Engenheiro de pesca: tudo sobre a profissão

Profissional que possui conhecimento para atuar na coordenação ou planejamento de atividades do ramo da Pesca

Além das ações sobre cultivo e comercialização, o engenheiro de pesca pode atuar no aprimoramento estrutural  - de locais ou equipamentos - para maior aproveitamento dos recursos.

engenheiro de pesca

Sobre a profissão

O engenheiro de pesca possui conhecimento para atuar no planejamento e na coordenação de atividades pesqueiras. Uma das possibilidades de atuação é o trabalho junto aos pescadores e aquicultores, principalmente, em situações de orientação e estruturação de ações visando o aumento - ou melhorias de etapas - da produção e a sustentabilidade durante as ações de trabalho pesqueiro. 

Vale mencionar a diferença de atuação no setor da pesca e das ações ligadas à aquicultura. De acordo com o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA), o primeiro setor faz a retirada de recursos pesqueiros do ambiente natural. Por outro lado, as ações da aquicultura, geralmente, abrangem o cultivo de organismos aquáticos em um espaço de confinamento e controle.

Para informações adicionais, não deixe de conferir a página de Engenharia de Pesca na Quero Bolsa.

O profissional pode atuar de forma individual e sem vínculos empresariais. Por outro lado, há possibilidade do engenheiro de pesca desempenhar funções para empresas - de diversos portes - da área e atuar em órgãos que regulam e fiscalizam a atividade pesqueira.

Se você gostaria de se profissionalizar na área e fazer sua faculdade com uma bolsa de estudo em Engenharia de Pesca, veja as ofertas disponíveis na Quero Bolsa. Por fim, não deixe de conferir as possibilidades em outras áreas da Engenharia, por exemplo, as bolsas de estudo em Engenharia Ambiental na QB.

De acordo com a página de Engenharia de Pesca, o profissional também está apto ao desenvolvimento de novos métodos e tecnologias para a reprodução, captura, transporte, acondicionamento e beneficiamento de recursos pesqueiros. O engenheiro pode atuar em órgãos públicos e ONGs relacionadas com a preservação e conservação do meio ambiente.

Desta forma, o profissional pode prestar serviços às empresas do setor ou desempenhar funções de consultoria para outros profissionais da área. Além disso, o engenheiro de pesca pode prestar serviços acadêmicos e, portanto, lecionar sobre a área de atuação em instituições de ensino superior.

Por que ser um Engenheiro de pesca?

Panorama em
O mercado não apresenta crescimento nos últimos anos

Não era isso que você esperava?

Mas espera...selecionamos outras profissões que apresentam crescimento.

    Engenheiro de pesca

    Como se tornar um Engenheiro de pesca?

    A Quero Bolsa disponibiliza ofertas de bacharelado em Engenharia de Pesca para você. De acordo com os conteúdos curriculares do curso de Engenharia de Pesca, existem três eixos durante o período de formação acadêmica: Conhecimentos Básicos, Conhecimentos Profissionais e Conhecimentos Essenciais Específicos. Por fim, a duração média do curso de Engenharia de Pesca é de 5 anos e o estágio é obrigatório aos estudantes. 

    Vale a pena estudar para ter essa profissão?

    Ser formado ou não... eis a questão? 🤔

    Qual cidade deseja trabalhar?

    Mais profissões da área de Engenharia e Produção

    Conheça mais profissões que combinam com você e compare as características dos cursos.