo de conteúdos específicos que caracterizem a modalidade.

O núcleo de conteúdos básicos, que corresponde a cerca de 30% da carga horária mínima do curso, contém as seguintes disciplinas:

  • Metodologia Científica e Tecnológica;

  • Comunicação e Expressão;

  • Informática;

  • Expressão Gráfica;

  • Matemática;

  • Física;

  • Fenômenos de Transporte;

  • Mecânica dos Sólidos;

  • Eletricidade Aplicada;

  • Química;

  • Ciência e Tecnologia dos Materiais;

  • Administração;

  • Economia;

  • Ciências do Ambiente;

  • Humanidades, Ciências Sociais e Cidadania.

Qual a grade curricular de Engenharia Industrial?

Grade Curricular é o conjunto de matérias que o aluno estudará durante o curso. Veja abaixo um exemplo de grade curricular para o curso de Engenharia Industrial em uma de nossas faculdades parceiras:

    Ver a grade curricular

    O que se aprende na faculdade de Engenharia Industrial?

    O curso de Engenharia Industrial proporciona uma formação abrangente que combina conhecimentos técnicos de engenharia com aspectos de gestão e otimização de processos industriais. Ao longo do programa, os alunos aprendem uma variedade de disciplinas que os preparam para enfrentar os desafios complexos do ambiente industrial moderno.

    Uma parte fundamental do currículo envolve o estudo de técnicas de gestão industrial, abordando temas como planejamento estratégico, análise de custos, gestão de projetos e tomada de decisões empresariais. Essa base gerencial capacita os futuros engenheiros industriais a liderar equipes, gerenciar recursos e implementar eficientemente mudanças nos processos produtivos.

    A automação industrial é outro componente central do curso, com os alunos aprendendo sobre sistemas automatizados, controle de processos e integração de tecnologias avançadas. Esse conhecimento é vital para a modernização e a eficiência operacional nas indústrias, tornando os graduados capazes de lidar com ambientes de produção altamente tecnológicos.

    A análise e otimização de processos industriais são temas recorrentes, explorando métodos para identificar e resolver problemas, reduzir desperdícios e melhorar continuamente a eficiência. Essa abordagem prática prepara os estudantes para aplicar seus conhecimentos em situações do mundo real, contribuindo para a melhoria contínua dentro das organizações.

    Disciplinas relacionadas à logística e cadeia de suprimentos também são parte integrante do curso, capacitando os engenheiros industriais a gerenciar eficientemente o fluxo de materiais e informações em ambientes produtivos complexos. O foco na sustentabilidade e responsabilidade social também destaca a importância de práticas éticas e ecologicamente conscientes na indústria.

    Além disso, os estudantes geralmente têm a oportunidade de realizar estágios práticos, projetos de engenharia e trabalhos de pesquisa, consolidando seus conhecimentos teóricos em experiências do mundo real. Isso contribui para a formação de profissionais versáteis e preparados para enfrentar os desafios dinâmicos do setor industrial.

    Se você deseja descobrir se Engenharia Industrial é a escolha certa para você, não deixe de conferir o Teste Vocacional da Quero Bolsa. É rápido, gratuito e pode te ajudar nessa importante escolha profissional.

    Procure o curso de Engenharia Industrial ideal para você!

    Com mensalidades a partir de R$ 33,00 entre as 1.403 instituições parceiras do Quero Bolsa.

    Veja como é simples começar a estudar

    1. Encontre seu curso
    2. Garanta sua bolsa
    3. Economize até se formar

    Sobre a carreira de Engenharia Industrial

    O que faz o profissional de Engenharia Industrial?

    O engenheiro industrial controla perdas de processos, produtos e serviços ao identificar, determinar e analisar causas e estabelecer plano de ações preventivas e corretivas. Além disso, desenvolve, testa e supervisiona sistemas, processos e métodos produtivos.

    É sua função gerenciar atividades de segurança no trabalho e do meio ambiente, gerenciar exposições a fatores ocupacionais de risco à saúde do trabalhador, planejar empreendimentos e atividades produtivas e coordenar equipes, treinamentos e atividades de trabalho.

    O profissional da área especializado em Logística também gerencia as operações de logística em três eixos: transportes, armazenamento e inteligência, inclusive no que se refere à logística reversa.

    Onde o profissional de Engenharia Industrial pode trabalhar?

    O engenheiro industrial é um profissional versátil e qualificado que pode atuar em uma ampla variedade de setores e ambientes de trabalho. Suas habilidades abrangentes em engenharia, gestão e otimização de processos fazem com que eles sejam procurados em diversas áreas da indústria.

    Aqui estão alguns dos lugares onde um engenheiro industrial pode encontrar oportunidades de trabalho:

    Indústrias Manufatureiras: Engenheiros industriais são frequentemente empregados em indústrias de manufatura, onde podem projetar, implementar e otimizar processos de produção. Eles lidam com a eficiência operacional, controle de qualidade, automação e gestão de recursos.

    Logística e Cadeia de Suprimentos: Empresas que dependem de uma eficiente gestão logística, como operadoras de transporte, armazéns e empresas de distribuição, contratam engenheiros industriais para melhorar a eficiência e reduzir custos em toda a cadeia de suprimentos.

    Consultorias Empresariais: Muitos engenheiros industriais atuam como consultores, oferecendo seus conhecimentos para empresas que buscam melhorias em processos, redução de custos e aumento da eficiência operacional.

    Setor de Energia: Em indústrias de energia, os engenheiros industriais podem estar envolvidos na otimização de processos de produção de energia, gestão de projetos e implementação de tecnologias mais eficientes.

