Ajuda
Envie mensagem ou ligue

0800 123 2222

Seg - Sex: 8h-23h
Sábado: 10h-14h

Aceitamos ligação de celular.

Home57C77C78-8763-4FB7-A3CC-F103BFBA018E Lista de Cursos

Engenharia Aeroespacial

Resumo do curso

*A classificação foi feita com base na Árvore do Conhecimento do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Sobre o curso de Engenharia Aeroespacial

O curso de Engenharia Aeroespacial forma profissionais responsáveis por projetos e construções de sistemas aeroespaciais, como foguetes, veículos lançadores suborbitais, veículos espaciais e satélites.

Ao final do curso, o profissional estará capacitado a projetar, construir e fazer toda manutenção e inspeções necessárias em veículos espaciais, satélites, foguetes, helicópteros e aviões. Para isso, o curso se baseia em conteúdos da Física, como termodinâmica, mecânica dos fluidos, mecânica clássica e outras.

No mercado de trabalho, o profissional de Engenharia Aeroespacial atua majoritariamente na indústria aeroespacial, no projeto de aeronaves, peças e equipamentos, mas também pode atuar na manutenção de aviões para grandes companhias aéreas.

O engenheiro formado também é procurado por diversas indústrias e institutos de pesquisa do Setor Aeroespacial e de Defesa.

Estudante de Engenharia Aeroespacial sentado na mesa

Quer saber tudo sobre Engenharia Aeroespacial? Aqui no Quero Bolsa, você encontra todas as informações que precisa para escolher o curso que mais gosta. E ainda pode garantir uma bolsa de estudo de até 70% de desconto.

Escolha entre as mais de mil instituições parceiras do Quero Bolsa.

Garanta sua bolsa de estudo.

Veja como é simples:

1

Encontre sua bolsa de estudo abaixo

2

Faça sua pré-matrícula online

3

Economize até o fim do curso

Qual a sua localização?
Qual curso você está buscando?

Até quanto pode pagar?

Prefere alguma faculdade?

O que faz o Profissional de Engenharia Aeroespacial?

O engenheiro aeroespacial projeta sistemas e conjuntos mecânicos, componentes, ferramentas e materiais, especificando limites de referência para cálculo, calculando e desenhando.

Este profissional também implementa atividades de manutenção, testa sistemas, conjuntos mecânicos, componentes e ferramentas, além de desenvolver atividades de fabricação de produtos e elaborar documentação técnica.

Pode, ainda, coordenar e assessorar atividades técnicas.

Nota de corte para Engenharia Aeroespacial

Sabia que, utilizando apenas o seu resultado do Enem, você pode entrar em diversos cursos de universidadesfederais, estaduais e privadas?

Para ajudar o estudante a entender as suas possibilidades, o Quero Bolsa desenvolveu o Simulador de Nota de Corte. O sistema reúne os dados das últimas provas e mostra o desempenho mínimo para conseguir uma vaga em umdos programas educacionais do governo.

No último ano, as notas de corte registradas para o curso de Engenharia Aeroespacial foram:

Menor nota de corte

599

Univap

Maior nota de corte

634

Univap

Menor nota de corte

768

Ufmg

Maior nota de corte

773

Ufsc

Concorrência no curso de Engenharia Aeroespacial

Segundo as estatísticas do Ministério da Educação, em 2016, 3,8 mil estudantes disputaram as 220 vagas de Engenharia Aeroespacial disponíveis no país. Isto significa uma relação candidato vaga de 17,77.

17,77candidatos por vaga

Como é o curso de Engenharia Aeroespacial?

Segundo as Diretrizes Curriculares Nacionais definidas pelo Ministério da Educação (MEC), o curso de Engenharia Aeroespacial segue as normas gerais do curso de Engenharia.

Todo curso de Engenharia, independente de sua modalidade, deve possuir em sua grade curricular um núcleo de conteúdos básicos, um núcleo de conteúdos profissionalizantes e um núcleo de conteúdos específicos que caracterizem a modalidade.

