Concorra a Bolsas de Estudo 100%
logo
Lista de faculdades Lista de cursos Lista de profissões Revista Quero Central de ajuda

banner image banner image
Profissões

Como ser um terapeuta?

por Thales Valeriani em 28/12/21

É comum ouvirmos quem vai ao psicólogo dizer que vai ao terapeuta. Mas, será que é a mesma profissão? Bem, de antemão podemos avisar que são diferentes! Então, como se tornar um terapeuta? Existe alguma graduação específica?

+ Encontre bolsas de estudo para todos os níveis de ensino

Como sabemos, para se tornar psicólogo é preciso cursar Psicologia; para se tornar psiquiatra, Medicina; e terapeuta, uma especialização ou curso livre. Assim, alguns psicólogos e psiquiatras também são terapeutas, mas o inverso nem sempre acontece.

como ser um terapeuta

Leia mais
+ Conheça 7 fatos sobre a carreira de Psicologia
Cursos da área da saúde estão entre os mais buscados do país, aponta pesquisa

Qual é a diferença entre psicólogo e terapeuta?

O psicólogo é o profissional formado em Psicologia e que, para clinicar, precisar estar registrado no Conselho Regional de Psicologia (CRP) do estado em que trabalha. 

Já o terapeuta é qualquer profissional que cuide da saúde física ou psicológica de alguém, como educadores físicos, fisioterapeutas ou mesmo psicólogos e psiquiatras. Assim, para ser terapeuta, é necessário ter concluído alguma especialização ou curso livre que habilite a pessoa a aplicar determinada técnica. Desse modo, a principal diferença entre o psicólogo e o terapeuta é a ciência psicológica.

+ Entenda a diferença entre psicólogo e terapeuta

Como ser um terapeuta?

É considerado terapeuta qualquer profissional da área da saúde que cuide do bem estar físico ou emocional do paciente a partir de determinada técnica. No caso do profissional de Psicologia, para ser considerado também um terapeuta, é preciso realizar uma especialização em Psicologia Clínica.

Já no caso das demais terapias, algumas podem ser aplicadas apenas por um grupo restrito de profissionais, como fisioterapeutas e biomédicos, que precisam de formação específica e registro no conselho de classe. Outras, porém, podem ser aplicadas por profissionais de diversas áreas, desde que tenham a formação necessária quanto à técnica terapêutica que será empregada.

Quais são os tipos de terapeutas?

Atualmente, o Brasil reconhece 29 práticas terapêuticas, também chamadas de Práticas Integrativas e Complementares (PICs). Grande parte dos profissionais que utilizam essas técnicas não possuem um Conselho de classe oficial.

No entanto, para saber se o profissional é qualificado, pode-se pedir alguma certificado ou carteira profissional. Além disso, é possível também verificar se o profissional é registrado na Associação Brasileira dos Terapeutas Holísticos (ABRATH).

+ Psicologia EaD ou presencial: tudo o que você precisa saber

Quais são as práticas terapêuticas reconhecidas no Brasil?

Como vimos, o o Brasil reconhece 29 práticas terapêuticas. Além disso, o Sistema Único de Saúde (SUS) oferece 25 terapias integrativas, são elas:

  1. Yoga

  2. Reiki

  3. Florais

  4. Fitoterapia

  5. Acupuntura

  6. Homeopatia

  7. Geoterapia

  8. Ayurveda

  9. Antroposofia

  10. Naturopatia

  11.  Cromoterapia

  12. Termalismo

  13. Arteterapia

  14. Osteopatia

  15. Quiropraxia

  16. Dança circular

  17. Biodança

  18. Reflexoterapia

  19. Apiterapia

  20. Meditação

  21. Shantala

  22. Bioenergética

  23. Constelação familiar

  24. Hipnoterapia

  25. Imposição de mãos

+ 10 cursos da área de saúde que talvez você não conheça

Quando procurar um terapeuta?

Em geral, deve-se procurar um terapeuta assim que determinados sintomas físicos ou emocionais se manifestarem. Como existem diversos tipos de terapias, há tratamentos para diferentes problemas. 

Desse modo, essa pergunta não possui uma única resposta, mas é certo que deve-se procurar um terapeuta quando for necessário, sem hesitação.

Onde estudar 

Escolher uma boa instituição de ensino para estudar Psicologia ou algum curso livre para se tornar terapeuta é fundamental, pois o mercado de trabalho é concorrido e uma boa formação é um diferencial. 

A seguir, é possível conferir uma lista com algumas Instituições de Ensino Superior (IES) que são bem avaliadas pelo MEC. Confira:

banner image banner image

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Você pode trocar por outro curso ou pedir reembolso em até 30 dias após pagar a pré-matrícula. Se você garantiu sua bolsa antes das matrículas começarem, o prazo é de 30 dias após o início das matrículas na faculdade.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2022 CNPJ: 10.542.212/0001-54