Fale com a gente

Como funciona
  1. Busque sua bolsa

    Escolha um curso e encontre a melhor opção pra você.


  2. Garanta sua bolsa

    Faça a sua adesão e siga os passos para o processo seletivo.


  3. Estude pagando menos

    Aí é só realizar a matrícula e mandar ver nos estudos.


Olá! Quer uma ajudinha para descobrir seu curso ou faculdade ideal?

Fisiologia Humana

Saiba tudo sobre o curso de Fisiologia Humana e comece a estudar com ajuda da Quero Bolsa

Ilustração de uma garota fazendo uma pesquisa do curso de Fisiologia Humana no notebook
Duração: Em geral, até 12 meses
Ver bolsas

Sobre o curso de Fisiologia Humana

A fisiologia humana é uma área da biologia que estuda os processos e mecanismos que permitem o funcionamento do corpo humano, compreendendo desde o nível celular até os sistemas orgânicos. Ela investiga como os órgãos e sistemas interagem para manter a homeostase e realizar as funções vitais do organismo.

O curso de Fisiologia Humana é uma disciplina fundamental para aqueles que desejam entender o funcionamento do corpo humano em nível celular, tecidual, orgânico e sistêmico. A fisiologia é o ramo da biologia que estuda os processos e mecanismos que permitem o funcionamento adequado do organismo humano.

Durante o curso, os estudantes têm a oportunidade de aprender sobre os diversos sistemas do corpo humano, como o sistema nervoso, cardiovascular, respiratório, renal, endócrino, digestório, entre outros. Eles exploram as funções desses sistemas e como eles interagem para manter o equilíbrio do corpo.

A fisiologia humana abrange uma ampla gama de tópicos. Os alunos aprendem sobre os processos básicos, como a homeostase, que é a capacidade do corpo de manter condições internas estáveis, apesar das mudanças no ambiente externo. Eles também estudam os mecanismos de transporte de substâncias, como a difusão e o transporte ativo, além de explorar a fisiologia celular e as funções dos diferentes tipos de tecidos do corpo humano.

Outros tópicos importantes abordados no curso incluem a regulação do sistema nervoso, a função dos hormônios e sua influência no metabolismo e na reprodução, o papel do sistema imunológico na defesa do organismo contra agentes patogênicos, a fisiologia do exercício e os mecanismos envolvidos na contração muscular.

Os estudantes de fisiologia humana geralmente têm a oportunidade de realizar atividades práticas em laboratório, como a medição de parâmetros fisiológicos, análise de dados e interpretação de experimentos. Essas atividades práticas permitem uma compreensão mais profunda dos conceitos teóricos e ajudam os alunos a desenvolver habilidades de pesquisa e análise crítica.

Além disso, o estudo da fisiologia humana é essencial para profissionais de saúde, como médicos, enfermeiros, fisioterapeutas e nutricionistas. Eles precisam entender como o corpo funciona normalmente para poder identificar e tratar doenças e distúrbios que possam afetar os sistemas fisiológicos.

O tipo de formação para o curso de Fisiologia Humana é: pós-graduação .

O que se aprende na faculdade de Fisiologia Humana?

No curso de Fisiologia Humana, os estudantes aprendem sobre os princípios fundamentais e os mecanismos envolvidos no funcionamento do corpo humano. Eles exploram a interação dos diferentes sistemas fisiológicos e como eles trabalham em conjunto para manter a homeostase e garantir o funcionamento adequado do organismo. Aqui estão alguns dos tópicos abordados no curso:

Introdução à Fisiologia: Os estudantes são apresentados aos conceitos básicos da fisiologia, como células, tecidos e sistemas. Eles aprendem sobre a organização hierárquica do corpo humano e as principais funções dos diferentes sistemas.

Fisiologia Celular: Este tópico aborda os processos e mecanismos que ocorrem no interior das células, incluindo transporte de substâncias, produção de energia, síntese proteica e comunicação celular.

