Informações
WhatsApp
Iniciar um atendimento
E-mail
contato@querobolsa.com.br
Telefone
Ligue para 0800 940 0840
Segunda a sexta das 09h às 19h
Como funciona?
Encontre seu curso
Faça sua pré-matrícula online
Economize até o fim do curso!

Designer de moda: tudo sobre a profissão

O responsável por criar peças de vestuário, tendo como base as tendências da moda

Mercado é amplo e exige atualização constante em tendências e estilos; estados do Sudeste e do Sul apresentam maiores salários médios

designer de moda

Sobre a profissão

O designer de moda é responsável por criar, desenhar, desenvolver e administrar processos no setor da moda, nas diferentes etapas de realização de um produto, que vão além da fabricação têxtil. O profissional tem as atribuições para criar o conceito no estilo das roupas, realizar a modelagem, gerenciar a produção fabril ou ainda ficar responsável por eventos e pela estética da divulgação das campanhas de moda, assim como suas estratégias de marketing. O designer de moda conhece o que está em alta nas estações do ano, indica looks e assessora artistas e outros clientes na vestimenta para ações especiais ou do cotidiano.

O designer de moda atua desenhando roupas, estampas e acessórios. Ele também pode prestar assessoria de moda para lojas e pessoas e ajudar na composição de vitrines e na combinação de roupas. No Brasil, de acordo com dados de 2019 do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, Rio de Janeiro, São Paulo, Santa Catarina e Rio Grande do Sul são os estados com salários médios maiores para esses profissionais, com remunerações acima de R$3.500.

A atuação do designer de moda em fábricas têxteis se inicia na concepção dos produtos, no setor de estilismo, onde ele encontra liberdade para desenhar novos cortes, criar estampas e indicar tecidos. Dessa etapa em diante, um designer de moda também pode ter como sua responsabilidade a administração das etapas produtivas das roupas e acessórios.

A profissão não está somente no chamado “chão de fábrica”. Uma marca ou grife pode utilizar um designer de moda para trabalhar na customização de lojas, marketing, realização de desfiles, eventos, apresentação de coleções, fotografia, vídeos e consultorias.

O designer de moda encontra outro campo de trabalho como estilista pessoal. Nessa função, ele indica ao seu cliente o que está na em alta em conjunto ao que se encaixa de forma confortável no corpo e nas ações cotidianas ou especiais.

Por que ser um Designer de moda?

Panorama em
O mercado não apresenta crescimento nos últimos anos

Não era isso que você esperava?

Mas espera...selecionamos outras profissões que apresentam crescimento.

    Designer de moda

    Como se tornar um Designer de moda?

    A profissão de designer de moda exige muito estudo e um amplo conhecimento de história da moda. Algumas funções requerem ainda que o profissional tenha habilidade com desenho ou corte e costura. O bacharelado ou tecnólogo em Design de Moda confere a aprendizagem e a certificação que grande parte do mercado de trabalho exige. Com duração média de quatro anos para o bacharelado e dois anos para habilitação tecnológica, o curso pode ser feito de maneira presencial ou a distância (EaD), nos quais é requisito essencial realizar estágio profissional.

    Com o conceito globalizado de moda, o profissional pode ter a necessidade de visitar outros países e acompanhar o que acontece no setor em publicações em língua estrangeira. Portanto, é recomendado que o designer de moda saiba inglês e outros idiomas para que isso amplie seu leque de possibilidades e contatos.

    Vale a pena estudar para ter essa profissão?

    Ser formado ou não... eis a questão? 🤔

    Qual cidade deseja trabalhar?

    Mais profissões da área de Artes e Design

    Conheça mais profissões que combinam com você e compare as características dos cursos.