Informações
WhatsApp
Iniciar um atendimento
E-mail
contato@querobolsa.com.br
Telefone
Ligue para 0800 940 0840
Segunda a sexta das 09h às 19h
Como funciona?
Encontre seu curso
Faça sua pré-matrícula online
Economize até o fim do curso!

Pedagogo: tudo sobre a profissão

Aquele que trabalha com a construção do conhecimento

Oportunidades de emprego têm ultrapassado a fronteira da sala de aula; desenvolvimento de pessoas em empresas ganha destaque no mercado

pedagogo

Sobre a profissão

O profissional responsável por desenvolver processos de ensino-aprendizagem é chamado de pedagogo. Ele é especialista em Educação e procura compreender as questões sociais relacionadas ao aluno, associando a realidade do estudante e os modelos e paradigmas sociais ao aprendizado. Dessa forma, ele contribui para a qualidade do ensino e do aprendizado, buscando fortalecer a construção do conhecimento na sociedade. Entre suas atividades, o pedagogo pode:

  • ministrar aulas, principalmente para crianças dos primeiros anos da escola;
  • organizar o calendário letivo de uma escola, estipulando as datas dos diversos eventos e atividades escolares;
  • planejar e organizar atividades culturais;
  • coordenar conselhos de classe;
  • promover ações de integração entre a escola e a família dos alunos;
  • coordenar reformas curriculares;
  • desenvolver atividades educacionais e novos métodos de ensino e aprendizagem;
  • promover ações e métodos de inclusão nas escolas;
  • trabalhar com educação especial;
  • aconselhar alunos e familiares;
  • oferecer orientação vocacional.

O pedagogo atua como um verdadeiro especialista em na área de Educação e no processo de ensino e aprendizagem. Suas atividades estão diretamente ligadas ao trabalho do professor e ao desenvolvimento de métodos de ensino para públicos específicos como, por exemplo, funcionários de uma empresa. Os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) de 2018, do Ministério do Trabalho, apontam o salário médio do pedagogo com o valor de R$2.234,88. O estado de Goiás apresenta o maior salário para o profissional, com uma remuneração de R$3.300,96.

O pedagogo, quando não ministra aulas, relaciona-se à atuação do professor, tornando-se um apoio educacional. Geralmente, atua no ambiente escolar e instituições de ensino, por ser um profissional da Educação, mas também pode exercer suas atividades em empresas privadas, indústrias de brinquedos, meios de comunicação, órgãos públicos, hospitais e clínicas de saúde infantil, orfanatos, creches, ONGs e no terceiro setor.

Caso deseje, o pedagogo pode se especializar em áreas específicas, como educação especial, educação infantil, pedagogia empresarial, pedagogia hospitalar, orientação educacional ou vocacional, psicopedagogia, ou, então, nas diferentes áreas dos saberes, como Matemática, Ciências, Linguagens etc.

Por que ser um Pedagogo?

Panorama em
O mercado não apresenta crescimento nos últimos anos

Não era isso que você esperava?

Mas espera...selecionamos outras profissões que apresentam crescimento.

    Pedagogo

    Como se tornar um Pedagogo?

    Quem deseja atuar como pedagogo deve se formar em uma faculdade de Pedagogia aprovada pelo MEC. Normalmente, o pedagogo ainda cursa alguma especialização, mas também pode atuar como profissional generalista. O pedagogo deve ter um registro no Conselho Federal de Educadores e Pedagogos, para que possa exercer, de forma regulamentada, a sua profissão.

    Vale a pena estudar para ter essa profissão?

    Ser formado ou não... eis a questão? 🤔

    Qual cidade deseja trabalhar?

    Mais profissões da área de Ciências Sociais e Humanas

    Conheça mais profissões que combinam com você e compare as características dos cursos.