Sistema Nervoso: Os estudantes exploram a estrutura e função do sistema nervoso, incluindo os neurônios, sinapses, neurotransmissores e os diferentes tipos de receptores sensoriais. Eles aprendem sobre a transmissão de sinais nervosos, regulação do sistema nervoso autônomo e controle motor.

Sistema Cardiovascular: Este tópico abrange a anatomia e a fisiologia do coração, vasos sanguíneos e circulação sanguínea. Os estudantes aprendem sobre o transporte de oxigênio, nutrientes e hormônios, além da regulação da pressão arterial e da frequência cardíaca.

Sistema Respiratório: Neste tópico, os alunos estudam a anatomia e a fisiologia do sistema respiratório, incluindo os pulmões, vias respiratórias e trocas gasosas. Eles aprendem sobre os processos de ventilação pulmonar, transporte de oxigênio e dióxido de carbono, além do controle da respiração.

Sistema Renal: Os estudantes exploram a estrutura e função dos rins, bem como os processos de filtração, reabsorção, secreção e excreção envolvidos na formação da urina. Eles aprendem sobre o equilíbrio de água e eletrólitos, regulação do pH e função renal na eliminação de resíduos metabólicos.

Sistema Endócrino: Este tópico aborda as glândulas endócrinas, os hormônios que produzem e os mecanismos de regulação hormonal. Os alunos aprendem sobre a influência dos hormônios no crescimento, desenvolvimento, metabolismo, reprodução e resposta ao estresse.

Além desses tópicos, o curso de Fisiologia Humana pode abordar outros sistemas e aspectos, como o sistema digestório, o sistema imunológico, a fisiologia do exercício e a fisiologia da reprodução. Os estudantes também podem aprender sobre técnicas e métodos utilizados para estudar a fisiologia, incluindo experimentação em animais e técnicas de monitoramento em humanos.

Caso você tenha dúvidas se esse curso é a escolha certa para você, não deixe de conferir o Teste Vocacional da Quero Bolsa. É rápido, gratuito e pode te ajudar nessa importante escolha profissional.

Procure o curso de Fisiologia Humana ideal para você!

Escolha entre as mais de mil instituições parceiras do Quero Bolsa.

Veja como é simples começar a estudar

  1. Encontre seu curso
  2. Garanta sua bolsa
  3. Economize até se formar

Sobre a carreira de Fisiologia Humana

Onde o profissional de Fisiologia Humana pode trabalhar?

Um fisiologista é um profissional dedicado ao estudo e compreensão dos processos fisiológicos do corpo humano. O trabalho de um fisiologista envolve várias atividades, incluindo pesquisa, ensino, aplicação clínica e experimentação.

Em termos de pesquisa, os fisiologistas conduzem estudos para investigar questões relacionadas à fisiologia humana. Eles projetam experimentos, coletam dados e analisam os resultados para obter insights sobre o funcionamento do corpo humano em condições normais e patológicas. Essa pesquisa pode envolver o uso de técnicas avançadas de medição e monitoramento, como eletrocardiogramas, eletroencefalogramas, ressonância magnética e testes de função pulmonar, entre outros.

Além da pesquisa, os fisiologistas também desempenham um papel importante no ensino. Eles podem ministrar aulas em universidades, faculdades ou escolas de medicina, transmitindo conhecimentos sobre fisiologia humana para estudantes em diversos níveis. Isso inclui palestras, aulas práticas em laboratório e orientação de projetos de pesquisa.

No contexto clínico, os fisiologistas aplicam seus conhecimentos para avaliar a função fisiológica de pacientes. Eles podem realizar testes e análises para diagnosticar condições ou monitorar a resposta do organismo a tratamentos específicos. Isso pode incluir avaliação da função cardíaca, respiratória, neuromuscular, metabólica, entre outras.

Os fisiologistas também desempenham um papel importante na área do esporte e exercício. Eles trabalham com atletas e indivíduos que buscam melhorar seu desempenho físico, fornecendo avaliações fisiológicas, prescrevendo programas de treinamento e monitorando as adaptações do corpo ao exercício.

