logo

  • Lista de faculdades
  • Lista de cursos
  • Lista de profissões
  • Revista Quero
  • Central de ajuda

Fale com a gente

Como funciona
  1. Busque sua bolsa

    Escolha um curso e encontre a melhor opção pra você.


  2. Garanta sua bolsa

    Faça a sua adesão e siga os passos para o processo seletivo.


  3. Estude pagando menos

    Aí é só realizar a matrícula e mandar ver nos estudos.


Engenheiro estrutural: tudo sobre a profissão

O responsável pelo planejamento, execução e fiscalização de projetos estruturais da construção civil. Com a vigência da construção de grandes obras, a atuação do engenheiro estrutural se tornou indispensável em diversos segmentos da construção civil
engenheiro estrutural

Sobre a profissão

O engenheiro estrutural é o profissional responsável por projetar, analisar e executar projetos e obras. Por conta disso, sua atuação se vincula ao do arquiteto, de forma que ambos trabalham de forma alinhada para a plena realização da estrutura do edifício e obra em questão.


Em seu dia a dia, o engenheiro estrutural deve encontrar soluções, realizar cálculos, analisar espessuras, supervisionar obras, além de diversas outras atividades correlacionadas.

Sua atuação envolve cálculos estruturais, supervisionamento de obras, além de atuar no planejamento dos trabalhos por meio de softwares 3D específicos. Sua função também engloba a manutenção de obras já existentes e análises de projetos de construção civil.

O engenheiro estrutural pode exercer atuação em frentes relacionadas à construção civil, o que engloba projetos de pequeno e grande porte, como, por exemplo, pontes, casas, prédios, escritórios, entre outras opções.

Por que ser um Engenheiro estrutural?

Panorama no estado de:
O mercado não apresenta crescimento nos últimos anos

Mas espera...selecionamos outras profissões que apresentam crescimento.

    Engenheiro estrutural

    Como se tornar um Engenheiro estrutural?

    Para ingressar no mercado de trabalho, o profissional deve possuir formação completa em Engenharia Estrutural. O curso é ofertado em nível pós-graduação lato sensu (especialização e MBA) e stricto senu (mestrado e doutorado).

    Por meio da pós-graduação lato sensu, o profissional será inserido em uma formação de curta e média duração, podendo variar entre 6 meses a 2 anos. Já em uma pós-graduação stricto sensu, a formação será mais extensa, se estendendo em um período entre 2 a 4 anos. 

    Além disso, o engenheiro estrutural deve possuir registro no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA)

    Se você deseja ingressar no mercado de trabalho da engenharia estrutural, acesse o site da Quero Bolsa e encontre ofertas para o curso com até 80% de desconto. 

    Vale a pena estudar para ter essa profissão?

    Ser formado ou não... eis a questão?

    Qual cidade deseja trabalhar?