O núcleo de conteúdos básicos, que corresponde a cerca de 30% da carga horária mínima, contém as seguintes disciplinas:

  • Metodologia Científica e Tecnológica;

  • Comunicação e Expressão;

  • Informática;

  • Expressão Gráfica;

  • Matemática;

  • Física;

  • Fenômenos de Transporte;

  • Mecânica dos Sólidos;

  • Eletricidade Aplicada;

  • Química;

  • Ciência e Tecnologia dos Materiais;

  • Administração;

  • Economia;

  • Ciências do Ambiente;

  • Humanidades, Ciências Sociais e Cidadania.

Para as disciplinas de Física, Química e Informática são obrigatórias atividades de laboratório.

O núcleo de conteúdos profissionalizantes corresponde a cerca de 15% da carga horária mínima do curso e deve ser definido pela instituição de ensino, de acordo com as indicações das diretrizes do MEC.

Já o núcleo de conteúdos específicos é formado por extensões e aprofundamentos dos conteúdos do núcleo anterior, bem como de outros conteúdos específicos, que devem ser propostos pela instituição de ensino.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) avalia o curso de Engenharia Aeroespacial considerando, além das disciplinas do núcleo de conteúdos básicos, as seguintes disciplinas profissionalizantes e específicas:

  • Ciência dos Materiais;

  • Controle de Sistemas Dinâmicos;

  • Engenharia do Produto;

  • Ergonomia e Segurança do Trabalho;

  • Fenômenos de Transporte;

  • Instrumentação;

  • Máquinas de Fluxo;

  • Materiais de Construção Mecânica;

  • Mecânica Aplicada;

  • Mecânica dos Sólidos;

  • Métodos Numéricos;

  • Modelagem;

  • Análise e Simulação de Sistemas;

  • Processos de Fabricação;

  • Qualidade;

  • Sistemas Mecânicos;

  • Sistemas Térmicos;

  • Tecnologia Mecânica;

  • Termodinâmica Aplicada.

Quantos profissionais de Engenharia Aeroespacial se formam por ano no Brasil?

Segundo dados do Ministério da Educação (MEC), todos os anos 74 profissionais se formam em faculdades de todo o país.

74profissionais se formam por ano no Brasil

Faça carreira em Engenharia Aeroespacial

Onde o profissional pode trabalhar?

O profissional de Engenharia Aeroespacial trabalha nas esferas pública e privada, nos setores industrial e de serviços. Na indústria, é empregado principalmente na metalurgia, na fabricação de máquinas, equipamentos e veículos automotores.

Trabalha em equipe multidisciplinar, sob supervisão ocasional, normalmente com carteira assinada.

Pode ser encontrado também em universidades e institutos de pesquisa e, nesses casos, é classificado como pesquisador e professor.


Quais são as exigências do mercado de trabalho?

O exercício das atividades do profissional em Engenharia Aeroespacial requer formação em curso superior reconhecido pelo MEC e registro no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea).

A tendência do mercado atualmente é valorizar profissionais com pós-graduação e cursos de especialização. Em média, para o exercício pleno das atividades do engenheiro aeroespacial demanda-se uma experiência superior a cinco anos.


Quais são as principais competências pessoais do Profissional de Engenharia Aeroespacial?

As principais características do profissional deEngenharia Aeroespacial, listadas pelo Ministério do Trabalho, são:

  • Raciocínio analítico;

  • Raciocínio lógico;

  • Orientação espacial;

  • Atenção difusa;

  • Capacidade retórica;

  • Capacidade de negociação;

  • Trabalhar em equipe;

  • Capacidade de liderança;

  • Contornar situações adversas;

  • Administrar conflitos;

  • Usar equipamentos de proteção individual (EPI).

Deixe suas dúvidas ou comentários sobre o curso de Engenharia Aeroespacial