Caso você tenha dúvidas sobre o curso de Fisiologia Humana ou profissões nesta área, faça o seu questionamento na Comunidade Quero. A Comunidade Quero é um ambiente para troca de conhecimento, onde você pode tirar suas dúvidas e ajudar outros integrantes da Comunidade com as dúvidas sobre o curso.

Veja também: Tudo o que você precisa saber sobre a profissão de Hepatologista no site da Quero Bolsa.

Sino de ofertas
Receba um alerta quando a vaga ideal chegar!

Como ingressar na profissão de Fisiologia Humana?

Quais são as exigências do mercado de trabalho para o profissional de Fisiologia Humana?

O mercado de trabalho para fisiologistas apresenta diversas exigências que os profissionais devem atender para se destacarem e encontrarem oportunidades. Algumas das exigências incluem:

Formação Acadêmica: Para atuar como fisiologista, é necessário obter uma graduação em Fisiologia, Biologia, Ciências da Saúde ou áreas relacionadas. Além disso, alguns cargos podem exigir níveis mais avançados de formação, como mestrado ou doutorado, especialmente para atividades de pesquisa e docência em nível universitário.

Conhecimentos Específicos: Os fisiologistas devem ter um amplo conhecimento dos princípios e conceitos da fisiologia humana, incluindo os sistemas do corpo e os processos fisiológicos envolvidos. Eles devem estar atualizados com as últimas pesquisas e avanços na área, bem como ter habilidades em técnicas de laboratório e análise de dados.

Habilidades Técnicas: O mercado de trabalho para fisiologistas exige habilidades técnicas específicas, como a capacidade de realizar testes e análises fisiológicas, utilizar equipamentos especializados de monitoramento e interpretação de resultados. É essencial ter conhecimentos em técnicas de medição, experimentação e análise estatística.

Experiência Prática: Ter experiência prática em laboratório, pesquisa ou em ambientes clínicos é valorizado no mercado de trabalho. Estágios, projetos de pesquisa ou trabalhos voluntários relacionados à fisiologia humana podem ser vantajosos para adquirir essa experiência.

Capacidade de Trabalho em Equipe: Os fisiologistas frequentemente colaboram com outros profissionais de saúde, como médicos, enfermeiros, fisioterapeutas e nutricionistas. Portanto, é importante ter habilidades de trabalho em equipe, comunicação eficaz e capacidade de colaborar em projetos multidisciplinares.

Atualização Profissional: A fisiologia humana é uma área em constante evolução, com novas descobertas e tecnologias surgindo regularmente. Os profissionais devem estar dispostos a buscar atualizações e aprimorar constantemente seus conhecimentos e habilidades por meio de cursos, participação em conferências e leitura de publicações científicas.

Ética e Responsabilidade: Os fisiologistas trabalham com informações e dados sensíveis sobre pacientes e indivíduos. É essencial ter ética profissional, respeitar a privacidade e confidencialidade das informações, além de seguir rigorosamente as diretrizes e regulamentações aplicáveis.

Essas são algumas das exigências do mercado de trabalho para fisiologistas. Vale ressaltar que as oportunidades de trabalho podem variar de acordo com o país, região e setor de atuação, como pesquisa acadêmica, indústria farmacêutica, instituições de saúde ou esportes.

A atualização contínua, o compromisso com a excelência profissional e a busca por oportunidades de desenvolvimento podem contribuir para o sucesso na carreira de um fisiologista.

Teste: você tem perfil para estudar EaD? Se você está no processo de escolha da modalidade de cursos, graduações ou especializações, esse teste surgiu na hora certa. O Teste de Perfil EaD mapeia o seu perfil comportamental e detecta como você se sairia em um curso a distância. Descubra sem pagar nada.

Balões de Conversa - Dúvidas sobre Fisiologia Humana
Está com dúvidas sobre Fisiologia Humana? Os alunos e ex-alunos do curso estão prontos para tirar suas dúvidas. Ver perguntas e respostas

Perguntas e Respostas - Fisiologia Humana

Tipo de Pergunta
Recentes