Informações

Engenheiro de produção

Otimizar o processo produtivo de uma empresa é a missão do engenheiro de produção 

O que faz um engenheiro de produção

O engenheiro de produção se dedica à concepção, implementação e melhoria dos processos produtivos em uma empresa, envolvendo pessoas, materiais, informações, energia, equipamentos, competências e habilidades dentro de uma linha de produção. Ou seja, o engenheiro de produção é responsável por otimizar o processo produtivo e garantir sua eficiência, de forma estratégica e mantendo baixos os custos de produção. Para isso, o engenheiro de produção une conhecimentos técnicos com conhecimentos sobre Gestão de Pessoas, Administração e Economia.

Como se tornar um engenheiro de produção

Quem deseja se tornar engenheiro de produção deve obter diploma no curso superior de Engenharia da Produção aprovado pelo MEC. Além disso, o engenheiro de produção precisa estar devidamente registrado no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) do estado onde atua.

Para ter sucesso no mercado de trabalho, o engenheiro de produção deve possuir um perfil empreendedor e capaz de se adaptar às mais diversas organizações da sociedade e funções que pode exercer dentro dessas organizações. Além disso, deve ser um profissional versátil, com espírito crítico e raciocínio lógico, ter criatividade e gostar de resolver problemas e enfrentar desafios.

Áreas de atuação

As possibilidades de atuação para o engenheiro de produção são bastante variadas. Como possuir conhecimentos diversos e que envolvam Gestão de Pessoas, Produção e Economia, o engenheiro de produção é capaz de atuar em empresas do mais diferentes segmentos, sejam elas públicas ou privadas.

Contudo, as corporações que mais contratam engenheiros de produção são as indústrias de modo geral, especialmente dos setores de mecânica, química, construção, alimentos, petróleo, siderúrgico, agroindústria, automóveis e outros.

Além das empresas de manufatura e fabricação, o engenheiro de produção também pode ser contratado por empresas de serviços, como as de transporte aéreo, internet, consultorias, bancos, telefonia, logística etc.

Dentro das organizações, o engenheiro de produção pode atuar nas áreas de pesquisa operacional, gestão da manutenção, tecnologia da informação, automação industrial, planejamento e controle da produção, financeiro, suprimentos, logística, entre outras.