Ajuda
Envie mensagem ou ligue

0800 123 2222

Seg - Sex 8h-22h

Aceitamos ligação de celular.

Home57C77C78-8763-4FB7-A3CC-F103BFBA018E Lista de Cursos

Filosofia

Resumo do curso

*A classificação foi feita com base na Árvore do Conhecimento do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Sobre o curso de Filosofia

O curso de Filosofia forma profissionais questionadores e investigadores da natureza e da essência do universo. O filósofo analisa as obras e o pensamento de grandes autores, refletindo sobre questões políticas, éticas, morais, metafísicas e políticas, e procura teorizar conceitos abstratos, como tempo, espaço, verdade, amor e Deus.

Estudar Filosofia é se aprofundar nas obras dos filósofos mais importantes da história.

O estudante precisa ter ampla cultura e conhecimentos consistentes em Ciências, História, Arte, Política e Economia. Deve, também, ter interesse por assuntos abstratos e gostar de refletir sobre diferentes respostas à mesma indagação teórica.

Ao final do curso, o graduando se forma nas modalidades de licenciatura ou bacharelado. Com a licenciatura, qualifica-se a lecionar em escolas públicas e particulares. Já para os bacharéis, a docência universitária é um dos caminhos mais comuns.

No mercado de trabalho, o filósofo pode atuar também na área de consultoria. Ou, ainda, realizar seleção de títulos e controle de qualidade em editoras, assessorar a divulgação de eventos culturais, assessorar políticos em suas linhas ideológicas, atuar em empresas na área de recursos humanos e na área de Bioética.

A formação em Filosofia é considerada um diferencial em atividades ligadas à Psicologia, Neurociência, Linguística e Direito.

Estudante de Filosofia sentado na mesa

Quer saber tudo sobre Filosofia? Aqui no Quero Bolsa, você encontra todas as informações que precisa para escolher o curso que mais gosta. E ainda pode garantir uma bolsa de estudo de até 88% de desconto.

Mensalidades a partir de R$ 106,00 entre as 1.111 instituições parceiras do Quero Bolsa.

Garanta sua bolsa de estudo.

Veja como é simples:

1

Encontre sua bolsa de estudo abaixo

2

Faça sua pré-matrícula online

3

Economize até o fim do curso

Qual a sua localização?
Qual curso você está buscando?

Até quanto pode pagar?

Prefere alguma faculdade?

O que faz o Filósofo?

O filósofo reflete crítica e sistematicamente sobre o ser e o destino do homem e do mundo.

Para isso, atua por meio da assimilação dos clássicos do pensamento e da realização de pesquisas sobre temas filosóficos, tais como ética, epistemologia, estética, ontologia, metafísica, política, lógica, cultura e outros.

A sua finalidade é a de formar e orientar pessoas e assessorar organizações.

Nota de corte para Filosofia

Sabia que, utilizando apenas o seu resultado do Enem, você pode entrar em diversos cursos de universidadesfederais, estaduais e privadas?

Para ajudar o estudante a entender as suas possibilidades, o Quero Bolsa desenvolveu o Simulador de Nota de Corte. O sistema reúne os dados das últimas provas e mostra o desempenho mínimo para conseguir uma vaga em umdos programas educacionais do governo.

No último ano, as notas de corte registradas para o curso de Filosofia foram:

Menor nota de corte

480

Fafic

Maior nota de corte

611

Pucsp

Menor nota de corte

581

Uespi

Maior nota de corte

741

Ufpr

Concorrência no curso de Filosofia

Segundo as estatísticas do Ministério da Educação, em 2016, 51 mil estudantes disputaram as 27 mil vagas de Filosofia disponíveis no país. Isto significa uma relação candidato vaga de 1,92.

1,92candidatos por vaga

Como é o curso de Filosofia?

Segundo as Diretrizes Curriculares Nacionais definidas pelo Ministério da Educação (MEC), o curso de Filosofia pode ser das modalidades licenciatura ou bacharelado. Ambos devem oferecer a mesma formação em termos de conteúdo e qualidade, organizada em matérias básicas e núcleos temáticos.

Enquanto o bacharelado caracteriza-se principalmente pela pesquisa, geralmente direcionada aos programas de pós-graduação e ao magistério superior, a licenciatura deve ser orientada também pelas Diretrizes para a Formação Inicial de Professores da Educação Básica, voltando-se para o ensino no nível médio.

Para o conteúdo mínimo do curso de Filosofia, são elencadas cinco disciplinas básicas:

  • História da Filosofia;

  • Teoria do Conhecimento;

  • Ética;

  • Lógica;

  • Filosofia Geral: Problemas Metafísicos.

