Envie mensagem ou ligue
Informações

Torneiro mecânico

Preparar, regular e operar o torno para a fabricação de objetos é a função do torneiro mecânico

O que faz um torneiro mecânico

O torneiro mecânico é aquele responsável por operar o torno, uma máquina utilizada para a fabricação de objetos a partir de materiais como metal, plástico ou madeira. O torno serve para fazer a usinagem da matéria-prima, ou seja, para definir o formato do objeto a ser fabricado por meio do corte do material e para dar acabamento à peça. Portanto, o torneiro mecânico prepara, regula e opera o torno durante a usinagem e faz o controle dos parâmetros de produção e qualidade do produto fabricado. Ele também faz a leitura e interpretação dos desenhos utilizados no procedimento de fabricação.

Sobre o mercado de trabalho

R$ 2138,59
salário médio de um torneiro mecânico
R$ 2843,00
estado com maior salário - Paraíba
718
contratações no último ano (2018)
533
demissões no último ano
185
saldo de vagas criadas

Como se tornar um torneiro mecânico

Como as atividades de um torneiro mecânico requerem conhecimentos práticos e domínio do uso dos diferentes tipos de tornos, é necessário que o profissional faça um curso profissionalizante, já tendo concluído o Ensino Médio. O torneiro mecânico irá, então, aprender as normas técnicas, os procedimentos de segurança e os cálculos que garantem a produção de um produto com maior qualidade. Além disso, o estudante aprenderá sobre os diferentes tipos de torno, suas características e modo de operação, além das ferramentas existentes de corte e os tipos de suporte.

Áreas de atuação

É comum a presença do torneiro mecânico em indústrias metalúrgicas e mecânicas, bem como nas fábricas do setor de automação, mineração e siderurgia. Esse profissional é bastante requisitado no mercado de trabalho, podendo atuar tanto na indústria de base quanto na de tecnologia de ponta. Ou seja, apesar de atuar especificamente no setor industrial, o torneiro mecânico pode trabalhar nos mais variados tipos de fábricas e indústrias, como profissional contratado ou como autônomo para manutenção e reparo do torno.