Informações
WhatsApp
Iniciar um atendimento
E-mail
contato@querobolsa.com.br
Telefone
Ligue para 0800 940 0840
Segunda a sexta das 09h às 19h
Como funciona?
Encontre seu curso
Faça sua pré-matrícula online
Economize até o fim do curso!

Marinheiro: tudo sobre a profissão

O responsável por embarcações, seja para operar ou fazer manutenção em alto-mar

Profissional pode seguir carreira civil ou militar; maior parte dos estados brasileiros apresenta salário médio entre R$1.000,00 e R$2.000,00

marinheiro

Sobre a profissão

Marinheiro é o termo utilizado para definir o profissional que opera embarcações ou assiste sua manutenção e serviço. Aplica-se, também, aos que trabalham nas marinhas de comércio e pesca, bem como aos militares da Marinha e aos profissionais da náutica de recreio. Existem diferentes especializações e categorias para o profissional marinheiro, sendo que todas envolvem o serviço prestado em embarcações, nas mais variadas funções, desde o uso de maquinários e radiocomunicações até profissionais da saúde. O marinheiro é o profissional da Marinha, seja no âmbito civil - marinha mercante - ou no âmbito militar.

O marinheiro mercante exerce funções administrativas, técnicas e de atendimento nas mais variadas áreas de atuação. Já o marinheiro militar é responsável por defender o país e proteger suas zonas costeiras, oferecer suporte marítimo em caso de calamidade pública e realizar policiamento para evitar contrabando de mercadorias e tráfico de drogas e pessoas.

O marinheiro pode atuar tanto na carreira civil quanto na militar. Na civil, administra tudo dentro de uma embarcação, como condução, limpeza e manutenção. Na militar, tem a responsabilidade garantir a segurança dos cidadãos, defendendo as áreas litorâneas de todo o país e atuando para evitar o contrabando e o tráfico de drogas e de pessoas para outros países ou entre os portos. No Brasil, o salário médio dos marinheiros na maior parte dos estados fica entre R$1.000,00 e R$2.000,00.

O marinheiro pode trabalhar no setor civil ou militar. Ambos possuem diferentes e variadas atividades e funções. Como militar, o marinheiro pode atuar no departamento de operações, que envolve serviços de navegação, comunicação, submarinos e de voos; no departamento de logística, que inclui os serviços de abastecimento e saúde; no departamento de armas e eletrônica; no departamento de propulsão e energia; e também como fuzileiro naval, mergulhador, aviador, agente de autoridade marítima e outros.

Já no âmbito civil, ou na marinha mercante, o marinheiro atua em embarcações tanto de transporte de mercadorias e pessoas quanto de serviços marítimos e pesqueiros. O marinheiro pode trabalhar em embarcações de pequeno porte ou em grandes navios, como os cruzeiros. Os profissionais marinheiros também são chamados de tripulação de uma embarcação e podem exercer as mais variadas funções. Nos grandes navios de passageiros, como os cruzeiros, além da tripulação certificada, há marinheiros que atuam com serviços turísticos, de entretenimento, de hotelaria, de segurança, de alimentação, de saúde etc.

Por que ser um Marinheiro?

Panorama em
O mercado não apresenta crescimento nos últimos anos

Não era isso que você esperava?

Mas espera...selecionamos outras profissões que apresentam crescimento.

    Marinheiro

    Como se tornar um Marinheiro?

    Na marinha mercante, existem marinheiros certificados e profissionais não certificados. O marinheiro pertencente à seção de convés, máquinas e radiocomunicação, entre outras atividades, deve ser um profissional certificado. Para isso, além da formação específica na sua área de atuação, deve possuir formação náutica complementar. Normalmente, a formação do marinheiro é realizada em instituições especializadas, seja de ensino superior ou técnico-profissional, dependendo da atuação do profissional. No Brasil, a formação de oficiais pilotos, maquinistas e eletrotécnicos é feita na Escola de Formação de Oficiais da Marinha Mercante, que oferece a graduação em Ciências Náuticas.

    Já o profissional recrutado para trabalhar em navios e embarcações em área específica não relacionada diretamente à atividade marítima não necessita de uma formação náutica, uma vez que sua função não interfere na navegação ou operação do navio. Esses são os profissionais não certificados

    No âmbito militar, o marinheiro, que é o equivalente ao soldado, deve ingressar na Marinha, onde receberá formação militar e específica de acordo com a área de atuação.

    Mais profissões da área de Outras

    Conheça mais profissões que combinam com você e compare as características dos cursos.