Engenheiro físico: tudo sobre a profissão

Profissional que promove melhorias e desenvolvimento de novas tecnologias mediante seu conhecimento da área da Física

O engenheiro físico terá temas de diversas áreas da Engenharia durante a sua formação acadêmica. Consequentemente, o profissional terá um vasto campo de possibilidades para atuação.

engenheiro físico

Sobre a profissão

O engenheiro físico possui conhecimento teórico da física e está apto a aplicá-lo em melhorias dos processos industriais e tecnológicos. Sua atuação pode impactar o fluxo de produção de diversas áreas, tanto na resolução de problemas como no desenvolvimento de novas possibilidades. O profissional desta área deve apresentar aptidão aos temas relacionados às Ciências Exatas e, assim como o mercado de trabalho, a sua formação acadêmica poderá adentrar temas presentes em outros cursos de Engenharia.

De acordo com a página do curso na Quero Bolsa, o engenheiro físico é formado para colocar em prática os conhecimentos, resolvendo problemas e desenvolvendo novas tecnologias. A diferença para o bacharel em Física é que o engenheiro físico recebe formação voltada para os aspectos científicos e de pesquisa, incluindo atividades teóricas e de laboratório. De acordo com o portal de recrutamento Glassdoor, o salário médio nacional de Engenheiro é de R$9.113 no Brasil.

Se você quer se especializar na área e fazer sua faculdade com uma bolsa de estudo em Engenharia Física, veja as ofertas disponíveis na Quero Bolsa. Além disso, não deixe de conferir as ofertas em outras áreas da Engenharia e as bolsas de estudo em Física na QB.

Após a conclusão acadêmica, o profissional estará apto ao trabalho em empresas de tecnologia, para desenvolver equipamentos na área médica e da saúde, e desempenhar funções relacionadas às indústrias petroquímicas e de processos químicos. O engenheiro físico terá contato com outros temas durante a formação acadêmica, como Informática, Mecânica ou Eletrônica. Por isso, o engenheiro físico encontrará possibilidades de trabalho em outras vertentes temáticas da Engenharia. 

Além disso, o engenheiro físico poderá trabalhar na atribuição de aulas e, consequentemente, em instituições de ensino superior.

Por que ser um Engenheiro físico?

Panorama em
O mercado não apresenta crescimento nos últimos anos

Não era isso que você esperava?

Mas espera...selecionamos outras profissões que apresentam crescimento.

    Engenheiro físico

    Como se tornar um Engenheiro físico?

    A graduação em Engenharia Física dura em média 5 anos ou 10 semestres letivos. No primeiro ano, a tendência é que o estudante tenha contato com matérias mais abrangentes e conteúdos ligados à Física ou Informática. Posteriormente, o estudante terá acesso às áreas mais específicas da graduação e, provavelmente, sua rotina acadêmica terá ligação com temas como materiais, eletrônica, mecânica ou automação. Além disso, vale mencionar que o trabalho de conclusão de curso é obrigatório para os graduandos de Engenharia Física.

    Vale a pena estudar para ter essa profissão?

    Ser formado ou não... eis a questão? 🤔

    Qual cidade deseja trabalhar?

    Mais profissões da área de Engenharia e Produção

    Conheça mais profissões que combinam com você e compare as características dos cursos.