    Setor de Serviços: Bancos, empresas de telecomunicações e outras organizações do setor de serviços também empregam engenheiros industriais para aprimorar processos internos, gerenciar projetos e melhorar a eficiência operacional.

    Saúde e Serviços Hospitalares: No setor de saúde, engenheiros industriais são procurados para otimizar fluxos de trabalho em hospitais, clínicas e sistemas de saúde, buscando melhorias na entrega de serviços e redução de custos.

    Tecnologia da Informação: Com a crescente integração de tecnologia nos processos industriais, engenheiros industriais são requisitados em setores de TI para otimizar a implementação de sistemas, automação e gestão de dados.

    Empreendedorismo: Muitos engenheiros industriais decidem empreender e criar seus próprios negócios, aplicando seus conhecimentos para desenvolver soluções inovadoras, produtos ou serviços.

    Dica importante: Confira o Guia Completo sobre a Redação do Enem. Veja dicas incríveis para você arrasar e conseguir uma boa nota nesta parte importante da prova. Tenha acesso aos critérios de avaliação, dicas de especialistas e exemplos nota 1000! Tudo gratuito para você!

    Quanto ganha um profissional de Engenharia Industrial?

    O salário médio de um Engenheiro industrial no Brasil é de R$ 6.572,26 . Os estados onde a profissão de Engenheiro industrial têm os melhores salários são RR, RJ e PR.

    Quer saber o salário das demais especialidades? Veja aqui

    Ver salários dessa profissão
    Sino de ofertas
    Receba um alerta quando a vaga ideal chegar!

    Como ingressar na profissão de Engenharia Industrial?

    Quais são as exigências do mercado de trabalho para o profissional de Engenharia Industrial?

    Para exercer essas ocupações, é necessário diploma em curso superior reconhecido pelo MEC. É cada vez mais frequente a presença de profissionais com pós-graduação.

    Além do diploma, é obrigatório o registro profissional no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea). O exercício pleno da profissão, para o engenheiro industrial, se dá, em média, após quatro anos de experiência na área.

    O mercado de trabalho para engenheiros industriais é dinâmico e exige uma combinação única de habilidades técnicas e gerenciais. As exigências para um engenheiro industrial no mercado de trabalho refletem a necessidade de profissionais versáteis e adaptáveis. Algumas das principais exigências incluem:

    Conhecimento Técnico: Habilidades técnicas são essenciais. Os engenheiros industriais precisam ter profundo conhecimento em áreas como análise de processos, automação, controle de qualidade, logística, gestão de operações e otimização de sistemas.

    Habilidades em Gestão: A capacidade de gerenciar projetos, equipes e recursos é crucial. Os empregadores procuram engenheiros industriais que possam liderar eficientemente, tomar decisões estratégicas e implementar mudanças para melhorar a eficiência operacional.

    Habilidades de Comunicação: A comunicação eficaz é vital para colaborar com diferentes departamentos, apresentar soluções, relatar resultados e liderar equipes. Engenheiros industriais precisam ser capazes de traduzir informações técnicas complexas para públicos não técnicos.

    Conhecimento em Tecnologia: Dada a crescente importância da automação e da tecnologia na indústria, é crucial que os engenheiros industriais estejam atualizados com as últimas tendências tecnológicas e sejam proficientes em ferramentas de automação e software de engenharia.

    Pensamento Analítico e Resolução de Problemas: A capacidade de analisar dados, identificar problemas e propor soluções eficazes é uma competência-chave. Os engenheiros industriais são frequentemente desafiados a otimizar processos e melhorar a eficiência operacional.

    Experiência Prática: Muitos empregadores valorizam a experiência prática, seja por meio de estágios, projetos de engenharia ou outras experiências relacionadas ao campo. Isso demonstra a capacidade do profissional de aplicar seus conhecimentos teóricos na prática.

    Adaptabilidade e Aprendizado Contínuo: Dada a constante evolução da indústria e das tecnologias, os engenheiros industriais precisam ser adaptáveis e estar dispostos a aprender continuamente. A disposição para atualizar habilidades e conhecimentos é fundamental.

    Quais são as principais competências pessoais do profissional de Engenharia Industrial?

    As principais características do profissional de Engenharia Industrial, listadas pelo Ministério do Trabalho, são:

    Capacidade de negociação;
    Capacidade de antecipar problemas;
    Raciocínio matemático;
    Raciocínio lógico;
    Trabalhar em equipe;
    Senso crítico;
    Criatividade;
    Liderança;
    Atenção difusa;
    Capacidade de agir sob pressão;
    Capacidade de resolução de problemas;
    Capacidade de contornar situações adversas;
    Proatividade;
    Capacidade de persuasão;
    Objetividade;
    Tomar decisões;
    Assumir riscos;
    Capacidade de inferência.

    Nota de corte para Engenharia Industrial

    Sabia que, utilizando apenas o seu resultado do Enem, você pode entrar em diversos cursos de universidades federais, estaduais e privadas?

    Para ajudar o estudante a entender as suas possibilidades, o Quero Bolsa desenvolveu o Simulador de Nota de Corte . O sistema reúne os dados das últimas provas e mostra o desempenho mínimo para conseguir uma vaga em um dos programas educacionais do governo.

    No último ano, as notas de corte registradas para o curso de Engenharia Industrial foram:

    Balões de Conversa - Dúvidas sobre Engenharia Industrial
    Está com dúvidas sobre Engenharia Industrial? Os alunos e ex-alunos do curso estão prontos para tirar suas dúvidas. Ver perguntas e respostas

    Perguntas e Respostas - Engenharia Industrial

    Tipo de Pergunta
    Recentes