logo

  • Lista de faculdades
  • Lista de cursos
  • Lista de profissões
  • Revista Quero
  • Central de ajuda

Como funciona
  1. Busque sua bolsa

    Escolha um curso e encontre a melhor opção pra você.


  2. Garanta sua bolsa

    Faça a sua adesão e siga os passos para o processo seletivo.


  3. Estude pagando menos

    Aí é só realizar a matrícula e mandar ver nos estudos.


Meteorologista: tudo sobre a profissão

Profissional que realiza previsões e pesquisas meteorológicas. A atuação pode influenciar diversas áreas profissionais como, por exemplo, a agricultura, o transporte ferroviário e hidroviário, a operação de radares, além da produção de energia solar e eólica.
meteorologista

Sobre a profissão

O meteorologista é um profissional habilitado a analisar os processos químicos e físicos que definem o estado da atmosfera.

De acordo com a página do curso, este profissional tem conhecimento de estudos e/ou interpretação de dados sobre a temperatura, chuvas, umidade do ar e ventos, e da interpretação de imagens de radares e satélites. O meteorologista é um profissional que está apto a previsão das condições atmosféricas.

A profissão de Meteorologista foi regulamentada no dia 14 de outubro de 1980 e a Sociedade Brasileira de Meteorologia (Sbmet) é o órgão representante e ligado ao Sistema Confea/Crea (Conselho Federal de Engenharia e Agronomia – Confea/Conselhos Regionais de Engenharia e Agronomia).

Portanto, os meteorologistas devem realizar seus registros profissionais no Crea da Unidade Federativa (UF) de atuação. 


De acordo com a Lei Nº 6.835, de 14 de outubro de 1980, são atribuições do meteorologista:

  • dirigir órgãos, serviços, seções, grupos ou setores de Meteorologia em entidade pública ou privada;
  • julgar e decidir sobre tarefas científicas e operacionais de Meteorologia e respectivos instrumentais;
  • pesquisar, planejar e dirigir a aplicação da Meteorologia nos diversos campos de sua utilização;
  • executar previsões meteorológicas;
  • executar pesquisas em Meteorologia;
  • dirigir, orientar e controlar projetos científicos em Meteorologia;
  • criar, renovar e desenvolver técnicas, métodos e instrumental em trabalhos de meteorologia;
  •  introduzir técnicas, métodos e instrumental em trabalhos de Meteorologia;
  • pesquisar e avaliar recursos naturais na atmosfera;
  • pesquisar e avaliar modificações artificiais nas características do tempo;
  • atender a consultas meteorológicas e suas relações com outras ciências naturais;
  • fazer perícias, emitir pareceres e fazer divulgação técnica dos assuntos referidos nas alíneas anteriores.

De acordo com a página de Meteorologia, o curso de bacharelado tem duração média de quatro anos (oito semestres)  e inclui disciplinas básicas, como Física e Matemática, e específicas, como Climatologia, Termodinâmica e até Animação em 3D.

Além disso, o aluno terá opções de pós-graduação na área e um curso de Tecnologia em Meteorologia Aeronáutica, exclusivo para profissionais de carreira militar.

No mercado de trabalho, as atividades do meteorologista são fundamentais nos setores ligados à agricultura, produção de energia solar e/ou eólica, além dos transportes aéreo e fluvial.

De acordo com o portal de recrutamento Glassdoor, o salário médio nacional de um Meteorologista, no Brasil, é de R$6.096,00

Por que ser um Meteorologista?

Panorama no estado de:
O mercado não apresenta crescimento nos últimos anos

Mas espera...selecionamos outras profissões que apresentam crescimento.

    Meteorologista

    Como se tornar um Meteorologista?

    O aluno interessado em trabalhar na área deve iniciar um curso superior em Meteorologia ou Ciências Atmosféricas para trilhar a sua trajetória profissional.

    Hidrometeorologia, Meteorologia Física, Meteorologia Sinótica, Dinâmica da Atmosfera são algumas das disciplinas que podem integrar a grade curricular do curso de Meteorologia e/ou Ciências Atmosféricas. 

    Os cursos de Meteorologia, Ciências Atmosféricas e Engenharia Meteorológica são disponibilizados majoritariamente por universidades públicas. Além disso, o estágio supervisionado e o trabalho de conclusão de curso podem ser requisitados pelas instituições de ensino superior.

    Vale a pena estudar para ter essa profissão?

    Ser formado ou não... eis a questão?

    Qual cidade deseja trabalhar?

    Mais profissões da área de Outras

    Conheça mais profissões que combinam com você e compare as características dos cursos.