Há, entretanto, áreas a serem consideradas, tendo em vista o desenvolvimento da Filosofia nas últimas décadas:

  • Filosofia Política;

  • Filosofia da Ciência (ou Epistemologia);

  • Estética;

  • Filosofia da Linguagem;

  • Filosofia da Mente.

Se optar por licenciatura, o estudante ainda deverá ter incluídos em sua grade os conteúdos definidos para a educação básica e as didáticas próprias de cada um deles.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) avalia o curso de Filosofia considerando os seguintes conteúdos, que se enquadram dentro das disciplinas básicas elencadas pelo MEC:

  • Validade e verdade. Proposição e argumento;

  • Falácias não-formais. Reconhecimento de argumentos. Conteúdo e Forma;

  • Quadro de oposições entre proposições categóricas. Inferências imediatas em contexto categórico. Conteúdo existencial e proposições categóricas;

  • Tabelas de verdade. Cálculo proposicional;

  • Cálculo de predicados. Teoria da Quantificação;

  • Filosofia pré-socrática. Uno e múltiplo. Movimento e realidade;

  • Teoria das idéias em Platão. Conhecimento e opinião. Aparência e realidade;

  • A política antiga. A República de Platão. A Política de Aristóteles;

  • A ética antiga. Platão, Aristóteles, filósofos helenistas;

  • Conceitos centrais da metafísica aristotélica. A teoria da ciência aristotélica;

  • Verdade, justificação e ceticismo;

  • O problema dos universais. Os transcendentais;

  • Tempo e eternidade. Conhecimento humano e conhecimento divino;

  • Teoria do conhecimento e do juízo em Tomás de Aquino;

  • A teoria das virtudes no período medieval;

  • Provas da existência de Deus. Argumento ontológico, cosmológico, teleológico;

  • Teoria do conhecimento nos modernos. Verdade e evidência. Ideias. Causalidade. Indução. Método;

  • Vontade divina e liberdade humana;

  • Teorias do sujeito na filosofia moderna;

  • O contratualismo;

  • Razão e entendimento. Razão e Sensibilidade. Intuição e conceito;

  • Éticas do dever. Fundamentações da moral. Autonomia do sujeito;

  • Idealismo alemão. Filosofias da história;

  • Razão e Vontade. O belo e o sublime na filosofia alemã;

  • Crítica à metafísica na contemporaneidade. Nietzsche. Wittgenstein. Heidegger;

  • Fenomenologias. Existencialismos;

  • Filosofia analítica. Frege, Russell, Wittgenstein. O Círculo de Viena;

  • Marxismo e Escola de Frankfurt;

  • Epistemologias contemporâneas. Filosofia da ciência. O problema da demarcação entre ciência e metafísica;

  • Filosofia francesa contemporânea. Foucault. Deleuze.

Quantos filósofo se formam por ano no Brasil?

Segundo dados do Ministério da Educação (MEC), todos os anos 3,4 mil profissionais se formam em faculdades de todo o país.

3,4 milfilósofo se formam por ano no Brasil

Faça carreira em Filosofia

Onde o profissional pode trabalhar?

O profissional de Filosofia atua, principalmente, em atividades culturais, editoriais, educacionais, de pesquisa e de recursos humanos, entre outros, podendo exercer mais de uma ocupação.

É comum o filósofo trabalhar como professor e pesquisador. Nesses casos, é classificado pela atividade predominante.

O filósofo trabalha em ambientes fechados e de forma individual, podendo, em algumas situações, formar equipes. Geralmente, tem seus trabalhos divulgados em livros, revistas, jornais e outros meios.


Quanto ganha um Filósofo?

O salário médio de um Filósofo no Brasil é de . Os estados onde a profissão deFilósofo têm os melhores salários são .

Quer saber o salário das demais especialidades? Veja aqui quanto ganha um Filósofo.


Quais são as exigências do mercado de trabalho?

Para atuar como filósofo, a formação ocorre em universidade, com cursos superior e de pós-graduação, reconhecidos pelo MEC, em Filosofia ou em ramos similares.

O acesso à produção filosófica de outros países exige o conhecimento em idiomas estrangeiros.


Quais são as principais competências pessoais do Filósofo?

As principais características do profissional deFilosofia, listadas pelo Ministério do Trabalho, são:

  • Capacidade de reflexão e especulação;

  • Atitude crítica;

  • Rigor metodológico;

  • Capacidade de argumentação;

  • Capacidade didática;

  • Expressar-se oralmente com fluência;

  • Capacidade de expressão escrita;

  • Conhecimento de línguas;

  • Aptidão para leitura.

Deixe suas dúvidas ou comentários sobre o curso de Filosofia